Artigos

Apreensao

Após a busca e apreensão de veículo financiado ainda existe possibilidade de recuperá-lo?

A resposta é: SIM!

Entretanto, o prazo é curto, senão curtíssimo para alguns.

Dispõe o Decreto-Lei 911/1969, a seguir:

Art 3º O Proprietário Fiduciário ou credor, poderá requerer contra o devedor ou terceiro a busca e apreensão do bem alienado fiduciariamente, a qual será concedida liminarmente, desde que comprovada a mora ou o inadimplemento do devedor.

§1º Cinco dias após executada a liminar mencionada no caput, consolidar-se-ão a propriedade e a posse plena e exclusiva do bem no patrimônio do credor fiduciário, cabendo às repartições competentes, quando for o caso, expedir novo certificado de registro de propriedade em nome do credor, ou de terceiro por ele indicado, livre do ônus da propriedade fiduciária. (Redação dada pela Lei 10.931, de 2004)

§2º No prazo do § 1º, o devedor fiduciante poderá pagar a integralidade da dívida pendente, segundo os valores apresentados pelo credor fiduciário na inicial, hipótese na qual o bem lhe será restituído livre do ônus. (Redação dada pela Lei 10.931, de 2004)

Quando a liminar de busca e apreensão do veículo for cumprida pelo Oficial de Justiça (que poderá fazer com ou sem auxílio de força policial, dependendo do teor do mandado), inicia-se a contagem do prazo no dia útil seguinte, se a busca e apreensão foi cumprida em uma sexta-feira, o prazo começará a contar na segunda-feira, sendo o último dia para pagamento na sexta-feira seguinte.

A questão de quando o início do prazo começaria foi suscitada no Resp 986.517/RS, o recurso do devedor pretendia que o início da contagem se desse quando da juntada do mandado de busca e apreensão aos autos nos termos do art. 241, do CPC.

No julgamento o Ministro Relator ressaltou que, com a vigência do art. 56 da Lei n. 10.931/2004, a nova redação atribuída ao DL n. 911/1969 prevê, no art. 3º, §§ 1º e 2º, que o prazo para o pagamento integral da dívida pelo devedor inicia-se a partir da efetivação da decisão liminar na ação de busca e apreensão, visto que, cinco dias após executada a medida, consolidar-se-ão a propriedade e a posse plena e exclusiva do bem no patrimônio do credor fiduciário. Explica que a efetivação da liminar de busca e apreensão possui dois objetivos: resguardar os direitos do credor e cientificar o devedor de que, no prazo de cinco dias contados da efetivação da medida, ele poderá pagar a integralidade da dívida (que inclui as prestações vencidas e as vincendas por antecipação). Mas, se quitadas, será restituído o bem livre de ônus.

Desta forma, é possível verificar o panorama em que se encontra o devedor, pelo Decreto-Lei 911/69, após a efetivação da busca e apreensão é possível pagar todo o débito existente do veículo (ou qualquer outro bem alienado fiduciariamente), isto incluiria, também, as parcelas que ainda não estejam vencidas.

É muito comum, logo após a busca e apreensão as instituições financeiras leiloarem o veículo através de terceiros, entretanto, caso disponha do bem antes do prazo de cinco dias, tendo o devedor quitado a integralidade do contrato, devidamente corrigido, juntamente com todas as despesas decorrentes da medida judicial, deverá a instituição financeira indenizar o devedor ex-devedor em 50% do valor do contrato devidamente atualizado. É o que dispõe o §6º, do Decreto-Lei 911/69, a seguir:

§6º Na sentença que decretar a improcedência da ação de busca e apreensão, o juiz condenará o credor fiduciário ao pagamento de multa, em favor do devedor fiduciante, equivalente a cinqüenta por cento do valor originalmente financiado, devidamente atualizado, caso o bem já tenha sido alienado. (Redação dada pela Lei 10.931, de 2004)

Porém, dificilmente ocorrerá, até porque, em geral, os leilões de veículos apreendidos não ocorrem em tão curto prazo, ainda que em Capitais. Mas não é impossível que ocorra o pagamento e o processo somente retorne ao juiz meses depois (dependendo da Comarca).

Outra situação que pode ser enfrentada é o devedor já ter quitado a dívida, não é raro a falta de comunicação entre os terceirizados da instituição financeira.

Recomendações

A questão para o devedor deve ser analisada com a mesma ótica que a financeira avalia.

O negócio de uma instituição financeira é dinheiro e não carro, quanto menos ela perder é melhor para a empresa.

Para o devedor, é importante saber que mesmo sendo o bem apreendido, a dívida permanecerá, pois mesmo que o veículo seja vendido e não quitar todas as despesas decorrentes do contrato de alienação e as despesas decorrentes do procedimento judicial, o devedor poderá ser cobrado judicialmente e inclusive ter seus bens, tantos quanto bastem para quitar a dívida (incluindo aí custas processuais e os honorários advocatícios).

Há opções para amenizar o prejuízo caso haja a total impossibilidade de continuar pagando as prestações mensais, uma delas é a venda (desde que consentida pela instituição financeira com a transferência do contrato para terceiros), ainda que se dê a preço vil.

Deve-se levar em conta o que será gasto caso a medida extrema de busca e apreensão se concretize.

Outra possibilidade é negociar com a instituição financeira a devolução amigável do bem (devidamente formalizado, pretendendo que a entrega amigável quite o contrato assumido), assim poderia evitar as despesas decorrentes do processo judicial e honorários advocatícios.

Em geral as situações enfrentadas costumam ser assim, porém, é sempre bom conversar com um profissional habilitado para dirimir dúvidas e até mesmo auxiliar nas negociações com o banco ou defender seus interesses caso a divergência vá parar no judiciário.

Atualização: 16/06/2014

Recentemente o STJ tinha determinado a suspensão de todos os processos de busca e apreensão em todo o país que ainda não tinham recebido solução definitiva, entretanto, menos de dois meses após esta determinação de sobrestamento, a Corte Superior definiu que é obrigatório o pagamento do saldo total remanescente do contrato conforme o cálculo apresentado pela financeira, veja a seguir:

ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA EM GARANTIA. RECURSO ESPECIAL REPRESENTATIVO DE CONTROVÉRSIA. ART. 543-C DO CPC. AÇÃO DE BUSCA E APREENSÃO. DECRETO-LEI N. 911/1969. ALTERAÇÃO INTRODUZIDA PELA LEI N. 10.931/2004. PURGAÇÃO DA MORA. IMPOSSIBILIDADE. NECESSIDADE DE PAGAMENTO DA INTEGRALIDADE DA DÍVIDA NO PRAZO DE 5 DIAS APÓS A EXECUÇÃO DA LIMINAR.
1. Para fins do art. 543-C do Código de Processo Civil: “Nos contratos firmados na vigência da Lei n. 10.931/2004, compete ao devedor, no prazo de 5 (cinco) dias após a execução da liminar na ação de busca e apreensão, pagar a integralidade da dívida – entendida esta como os valores apresentados e comprovados pelo credor na inicial -, sob pena de consolidação da propriedade do bem móvel objeto de alienação fiduciária”.
2. Recurso especial provido.
(REsp 1418593/MS, Rel. Ministro LUIS FELIPE SALOMÃO, SEGUNDA SEÇÃO, julgado em 14/05/2014, DJe 27/05/2014)

  1. meire
    meireago 01, 2014

    boa tarde! Rodrigo, estou eu aqui novamente. o banco levou meu carro ja faz 2 meses, porem eu estava e ainda estou fazendo o deposido em juiz. meu advogado pediu a conexao do processo, ja juntou tudo que tinha que juntar.
    agora ta assim no precesso concluso para despacho minuta 22. o mesmo juiz que autorizou a busca e o mesmo que autorizou os depositos. nqo enten mais nada.
    obrigada

  2. Lucas
    Lucasago 01, 2014

    Olá Dr. comprei um Fiat Uno duas portas básico, efetuei R¨6.800,00 reais de entrada e o saldo ficou em 36 parcelas de R$ 638,00 paguei 13 parcelas. Fui acometido de uma câncer em uma das córneas, iniciei o tratamento e precisei fazer a extração da córnea afetada para que o problema não se espalhasse… Hoje me recupero da cirurgia, estou só com uma visão, o carro eu usava pra fins pessoais e é de grande importância para o meu tratamento, irei fica em acompanhamento por cinco anos, deixei o carro atrasar 6 parcelas, o carro foi apreendido já faz alguns meses, o banco me pede 9 mil reais para atualização do saldo devedor e continuar pagando e 23 mil reais para quitação. Qual é o melhor a fazer em uma situação desse tipo. Por favor me mostre um caminho.

    Domingos

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 01, 2014

      Se em qualquer escolha que fizer o banco lhe entregar novamente o veículo será um bom negócio. Se eles não forem te devolver o carro, o ideal seria tentar uma negociação melhor. Há opções de tentar quitar a dívida vendendo ela para outro banco, você pode aceitar uma negociação condicionada à entrega do carro e posteriormente repassar a dívida para outro banco e renegociar valores e prazos…

  3. Andre Fontana
    Andre Fontanajul 31, 2014

    Boa noite
    Possuo um carro onde financiei pelo banco bradesco e não paguei nenhuma parcela do mesmo pois minha ideia era colocar uma revisional pq ficou com juros de 2,.. % de taxa.
    Já faz um mes que não pago e claro as ligações começaram, me informei com um amigo o mesmo me passou que nenhum juiz vai liberar busca e apreensão se eu não assina nenhum documento que receber em minha casa.Isso está correto, minha preocupação é entrarem com a busca e eu perder o carro do nada sem direito a nada.
    Obrigado por tirar minhas duvidas.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 31, 2014

      Se desse ao trabalho de ler os comentários saberia que você fez um empréstimo bancário e o carro é uma das GARANTIAS do pagamento, certamente perderá o carro e ainda ficará devendo para o banco…

  4. Joana franco Martins
    Joana franco Martinsjul 31, 2014

    Olá Dr.Rodrigo,por gentileza gostaria de saber se um veículo com BA poderá ser apreendido em um comando se estiver com doc em dia?E se não estiver bloqueio?
    Grata Joana

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 31, 2014

      Geralmente não se consulta mais informações se o veículo está com o documento em dia e a habilitação do condutor. O bloqueio judicial é restrição para venda e não para que a polícia apreenda.

  5. Cristiane
    Cristianejul 30, 2014

    Dr. muito boa noite! No caso de cumprimento de ação de busca e apreensão, com liminar, ou seja, sendo a liminar cumprida, há um prazo de apreciação por parte do juiz?? Passados os 30 dias do cumprimento da liminar há que se falar, nesse caso, de decaimento de prazo para a propositura de uma ação principal??

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 30, 2014

      Não, a própria liminar é decorrente da ação de busca e apreensão, você deve efetuar o pagamento em 5 dias ou contestar, o processo segue normalmente.

  6. Eliane
    Elianejul 29, 2014

    Rodrigo, boa tarde!

    Meu carro está com bloqueio Judicial, porem já quitei minha divida o escritório de advocacia que intermediou a negociação me diz que já encaminhou o processo para que a restrição seja retirada mais que não tem um prazo para isto ocorrer.
    Quero saber como devo proceder para acelerar este processo, pois não posso ficar esperando a vida toda.
    Desde já agradeço!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 29, 2014

      Constituir um advogado para acompanhar o processo e requerer a urgência da baixa na restrição…

  7. Willian Sabóia
    Willian Sabóiajul 29, 2014

    Ola Dr. Rodrigo vou-lhe explicar minha situação eu peguei um carro em divida de um amigo meu, porem ele estava com 3 parcelas atrasadas no total de 6 mil e tinha uma mandado de busca e apreensão, só que o advogado estava entrando com um processo para abaixar as parcelas do carro assim como também a busca e apreensão só que no ultimo sábado o mesmo carro foi aprendido pelo oficial de justiça e no caso eu gostaria de saber se tem como eu recupera-lo e quis são os procedimentos que eu deve fazer? Me ajude Agradeço desde Já

  8. Rafael Link
    Rafael Linkjul 29, 2014

    Boa tarde Dr. Rodrigo, desde já agradecendo sua atenção.
    Foi efetuada busca e apreensão de um veículo meu a pouco mais de 1 ano. Eu já não vinha pagando ele a mais de 1 ano. a minha dúvida é se é possível refinanciar a dívida? É verdade que, após 5 anos, a dívida “morre” mesmo?.
    Obrigado e ótima semana !!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 29, 2014

      Sim, é possível refinanciar DESDE QUE a financeira aceite, pois ela é a outra parte no processo. Prescreverá em 5 anos o direito de lhe cobrar o débito remanescente, contando o prazo da constituição da dívida.

  9. diego
    diegojul 28, 2014

    Bom dia!!!
    Rodrigo reverter um processo de revisão, para perda e danos continua em juizado especial ou vai se arrastar durante anos em processo comum? no meu caso é que estou com pagamento ajuizado o juiz ja mandou devolver o carro mais o banco diz que ja mandou para leilão,,, outra pergunta no caso de perda e danos ainda cabe recurso para banco ou não?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 28, 2014

      Em verdade é um pedido de conversão no próprio processo, se o banco já disse ter leiloado, pede-se a conversão. Cabe recurso sim, se está tramitando no juizado pode continuar nele.

  10. nelson
    nelsonjul 24, 2014

    ola o meu sogro tem um caminhao do 90 mil pagou 70 a vista e financiou 20 mil so que no final do ano deixou atrasar 8 parcelas e deu busca e apreenderam o caminhao dele ,e agora eles querem que paga tudo de uma vez as 8 parcelas ou 39 mil incluido ja as parcelas e o juros e ele nao tem essa quantia agora,a financeira propos pra ele dar o caminhao ,mais dai ele ia perder tudo como funciona eles podem fazer isso a divida e de 39 mil e pegar um caminhao de 90 mil .sendo que e o unico meio de ganho dele e ele paga alugel, sera que nao da pra fazer mais nada .espero resposta .obrigado

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 24, 2014

      Neste caso não se perde tudo, pois o caminhão irá para leilão e eventualmente sobrerá crédito a receber. O ideal é pagar tudo, mas como não tem dinheiro, precisa ficar em cima da financeira para ela prestar contas do valor que o veículo foi vendido.

  11. caio nunes
    caio nunesjul 24, 2014

    Ola ,o oficial de justiça levou o carro hoje pois ta financiado em 60 vezes estava com 2 parcelas atrasada mas pulei ela e continuei pagando pois tem 15 pagas e duas ficou para tras, fui no banco e me falarao que posso pegar o carro se quitar pois nao tenho a quantia.
    e fiquei sabendo que mesmo assim vou ter que pagar pro banco o carro sem telo e agora o que faço obrigado…

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 24, 2014

      Sem dinheiro, sem solução, infelizmente. Se o banco lhe deu a opção de pagar apenas estas duas e ficar com o carro, particularmente pediria para todos os amigos uma contribuição para quitar. Indiferentemente de você fazer alguma coisa, a dívida irá ficar e terá que pagá-la uma hora…

  12. diego
    diegojul 22, 2014

    Boa tarde!!! rodrigo estou com revisional pagando valor integral e o oficial de justiça levou o carro, no boleto do BB vem o valor total e o vencimento vem contra apresentação, no mes 02 ñ tive como pagar e no mes 03 paguei 2 boletos es ñ tem como pagar juros do que estava em atraso, no meu processo não foi concedido antecipação de tutela pois o adv pediu autorização para pagar o valor menor tipo 50% e como ñ foi concedido estou pagando valor integral….. enfim te pergunto por não ter pago corretamente o juiz pode negar a devolução do carro?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 22, 2014

      Se não foi pago corretamente o juiz pode negar seu pedido. Mas isso é detalhes que precisam ver dentro do processo, há uma série de coisas a se fazer, se o juiz deferiu o pedido para pagar em juízo deve comprovar na contestação do processo de busca e apreensão.

  13. GEORGE SAMPAIO
    GEORGE SAMPAIOjul 21, 2014

    EM 2010 OU 2011 MEU CARRO SOFREU BUSCA E APREENSÃO. NUNCA ME DISSERAM SE ELE FOI LEILOADO OU O QUE ACONTECEU.
    HOJE (21/07/2014) ME LIGARAM PARA FAZER COBRANÇA DO FINANCIAMENTO DO VEÍCULO. O QUE FAZER?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 21, 2014

      Contratar um advogado para lhe dizer qual o melhor caminho a ser tomado. Isto porque é necessário ver o processo da busca para saber se o que estão cobrando está de acordo.

  14. Eliane
    Elianejul 20, 2014

    Tenho umas dúvida. Levaram o carro do meu irmão na Quinta-Feira (17/07) em mandado de busca e apreensão, li alguns comentários aqui que me esclareceram um pouco, mas tenho umas perguntas.
    A primeira, é que não foi recebida nenhuma notificação antes deles virem buscar o carro, essa notificação tem que ser por escrito ou existem outras formas?
    Ele já estava com uma advogada, que entrou com um pedido de revisional das parcelas desde o ano passado, já que não foi possível um acordo com o banco e ela conseguiu derrubar o primeiro mandado de busca, sendo que esse agora, eles( os advogados da Instituição) entraram em vara diferente da que está correndo o processo, e a advogada diz que não viu esse pedido e quem tinha que ter visto era o próprio, pois ela tem muitos clientes. Isso procede?
    E outra, a advogada aconselhou que ele parasse de pagar as parcelas desde o ano passado, não dando a informação da possibilidade de pagamento em juízo, isso também é possível.
    Fora que ela cobrou R$ 3.000,00 de pagamento antes de começar a fazer alguma coisa. Desculpe tantas perguntas, pois sou leiga em relação a esses assuntos. Se vc puder me responder pelo menos uma das dúvidas, fico agradecida.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 20, 2014

      A notificação é por escrito, basta ver no processo se está lá ou não e quem a recebeu. Novo processo de busca ajuizado não é de responsabilidade do advogado, até mesmo porque não é vidente de descobrir quando alguém protocolará novas ações contra seu cliente. Parar de pagar é sempre uma péssima opção, pois se trata de um empréstimo, no mais, como já foi revogado um mandado de busca, nada impede que outro seja, mas para saber detalhes, só a advogada da causa para informar.

  15. Rosa Maria
    Rosa Mariajul 19, 2014

    Boa tarde Dr. Rodrigo,
    estava pagando meu carro em juizo, quando fui surpreendida com a busca e apreensao em outubro de 2013, meu advogado nao conseguiu pegar o veiculo de volta, pq o juiz disse que nao tinha autorização para eu pagar em juizo.
    Em abril desse ano recebi um notificação que meu carro tinha sido vendido em leilão e que eu havia ficado com uma divida. Poucos dias depois o banco me ligou dizendo que minha divida era de 4000 mil restante para eu limpar meu nome.
    Disse a eles que queria muito limpar meu nome pois precisa comprar outo carro, eles me disseram so voce pagar a sua divida de 4000, disse para eles que so tinha 2000 no momento eles dizeram que o banco tinha aprovada e que eu nao ia ficar com nenhuma divida que podia financiar outro veiculo. o pagamento foi efetuado no dia 07/07/2014.
    Ainda tenho 14000 depositado em juizo.
    Fui fazer um financiamento e eles me disseram que ainda consta a busca e apreensao,diz que meu nome nao e bom no mercado, por causa dessa busca, mas nao devo mais nada, isso pode ocorrer mesmo?
    E se puder mesmo como faço para limpar meu nome, pois preciso de outro veiculo.
    Obrigada.
    Rosa

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 19, 2014

      Se não foi aceito os pagamentos em juízo peça o dinheiro de volta. Não deve constar restrições por causa da busca e apreensão se você já quitou tudo, inclusive o débito remanescente. Eu entendo que essa negativa injustificada ocasiona dano moral. Se já está tudo quitado, peça ao advogado para pedir a baixa do processo.

  16. Adriano Silva
    Adriano Silvajul 17, 2014

    Boa tarde, estou com problemas com a BV Financeira, meu pai financiou para mim um veículo em 60 meses, paguei 36 parcelas e parei de pagar em dezembro de 2013 pois mudei de emprego e tive uma redução significativa no meu salário, hoje meu pai recebeu uma notificação de busca e apreensão, mas o carro está comigo em outro endereço, gostaria de saber se nesses casos as Polícias em geral podem fazer a apreensão ou somente o oficial de justiça? Devo esconder o carro e aguardar uma proposta para quitação.
    Obrigado.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 17, 2014

      Deve constituir um advogado para analisar a situação e sua peculiaridade para melhor lhe informar. Fazer uma proposta de quitação é viável, mas se já tem conhecimento da busca e apreensão, faça o pagamento da quitação em juízo e peça para o juiz reoclher o mandado de busca e apreensão, assim diminuem-se os prejuízos e incômodos de eventual apreensão…

  17. Cristiane
    Cristianejul 15, 2014

    Prezado Dr Rodrigo, muito boa tarde!
    Refinanciei um veiculo meu em 48X, procedi ao pagamento corretamente pós refinanciamento, inclusive cheguei a pagar 10 parcelas de uma vez.
    Ocorre que em janeiro de 2014, erroneamente pulei uma parcela, e fui pagamento todas as outras dentro do prazo, no entanto, quanto percebi o equívoco solicitei ao banco um boleto para pagamento desta parcela em atraso, o que me foi negado.

    Em 23/05/2014 fui surpreendida pela apreensão do meu veiculo. Ressalta -se que se quer fui avisada desta busca, notificada ou coisa do gênero, momento em que imediatamente fui pessoalmente falar com a financeira, e mais uma vez me foi negado o boleto para pagamento. No mesmo dia, fiz o deposito em juízo do valor em aberto, já com os juros passados pela financeira, e junto depositei a parcela do mês corrente que venceu nesta data.

    Requisitei um advogado, que dentro do prazo legal procedeu à contestação, mas ate agora não obtive nenhum retorno. Tenho acompanhado o processo, porem o juiz sequer vistou o , acredito que pela burocracia do sistema.

    Pergunto: continuo procedendo ao deposito judicial das parcelas em aberto?? Há alguma possibilidade da perda do processo??? Juntei ao processo todos os comprovantes corroborando os pagamentos, inclusive pagamento de 10 parcelas de uma vez, parcelas estas que antecedem a parcela que pulei equivocadamente, mesmo assim esta correto tal apreensão?

    O que devo fazer???

    Obrigada pela presteza e elucidação de duvidas de forma clara e objetiva!!! Obrigada mesmo!!!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 17, 2014

      Precisa ver o processo, se não houve notificação de mora é possível anular a busca, isso estará dentro do processo. Não precisaria nem pagar em juízo se você tem os boletos, mas se já está procedento desta forma continue. A apreensão está correta e não importa se pagou mais da metade do contrato, basta apenas uma parcela atrasar para ensejar a busca. O estranho é que ninguém ficou te perturbando com ligações para pagar…

    • Cristiane Regina
      Cristiane Reginajul 17, 2014

      Pois é Dr Rodrigo,
      Ocorre que no processo existe uma AR, acredito que simulada, pois não ha ninguém em minha residencia com aquele nome, e isso foi provado em processo, porem o mandado foi cumprido.

      O boleto esta bloqueado e não consigo pagar as prestações que estão vencendo por ele…
      Atinente à perturbação, foi eu quem ligou para eles, requisitando o envio boleto da referida parcela em atraso,no entanto eles fizeram promessas de envio, porem não foi remetido a mim (acredito que de má fé), apenas fui surpreendida pela APREENSAO.. Agora tenho receio de continuar procedendo ao deposito e correr o risco de perde-lo, pois a parcela e relativamente alta… o que vc me indica??? Grata mais uma vez….

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 17, 2014

      Essas questões de “simulação” deve ser discutida no processo. Perder ou não o carro não irá fazer com que a dívida simplesmente desapareça… Ou você paga ou você paga, a diferença é o quanto irá pagar ao final. Veja com seu advogado os caminhos adotados e o que esperar e o que fazer caso alguma das alternativas for acontecendo.

  18. dionizio
    dioniziojul 15, 2014

    Boa tarde!!! tenho um carro financiado em 48x paguei 15 e entrei com revisão desde então depositei 9 parcelas no valor integral em juízo, só que o oficial levou o carro isso ja faz 1 mes, meu advogado esta tentando tirar o carro e nada do juiz liberar corro risco de perder de perder o carro e tudo que ja paguei?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 15, 2014

      Corre o risco de perder, mas pagando o valor integral é certo que afastou a mora e é só questão de tempo para que o juiz analise e mande devolver o veículo.

  19. Julio
    Juliojul 14, 2014

    Bom dia Rodrigo, dei uma olhada nos comentários, mas não encontrei nenhum caso igual o meu.
    Estava com 6 parcelas em atraso, o banco entrou com a busca e apreensão, e logo em seguida foi concedida a liminar e meu veículo apreendido. Imediatamente procurei um advogado, que me orientou bem. Ele entrou com uma ação de consignação em pagamento com liminar, pedindo para pagar apenas as parcelas em atraso, o que foi deferido, e dentro do prazo da lei efetuei o pagamento, no quinto dia. Entrei em contato com o patio em que meu veículo estava bem como o localizador da financeira informando sobre a liminar, que o veículo deveria ser devolvido para mim. o Juiz mandou o banco devolver o veículo em 5 dias, mas antes do banco ser intimado já levaram o veículo para outra cidade. E no mesmo dia que chegou na cidade ja mandaram para um pátio de leilão. O que pode ser feito? Meu advogado pediu urgencia pro juiz, mas ele mandou aguardar o prazo. Meu advogado errou? o que pode ser feito? Tem um caminho mais rapido agora? Eu acho que a financeira agilizou o envio do veículo pro leilão quando ficaram sabendo que teriam que devolver o carro, mas se ampararam na demora da justiça, aproveitando que ainda nao tinham sido intimados, pode ser isso? Obrigado!!!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 14, 2014

      Seu advogado está correto, infelizmente as coisas no judiciário demoram mesmo pela simples limitação estrutural, incluindo aí recursos humanos, ocorre que a financeira faz as coisas como de costume e logo que apreendido o carro envia para pátios de leilão para que possam efetivar logo a venda. O juiz já determinando a devolução em prazo determinado e não sendo cumprida pela financeira, pode o advogado requerer a imposição de multa para restituição, seja ela diária ou pelo descumprimento. Pode ainda o advogado peticionar para que o juiz mande cópia do processo para o MP analisar eventual crime de descumprimento de determinação judicial, a questão agora é ficar no pé deles…

  20. Ruth Andrade Chamusca
    Ruth Andrade Chamuscajul 12, 2014

    Dr. Rodrigo, bom dia!
    Preciso de uma orientação, por favor.
    Tenho 66 anos, moro no estado de São Paulo e comprei um carro em 2011 através de leasing.
    Em outubro de 2013 fiquei desempregada e hoje não tenho como pagar o valor de R$ 1.670,00 de cada parcela. Em fevereiro deste ano parei de pagar e em março procurei o banco, mas já estava numa assessoria jurídica. Entrei em contato para negociar o valor das parcelas mas não consegui. Nesta semana recebi uma correspondência do banco pedindo para entrar em contato com a assessoria de cobrança, para ” negociar as parcelas vencidas, fazer a liquidação do bem ou fazer a devolução amigável”. Não tenho como pagar as duas primeiras opções e fiquei sabendo que na devolução amigável eu devolvo o carro que eu já paguei durante 3 anos e ainda vou ficar devendo ao banco. É verdade que vou ficar sem o bem e ainda ficar devendo? Eu não quero devolver e não quero deixar de pagar, mas quero pagar uma prestação que caiba no meu orçamento de aposentada. Como devo fazer? Desde já muito obrigada.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 12, 2014

      O leasing é diferente da alienação fiduciária, com a entrega (devolução) do veículo suspende-se a dívida. Entretanto deverá pagar apenas as atrasadas. Precisa ver corretamente o seu contrato, pois há o VRG que é pago durante as parcelas para ver se não há compensação destas atrasadas, mas como não quer devolver o veículo, mas quer pagar a dívida, entre em contato para negociar o pagamento, eu sugiro que busque ajuda de amigos ou parentes para pagar, pois a conta fica bem maior caso haja busca e apreensão. Pense até na possibilidade de transferir a dívida para outro banco onde poderá negociar um novo contrato e diminuir o valor das parcelas alongando o tempo de pagamento…

  21. Diego
    Diegojul 11, 2014

    Bom dia… Rodrigo estou com processo de revisão e estou pagando em juízo o valor integral a 8 meses, só q o banco entrou com pedido de busca e apreensão e levaram o carro, meu advogado só entrou com o pedido de conexão agora, ele disse que demora de 15 a 20 dias para reaver o carro nesse período o banco pode vender meu carro? e se demorar mais de 20 dias corro o risco de venderem meu carro?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 11, 2014

      Dependendo do local pode demorar até mais tempo, o que precisa ser feito é ficar cobrando o juiz (assessor) diretamente por causa da urgência. É claro que corre o risco deles venderem o carro, mas nem tudo é mal, pois poderá converter o processo em perdas e danos a seu favor.

  22. sandro lucio
    sandro luciojul 10, 2014

    Dr, boa noite.
    Financiei um carro e passei para meu amigo, mas ele ja tem tres parcelas que nao paga e a advogada do banco ja me ligou perguntando se vou pagar, senao eles vao fazer busca apreensao. O que faço? posso pedir para eles prenderem o veiculo e depois quitar com a financeira e pegar o carro de volta pra mim? quando for quitar o veiculo, a financeira retira os juros do financiamento com a quitação total?
    desde ja obrigado

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 10, 2014

      Pode pedir, mas isso é um risco porque a financeira logo vende o carro. Porque não pede o carro de volta e paga apenas as prestações com o “amigo”? Também tem a opção de pagas as três parcelas atrasadas e cobrar o “amigo” no juizado e tentar um acordo pra ele devolver o carro. São várias opções já que quer quitar o contrato, mas respondendo, quitando o contrato deve sim ter redução de juros.

  23. Clara
    Clarajul 10, 2014

    Olá!
    Boa Noite!!
    Meu carro está em busca.
    A oficiala veio até minha casa, mas meu namorado está com o carro viajando a trabalho.
    Meu advogado ainda não recebeu os cálculos do contador.
    O que eu faço?
    Grata!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 10, 2014

      Converse com o advogado e veja o que ele orienta…

  24. Diego Biagio
    Diego Biagiojul 10, 2014

    Boa tarde Rodrigo, em media quanto tempo leva para a financeira mandar o carro para leilão meu carro esta preso a 3 semanas….. obrigado pelas outras 2 resposta e parabéns pelo atendimento….

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 10, 2014

      Se em 5 dias conforme a lei você não purgar a mora com o pagamento integral já se consolida a propriedade da financeira e eles podem leiloar ou utilizar o veículo.

  25. Diego Eduardo
    Diego Eduardojul 10, 2014

    Bom dia… fabio saiu uma decisão em que outro juiz disse que para que seja purgada a mora teria que pagar o valor total mais esta errado essa decisão até mesmo porque estou com ação revisional e não é o caso de purgar a mora, meu advogado disse q o cartório não subiu os autos da revisão o que vc acha?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 10, 2014

      A decisão está correta a respeito da purgação, ocorre que deve ser feito um pedido de conexão para informar que você não está em mora, mas isto somente em caso de estar efetuando os depósitos em juízo.

  26. Diego Eduardo
    Diego Eduardojul 10, 2014

    Bom dia… tenho um carro financiado em 48X de 728,00. paguei 15 parcelas e entrei com processo de revisão e assim paguei 8 parcelas de 728,00 em juizo. e saiu o pedido de busca e o oficial levou meu carro meu advogado esta correndo atras ele disse que esta errado porque o processo de revisão entrou primeiro na comarca então é que esta valendo só que ja fazem 3 semanas e nada de liberar o carro será que eu perdi meu carro?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 10, 2014

      Se está pagando em juízo o valor integral das parcelas não perderá, é uma pena não ter tomado conhecimento da busca antes dela acontecer, pois desse jeito poderia ter atuado para revogar o mandado e discutir a dívida nos dois processos. A questão agora é esperar e torcer para que a financeira não deu destinação de leilão para o carro, mas é bem provável que vá recuperá-lo.

  27. Luciana
    Lucianajul 07, 2014

    Bom dia,

    Tenho um veiculo foi solicitado revisional ate momento não saiu.No site do detran consta veiculo em Renajud.O que é isso?:???

  28. tommy
    tommyjul 03, 2014

    Ola, financiei meu caro pelo banco e paguei somente 10 parcelas das 36 que restaram , pois fiquei desempregado, mudei de endereco e nunca tive comunicacao do bco. mais verifiquei no site do tj que tem uma acao do banco contra mim (Assunto : Contratos Bancários ) no valor de 40.000 , esta acao iniciou em 10/10/2103 a 10 meses atraz, tem varios termos no processo que desconheco , mas a ultima atualizacao em 03/7/2014 e = 442 – Despacho proferido mero expediente e 308 – Determinada a publicacao , minha pergunta quanto tempo vence esta busca e apreencao? se eles nao acharem o carro ficara para perdas e danos, e a restricao continua em meu nome ate eu pagar.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 03, 2014

      Ficará a restrição, a questão de pagar é controversa…

  29. Suelen
    Suelenjul 01, 2014

    Olá. Quitei uma dívida após contrato ajuizado. O carro continua com bloqueio RENAJUD CIRCULAÇÃO.
    Faz 6 meses que quitei a dívida e ao procurar o detran para licenciamento fui informada do bloqueio. Ao procurar o banco, fui informada que o processo continua mesmo com a dívida paga há 6 meses. Pois querem que eu pague honorários advogatícios.
    Tenho que pagar as custas?
    Quando quitei a dívida nada me foi cobrado, como proceder?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 01, 2014

      Você precisa pedir para um advogado analisar o processo para saber o que ficou combinado, de qualquer maneira, pode ser pedido o desbloqueio via judicial.

  30. meire
    meirejun 25, 2014

    boa tarde, Dr Rodrigo!
    o que quer, dizer em uma pedido de conexao de uma açao , comprovante de deposito juntada?
    prazo 16?

    mais uma vez obrigada

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 28, 2014

      Foram juntados os processos de busca com o revisional, é o que parece. Esse tipo de consulta deve ser realizada com seu advogado na causa… Pois é a pessoa mais apta a responder realmente o que ocorre.

  31. meire
    meirejun 20, 2014

    boa tarde, Rodrigo!
    quando agente tem um processo e o advogado pede a conexao, das acoes.
    e mais rapido pra resolver?
    no caso de perda do carro por busca e apreensao.
    obrigada

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 20, 2014

      É mais seguro para resolver e será decidido junto, não necessariamente será mais rápido. Caso no processo revisional o juiz autorizou o pagamento em juízo é neste momento do pedido da conexão que o juiz irá constatar que não há mora no pagamento e frustrará a busca e apreensão mandando devolver o veículo.

  32. Fernando costa
    Fernando costajun 20, 2014

    Olá, meu caro primeiramente fico feliz por existir um canal como esse para esclarecimentos, e agradecer a competência e sua atenção. Minha dúvida é o seguinte: financie um veículo zero em 2012, por dificuldades financeiras só paguei 4 prestações, assim que entendi que não teria condições de pagar fiz contato com o banco para uma entrega amigável só que o banco fez pouco caso e informou que nao teria interesse, e que eu buscasse outra forma etc.., logo em seguida sofri um acidente com veículo e deu perda total o veículo não tjnha seguro e sendo assim informei toda a a situação so q eles passaram a dívida para um escritório de advocacia, mesmo assim informei e tento até hoje uma forma de negociação só para tirar a restrição do meu nome só q eles não querem ouvir prposta nenhuma e não acreditam que o veiculo deu perda total. O processo de BA já está bastante adiantado já ouve uma inércia por parte deles, e o juiz informou no movimentação se mas uma inércia o processo seria extinto, a última movimentação foi Ao interessado sobre certidão do OJA
    Documentos foi essa e ja foi publicado, pois não tenho advogado, sendo possível informar o q acontecera agora. Grato. Fernando

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 20, 2014

      Não encontrando o veículo irá ser convertido o processo em perdas e danos e irão lhe cobrar o valor do contrato corrigido + custas processuais e honorários advocatícios. A restrição continuará.

  33. jean
    jeanjun 18, 2014

    meu carro foi apreendido mais o banco não quer saber de quitação das parcela que e (5x) eles querem que eu quito todas as parcelas que falta (27x) mais não tenho condição ,não sei o que fazer

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 18, 2014

      Aceitar a perda é uma das opções, tentar vender a dívida para outro banco também é uma opção, dar o carro de graça para outra pessoa assumir a bronca é mais uma opção… o problema é que a única opção para ter o veículo é pagando o contrato integral, mas sem dinheiro, sem negócio…

  34. Deivid reis
    Deivid reisjun 16, 2014

    Boa noite Rodrigo martins eu gostaria de uma orientação sobre a apreensão do meu veiculo, ele foi apreendido ja ta quase para quitar e o valor q eles estão cobrando para regularizar as 6 parcelas atrasadas é maior q c eu fosse quitar toda a divida , gostaria de intender , e ver tbm oq eu preciso fazer pra recuperar meu veiculo q ja foi mais q pago com 50% de entrada e 40 parcelas pagas ?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 17, 2014

      Obviamente o valor será maior, sugiro pagar para reaver o carro e depois analisar conjuntamente com um advogado se é o caso de fazer uma revisional do contrato, bem como dessa última cobrança para ver se há algum abuso.

  35. PRISCILA APARECIDA DE SOUZA MOLERO
    PRISCILA APARECIDA DE SOUZA MOLEROjun 14, 2014

    Levaram meu carro em busca e apreensão com 3 parcelas vencidas e nem fui notificada, me deram 5 dias para pagar o total do carro o que eu faço perco realmente o carro se não tenho esse dinheiro, consigo reaver o carro se pagar as atrasadas?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 14, 2014

      Esta questão já foi respondida nas diversas perguntas deste artigo. Se realmente pode confirmar que não foi notificada, contrate um advogado porque a ausência de notificação para constituir a mora você consegue reaver o carro, pagar as atrasadas só sua financeira é que pode responder se dá acordo ou não.

  36. edime
    edimejun 10, 2014

    bom dia, Rodrigo!
    e muito obrigada, pelo esclarecimento.
    queria dizer que nao acho anti ético!
    até porque nao citei nome de ninguem.
    so queria uma segunda opiniao.
    porem valeu.

  37. edime
    edimejun 09, 2014

    boa noite, Rodrigo!
    a minha duvida é o seguinte, antes eu havia falado com voce.
    meu carro foi levado, mas tenho que continuar pagando.
    voce disse que isso é o correto.tive com meu advogado hoje ,
    porem ele me disse que esta esperando o cartorio liberar um papel, que nem sei que papel e esse.
    pra poder pegar o carro de volta.disse que vai la toda semana, e que os funcionarios do cartorio disse que tudo tem seu tempo. e que ele fica tentando ensinar eles atrabalharem por isso temos que esperar.
    faz 15 dias je que levaram. isso é verdade? é assim mesmo que ocorre?
    obrigada mais uma vez.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 09, 2014

      É assim que ocorre e as vezes é pior. Agora lhe recomendo que fale com seu advogado que está questionando o trabalho dele na Internet. Se não há confiança no trabalho troque, mas não questione a conduta para terceiros, é anti-ético.

  38. Fernando Couto
    Fernando Coutojun 09, 2014

    Meu Cao, me desculpe ñ entendi está suspenso ainda ?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 09, 2014

      Não, não está mais suspenso, veja a decisão no site do STJ, infelizmente está tudo como antes…

  39. Fernando Couto
    Fernando Coutojun 08, 2014

    Olá, só queria saber se ainda está suspenso pelo STJ, toda as buscas e apreenções. Obrigado. Fernado

  40. edime
    edimejun 06, 2014

    bom dia, gostaria de saber o seguinte.
    tenho um financiamento de 36 parcelas, porem paguei 23 e entrei com uma revisional.
    e nao paguei mais, quando foi em abril comecei depositar em juiz. so que o banco veio e levou meu carro,
    meu advogado disse que mesmo assim eu tenho que continuar com os depositos, para pegar o carro de volta.
    isso ja faz 11 dias. e nada ele disse que esta esperando a decisao do juiz. nao sei se isso e correto, pois os precessos de busca e apreencao nao estao suspensos? por favor me ajude. obrigada

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 07, 2014

      Bom, deveria ter feito os depósitos em juízo desde o início do processo, eu recomendaria não parar de pagar em momento algum e em relação a prazos, é demorado, 11 dias não são nada em um processo cível, preocupe-se caso passe de dois meses e não tenha qualquer decisão. Peça para informar ao juiz da existência da ação revisional, dependendo ele poderá suspender a busca e apreensão e mandar devolver o bem. Isso vai de processo para processo, só seu advogado pode dar maiores detalhes porque ele tem acesso direto ao que acontece.

  41. ANDRÉ
    ANDRÉjun 05, 2014

    Bom dia Doutor Rodrigo.!

    Financiei uma pá carregadeira, e vir por atrasar as prestações, na qual houve por esse motivo a apreensão do equipamento na data de ontem (04/06/14) às 22:00. Como sou acadêmico de direito, busquei informações nos meus livros, e percebi que tenho 05 dias para quitar a integralidade da divida, ou seja quitar toda a divida, que segundo o banco é no valor de R$ 70.000,00. Neste caso, se eu quitar a divida, pelo visto tenho que solicitar ao meu advogado que suspenda a busca e apreensão devendo deste forma o banco bradesco me devolver o bem sem ônus conforme artigo lido, mas tenho medo de quitar e o banco não me entregar o bem, como devo agir? No caso de o banco não devolver, deve o advogado adentrar com perdas e danos né? Qual o prazo que tenho que esperar (até quando eles podem ficar com o equipamento?) Aguardo retorno breve e desde já agradeço pela atenção. Gostaria de aproveitar o ensejo e lhe parabenizar pelo blog, esta show! saudações;

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 07, 2014

      Primeiramente deve purgar a mora, pedindo que o processo vá para o contador apurar o valor devido e não o que o banco pede. Depois de pagar, se o banco não devolver o bem, o processo se converte em perdas e danos e você não fica no prejuízo. Feito o pagamento, o juiz determina que seja devolvido em determinado prazo, não sendo cumprido, peça para arbitrar multa pelo descumprimento, se eles se manifestarem que não possuem mais o bem, peça a conversão do processo e execute a multa.

  42. Levi Junior
    Levi Juniorjun 04, 2014

    Bom dia, preciso de uma orientação. Comprei um carro pela Volk’s, quando fechei contrato Leasing foi assinado com Credi Nissan, mas quando entro em contato é pela Renault Financ, mas o Banco responsável é o Santander(Onde Possuo Conta Corrente). Atrasei as parcelas e fizeram busca e apreensão. O Santander não que me dar emprestimo consignado, alegando que tenho divida de carro com eles. Procurei advogado que me deu algumas opções gostaria de sua opinião sobre elas:
    – 1º Purgar a mora, pagando somente as parcelas que estão em atraso, e eu teria a possibilidade de ter o carro novamente.
    – 2º Tentar ainda uma entrega amigável do bem, para que o nome não fique no SPC e o Leilão do carro é mais rápido.
    – 3º Quitar as parcelas atrasadas e as vincendas até o prazo limite, neste caso não tenho possiibilidade.
    – 4º Deixar o processo continuar, esperar acontecer o Leilão e ver quanto de débito ou crédito vou ter no final.
    Eu estou optando pela primeira proposta, mas não sei se o Juíz aceitara, apesar de ter quitado 50% do carro, ou a segunda proposta de tentar fazer acordo de entrega amigável, esta decisão preciso tomar hoje. Se puderes me ajudar agradeço.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 04, 2014

      1) Para purgar a mora somente em juízo e se estiver no prazo para fazê-lo. 2) Se era Leasing a apreensão do veículo liquida a dívida. 3) Sem dinheiro, sem solução a curto prazo. 4) Ao final do processo requerer a prestação de contas, seja incidentalmente ou em ação autônoma.

  43. Rogerio
    Rogeriojun 03, 2014

    Dr Rodrigo, boa tarde.

    Minha esposa fez um financiamento pelo Santander e atrasou 03 parcelas, conversei com a empresa que faz a cobrança e prometi o pagamento para a proxima sexta-feira (06/06/2014), porem a cobradora exigiu que o pagamento fosse efetuado até amanhã (04/06/2014) e se não efetuasse o pagamento, seria feito ajuizamento da divida e depois disso eu não poderia fazer o pagamento das parcelas em atraso e teria que devolver o veiculo, pois o Santander prefere recuperar o bem. Eles podem fazer isso? Pode ser feito dessa maneira, visto que existe nem o processo ainda? Obrigado.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 03, 2014

      Em alguns estados, esta recusa em fornecer o boleto para pagamento dá até dano moral.

  44. Marcelo
    Marcelomai 29, 2014

    Dr. meu carro tava com busca, fiz acordo e paguei, entrei em ctto com eles falaram que iam dar baixa no processo, falei que eu poderia contratar um advogado para pedir a extinção do processo, eles falaram que não precisava, pq eles fariam isso, porem até o momento não peticionaram no processo, estou vendo que vou ter que contratar um advogado, mas me diz uma coisa eles teriam algum interesse em manter o processo rolando?, caso por exemplo atrrse mais uma parcela, eles poderiam já manter a busca no mesmo processo por essa parcela que atrasou ou eles teriam que entrar novamente com processo de busca?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 29, 2014

      Contrate um advogado e evite problemas futuros, não compensa esse tipo de economia…

  45. Jurandir ribeiro
    Jurandir ribeiromai 28, 2014

    Bom dia,meu marido tinha um veiculo financiado pelo banco santander,por motivos de doença ficamos sem condição de pagar 3 parcelas,oficial da justiça retirou o auto,agora verificamos que estamos com restrição por essa divida,sendo que o auto com certeza foi para leilão,que devemos fazer isso foi em 2010,obrigada

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 29, 2014

      Contratar um advogado para levantar se vocês tem crédito ou débito com o banco após a entrega do veículo, geralmente é pela via judicial que se consegue as informações.

  46. PAULO
    PAULOmai 27, 2014

    TENHO UMA MOTO QUE TIREI NO CONSORCIO EM 36 MESES FALTAM 5 PARCELAS E ESTÃO TODAS EM ATRASO E ME LIGARAM DIZENDO QUE VÃO DAR BUSCA E APREENSÃO.TENHO ALGUMA FORMA DE ISSO NÃO ACONTECER

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 27, 2014

      Sim, pagando o débito evita inúmeros inconvenientes.

  47. Fernanda
    Fernandamai 27, 2014

    Dr. o meu carro tava com busca e apreensão, mais eles não tinham levado o veiculo, fiz um acordo, paguei, liguei para financeira, eles falaram que iriam retirar o gravame, e que podia andar com o veiculo, inclusive passou telefone, caso o oficial de justiça fosse lá era para falar pra ele ligar, porem no processo eles não entraram com nenhuma petição de suspensão, como fica este processo? eles tem que entrar com pedido de suspensão da liminar né? e como fica o processo, suspenso ou é extinto?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 27, 2014

      O processo continua tramitando, você é o maior interessado em resolver a situação, contrate um advogado e comunique o pagamento, só após o juiz tomar conhecimento do acordo é que o processo será extinto.

  48. Tiago
    Tiagomai 23, 2014

    Dr: Rodrigo

    Tenho um carro financiado Ja paguei mais da metade dele porem me apertei com outras dividas e nao deu para pagar as ultimas 13 prestações… mas so que o carro nao esta com busca e apreensão caso prenda ele tenho algum recuso para recupera lo ……….

  49. Rafael
    Rafaelmai 23, 2014

    dr. fiz um acordo e paguei o boleto hj, eles falaram que só segunda vão pedir a suspensão da busca, mas com o boleto em mãos pago, o oficial pode levar meu carro?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 23, 2014

      Pode, pelo simples princípio de que o oficial de justiça vai lá para pegar o carro e não para checar se está pago… O barato vai sair caro.

  50. Moacir Caravelas
    Moacir Caravelasmai 22, 2014

    Meu caso é outro.
    Gostaria de saber; Quando o oficial de justiça for cumprir o mandado de Busca e apreensão de veículos este veículos são entregues a quem?
    esta pessoa que recebe o carro é algum depositário indicado pelo banco? ou tem que ser nomeado pelo Juiz?
    Posso ser eu esta, pessoa que guarde estes veículos até a data de leilão? e receber por esta guarda?
    este tipo de depositário é escolhido pelo banco ou por Juiz?
    é que possuo um local enorme e coberto, para receber carros apreendidos só por falta de pagamento, pretendo prestar este tipo de serviço é possivel?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 22, 2014

      O depositário é alguém indicado pelo juiz. Se quiser requerer, poderá prestar caução no valor remanescente do contrato, isso não será problema para que o juiz libere o veículo até o final do processo. Você pode ver com o Fórum se pode prestar juramento de fiel depositário e assim fazer parte do sistema.

  51. Glaucia Albuquerque
    Glaucia Albuquerquemai 22, 2014

    Dr Rodrigo,

    Tive meu carro apreendido por busca e apreensão, depois de 5 meses a juiza deu a decisão para a financeira, devolver o carro, que graças a deus esta comigo, só que o banco ainda não liberou o carne para pagarmos os boletos, então continuamos a fazer depósito judicial das parcelas, gostaria de saber, quanto tempo demoraria para eles liberarem o carne e se nós o banco temos que informar o juiz que o carro esta em nossas mãos??

    Grata mais uma vez pela sua generosa orientação.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 22, 2014

      É questão de (des)organização interna do banco, caso se sinta prejudicada, peça que o juiz determine providências, mas o depósito judicial afasta qualquer mora, seria bom apenas comunicar o fato no processo para que depois a financeira faça qualquer alegação contrária.

  52. Gleison santiago
    Gleison santiagomai 21, 2014

    boa noite meu veiculo foi aprendido quarta-feira 14/05/2014 GO-162 as 22.00 horas e assim tudo bem entrei em contato com a financeira e foi feito um acordo das parcelas atrasadas e foi feito o pagamento na quinta-feira 15/05/2014 e assim fui no foro e me disseram que precisava duma petiçao e entao entrei em contato com a financeira e ela fica enrolando para dar a petiçao , mais ai vem o pior meu veicula ate hoje 21/05/2014 nao tem entrada no foro e nem eles passam a petiçao para mim retirar meu veiculo ,e me falaram q tem uma lei nova que quando um veiculo e presso tem que quitar ele total para ele sair,e mais o oficial de justiça pode levar meu veiculo para o foro. Desde ja muito obrigado?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 21, 2014

      A petição nesse caso é um pedido do SEU ADVOGADO, a financeira está pouco ligando para o caso…

  53. Márcia Raiol
    Márcia Raiolmai 20, 2014

    Boa noite!

    Pedimos revisão dos juros abusivos ao Banco e como ele não fez, tivemos que entrar na justiça através de um escritório de cobrança, isso já fez um ano. Durante esse período estamos efetuando o pagamento das parcelas em juízo, aguardando definição do Juiz. Hoje tivemos o carro apreendido, como o STJ mandou suspender TODOS os processos de busca e apreensão que não tiveram decisão definitiva, posso considerar essa apreensão como ilegal??? O advogado disse que essa suspensão não procede e que os mandatos estão sendo feitos normalmente, então, ficamos confusos. O que podemos fazer nesse caso???
    Nosso carro possui rastreador e estamos acompanhando ao longo do dia e pudemos ver que o carro está sendo muito utilizado, que ao nosso ver não era pra estar acontecendo, pensávamos que o carro seria recolhido pra um depósito ou coisa parecida e não que a pessoa iria ficar rodando com nosso carro o dia todo. Esse procedimento é ilegal???

    Obrigada!!!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 20, 2014

      Em outro comentário eu coloquei o número do recurso especial em Brasília… se ele diz que não procede é necessário saber quais são as alegações dele. Os mandados SOMENTE estão sendo cumpridos porque não houve pedido expresso para sobrestar o processo até decisão final do STJ. Se tem rastreador e não está no depósito, comunique ao juiz, se já pagava em juízo DEVERIA ter comunicado ao juiz da conexão de processos…

    • Márcia Raiol
      Márcia Raiolmai 28, 2014

      Boa tarde Sr. Rodrigo.

      O Fiel depositário pode fazer uso do automóvel que está aos seus cuidados?
      Como o carro tem rastreador, acompanhamos a movimentação do mesmo e a pessoal q está responsável está usando o carro normalmente. Podemos entrar com alguma ação judicial a respeito?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 29, 2014

      É possível o fiel depositário utilizar o veículo, mas pode peticionar para o juiz requerendo o não uso do bem.

  54. Rafael
    Rafaelmai 20, 2014

    Dr. boa tarde, no meu caso assim que descobri que havia busca e apreensão, entrei em contato com a empresa de cobrança para um acordo, foormalizado o acordo eles me enviaram o boleto para pagamento daqui há alguns dias, a minha pergunta é se eu contratar um advogado para entrar com a suspensão do processoo, provalvelmente depois a financeira não irá entrar em acordo comigo não é isso? o que o dr.me orientaria a tentar cumprir o acordo, pois ainda estou arrumando o dinheiro, ou entrar com a suspensão e ganhar tempo?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 20, 2014

      Só vidente pra responder se a financeira vai querer fazer acordo ou não, dependendo do valor do acordo é o mesmo preço do advogado, veja com um advogado local sobre a melhor possibilidade, eu recomendaria pagar agora, mas há quem entenda o contrário.

  55. Marcus
    Marcusmai 20, 2014

    Boa tare,
    tive meu caroo apreendido na ultima sexta feira, pois atrasei com meus deveres, meu carro teve mandado de busca com 3 prestaçoes em traso, o banco passou a divida para outra empresa, mas essa empresa nao quer receber somente as prestaçoes em atraso, querem a quitaçao total do contrato. Como consigo reaver meu carro nao possuo o valor total do carro. ME AJUDEM!!!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 20, 2014

      No seu caso o dinheiro resolve tudo, a única ajuda nesta situação é se socorrer de empréstimos de parentes ou bancário.

  56. Fernanda
    Fernandamai 20, 2014

    Dr. descobri que meu carro está com busca e apreensão, sou recem formada ainda nem advoguei, diante desta suspensão dos processos de busca e apreensão, vou pedir a suspensão do processo, neste caso eu peço a suspensão do processo através de uma simples manifestação? E juntamente com a suspensão do processo o juiz vai suspender a busca e apreensão? vc jah viu algum pedido que foi aceito pelo juiz?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 20, 2014

      Petição via advogado. Os Tribunais de Justiça dos Estados já receberam o comunicado para a suspensão por parte do STJ, não é o caso de escolha do juiz em suspender ou não, ele DEVE suspender (o que para eles é até bom, pois um processo a menos para tramitar), meus processos já foram suspensos, não imagina a correria por parte da financeira em fazer um acordo mais justo.

  57. Marcelo
    Marcelomai 19, 2014

    Dr. na verdade também sou advogado porem não atuante ainda na área, porem diante deste fato vou ter que me defender, então eu devo peticionar pedindo a suspensão do processo, devido ao posicionamento do stj?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 19, 2014

      Sim, busque por RECURSO ESPECIAL Nº 1.418.593 – MS (2013/0381036-4)

  58. Marcelo
    Marcelomai 19, 2014

    Dr. o quer dizer na prática este fato das ações estarem suspensas pelo STJ? A busca e apreensão do meu veiculo pode ocorrer aindaa?, e o processo de busca feita pelo banco corre normalmente?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 19, 2014

      O processo do banco, se não teve sentença ou acórdão deve ser suspenso como determinado pelo STJ, busque um advogado.

  59. Rafael
    Rafaelmai 19, 2014

    DR. , no caso o juiz deferiu a liminar para busca e apreensão porem o oficial ainda não veio a minha residencia, pode vir há qualquer momento, porem sabendo da liminar entrei em contato com a empresa de cobrança, e eles falaram que poderiam fazer o acordo, fiz o acordo e eles mandaram um boleto, com vencimento daqui uns 10 dias, qnd terei o dinheiro para pagar, eles mesmo orientaram a esconder o veiculo até eu efetuar o pagamento, pois a busca ode ocorrer a qualquer momento.
    Agora a minha pergunta, este acordo com a empresa de cobrança é possivel?, mesmo o carro já estando com busca e apreensão, e depois que eu pagar o boleto eles mesmo vão requerer a suspensão da liminar e baixa do processo, ou eu terei que contratar um advogado para peticionar?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 19, 2014

      O acordo é possível desde que compreenda as mesmas parcelas da execução judicial. Deverá contratar um advogado, não deixe nada na mão deles senão é problema certo. Ocorre que o STJ mandou suspender as ações de busca, pegue um advogado agora e comunique a decisão superior.

  60. everson
    eversonmai 19, 2014

    a divida que esta para a quitaçao do veiculo pode ser parcelada?? se pagar as parcelas que estao atrasadas o carro e liberado??

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 19, 2014

      Vai depender da outra parte fazer parcelamento. No STJ tem a discussão para ver se paga o contrato todo ou somente as atrasadas, por isso é que se reconheceu a repercussão geral e determinou-se que no país todo as ações de busca e apreensão sejam suspensas até decisão do STJ.

  61. Rafael
    Rafaelmai 19, 2014

    Dr. eu entrei no site do tj e vi que existia a ação de busca e apreensão referente ao meu veiculo, porem foi despacha a liminar, para pagamento em 5 dias, quando começa a correr o prazo, a partir da minha citação?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 19, 2014

      Exatamente, mas há uma decisão do STJ que determinou em abril/2014 que TODOS os processos de busca e apreensão sejam suspensos em todo o país, veja com um advogado para já peticionar no processo.

  62. valdeci marcello
    valdeci marcellomai 19, 2014

    DR Rodrigo no meu caso negociei as parcelas em atrazo com o banco ja existia a busca e apreençao a advogada do
    banco me passou os valores de todas as parcelas paguei tudo mas ela ficou me enrolando por varios dias e nao pediu
    a suspençao da busca me disse por varias vezes que nao tinha problema algum aconteceu que me prenderam o
    veiculo e agora meu advogado pediu a purgaçao da mora e a devoluçao do veiculo, a pergunta é mesmo eu pagando todas as parcelas atrazadas antes da apreençao com o boleto do proprio banco e a advogada do banco nao informou nos autos o recebimento das parcelas entendo entao que ela ajiu de ma fe, mesmo assim corro o risco de perder o veiculo para o banco, nao ficou caracterizado um acordo entre banco e eu

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 19, 2014

      Você quem deveria ter pedido a suspensão da busca, pois é o maior interessado. Não acho que é o caso de má-fé, mas se for, você quem deve provar a argumentação posta ao juízo. Se pagar o veículo sai, se der algum problema, converte-se em perdas e danos e você recebe valores ao invés do carro.

  63. valmik
    valmikmai 17, 2014

    bom dia dr. no meu caso foi que financie 28 mil em honda civic e já paguei 17 parcelas de 980. entrei na revisional e foi negada. faz tempo que tento acordo com o banco já ofereci 21 mil para quita o banco não aceitou eles querem 25 achei muito. mas es que saiu um mandato de busca, escondi o carro. e um amigo meu que trabalha no fórum disse que tem um esquema junto com o oficial de justiça. de mandar voltar o mandato e que se este mandato voltar com certeza o banco aceitara um valor bem menor. o que será que compensa fazer.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 17, 2014

      Em verdade o STJ mandou suspender TODOS os processos de busca e apreensão que não tiveram decisão definitiva, mas esta decisão só afeta processos em andamento, os que o carro já foi apreendido não terão restituição mas os processos também ficarão paralisados. Se você ainda não teve o carro apreendido dá para pedir para um advogado peticionar no processo para que se cumpra a decisão de Brasília.

  64. Marcos
    Marcosmai 16, 2014

    minha situação é a seguinte comprei uma vaga em uma cooperativa de taxi juntamente com um carro ja registrado nesta cooperativa o valor da vaga foi 17.000 mil, e o do carro 10.000 mil, que no total da 27.000 mil, de um cidadão do qual tanto a vaga como o carro esta no nome dele, o carro por que foi financiado no nome dele. então fizemos um contrato de compra e venda de 27.000 sendo que eu iria assumir o restante das parcelas do veiculo mais os 7 mil restantes da compra da vaga e do carro sendo que os 7 mil foram a mim parcelados, e 03 parcelas do seguro do carro. certo
    então eu ja tinha pago umas parcelas do carro para o banco e uma parcela do seguro quando eu pedir para ele me disponibilizar a xerox do contrato do seguro que ele diz que tem, como ele se negou a mim mostrar as xerox do contrato do seguro achei que ele estava me enganado e que não tinha seguro. então deixei de pagar ele concordou até ceto.
    aconteceu uns probleminha e atrasei 02 parcelas do carro e 04 parcelas dos 7 mil reais.
    e então ele chegou la aonde eu trabalho com um outro cidadão e simplesmente me tomou a chave do carro a força e me chamou varias vezes de caloteiro e me empurrou, em meio varias pessoas e a passageira que estava dentro do carro, e que só me devolve o carro se pagar as atrasadas. ele me constrangeu diante de varias pessoas
    gostaria de saber a sua opinião, e se eu posso entrar com uma ação judicial contra ele e se tenho chance de ganhar. ou se eu pago os atrasados e esqueço o constrangimento de ele me fez passar.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 17, 2014

      Pague os atrasados e siga a vida, um processo somente irá causar mais transtornos e constrangimentos, pois tudo é passageiro.

  65. dilma
    dilmamai 09, 2014

    Olá dr rodrigo,o meu marido financiou um caminhão em dezembro de 2010,pagou uma parcela e como não ia conseguir pagar ,passou o caminhão para outra pessoa,ele não transferiu o financiamento não pagou mais as outras parcelas e o caminhão não sei aonde está.O que pode acontecer com o meu marido, ele pode ser preso………………………. obrigado

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 09, 2014

      Preso não será mas ficará com a dívida em seu nome, sendo cobrado e inclusive negativado por esta. Sugiro que achem o caminhão e informem para a financeira para amenizar o tamanho da dívida.

  66. thais
    thaismai 08, 2014

    boa tarde rodrigo…. meu marido financiou uma moto 48x e pagou 19 parcelas ai depois ele colocou ela na revisional o advogado disse que ia mandar pro juiz a ultima vez que eu falei com ele ele disse que o juiz da tinha dado a causa pra nos…. nao sei nem oque ele quiz dizer com isso! em fim o nome do eu marido ta sujo e ele compro um carro e o recibo esta no nome dele se ele colocar o carro no nome dele agente vai perder o nosso carro? a moto nao esta em busca apreensão

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 08, 2014

      O advogado disse que você ganhou o processo e se não há busca e apreensão não tem qualquer problema em “perder o carro”, pois sequer é objeto da ação da moto, em relação ao nome sujo, isso tem que ver se é em decorrência do processo da moto para pedir providências ao juiz.

  67. junior
    juniormai 01, 2014

    boa tarde Srº Rodrigo

    estou com um carro q financiei em nome de um parente e por motivos da perca do meu emprego atrasei algumas prestaçoes e o banco nao aceita negociar (esc. cobrança) o carro foi dado busca e apreensao porem na casa do meu parente o ofial de justiça lhe entregou em maos o mandato de busca e apreensao,porem o carro nao se encontra com ele e nem no mesmo estado, a pergunta é a seguinte, o oficial de justiça com o mandadto pode recolher este carro em outro estado , e se eu nao entregar o carro e esconde lo o que pode acontecer com meu parente, qto tempo dura um mandato de busca e apreensao , o q o Srº me aconselha a fazer , meu parente disse q posso fazer o q eu achar melhor

    desde ja agradeço e o parabenizo por este excelente blogg

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 01, 2014

      Para cumprir o mandado em outro estado deverá ser por carta precatória. Provavelmente o processo se converterá em perdas e danos e o parente irá arcar com o débito do financiamento, podendo ter bens penhorados, em relação ao carro, ficará a restrição judicial.

  68. Arquimedes
    Arquimedesabr 29, 2014

    Gostaria de uma informação eu financie o meu carro em 60 vezes sem entrada…paguei 38 parcelas,devido uns problema financeiro estou com 4 atrasado (dezembro 2013,janeiro,fevereiro e março 2014) a do mes de abril 2014 paguei…gostaria de saber se tem risco de dar busca aprensão…

  69. Everton Broska
    Everton Broskaabr 29, 2014

    Boa tarde Doutor…
    Gostaria de saber se eu indo direto na terceira vara, adianta algo?
    Se eu levar o comprovante de depósito na Vara…

    Eu dei 50% de entrada no carro, gastei 4 mil de rodas e 1mil de pneus..

    ontem eu entrei no site do Detran PR com o Renavam dele e deu inválido, ai entrei no Dentran SC, apareceu lá
    assim * nome do antigo proprietário e o nome do proprietário atual Aymore Financiamento *
    O que isso significa?

    Grato.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsabr 29, 2014

      Todo o pedido para o juiz deve ser feito por advogado. Em relação à consulta no Detran, ao que parece já foi vendido e transferido o carro.

  70. Filipe
    Filipeabr 29, 2014

    Rodrigo bom dia

    esqueça o que eu lhe falei anteriormente a historia não é bem assim veja só.

    Esse Carro foi adquirido por uma pessoa pelo leasing e esa pessoa só deu a entrada de R$ 2.000,00 e pagou só a primeira parcela e o banco acionou o escritorio que pegou o carro de volta e o escritorio quitou o carro para ficar com ele e uma amiga minha mim ofereceu o carro para compra-lo ao escritorio em parcelas suaves só que ela mim pediu 1.200,00 para “o oficial de justiça que foi pegar o carro” e para ele realiza todo o tramiti e tambem dar baixa no gravame , e que eu teria o carro em 30 dias sem restrições e riscos do antigo “dono que fez o lieasing contestar”e que assim que eu pegasse o veiculo fosse no dentrar e colocasse o carro no meu nome, e sim para efetura o pagamento eu vou ter que ir ao cartorio abrir e reconhecer firma.quero saber O que eu faço ? se isto é Legal ? quais saõ os riscos? oque eu devo fazer para não ter problemas?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsabr 29, 2014

      Como eu disse anteriormente, eu não compraria, preferiria fazer outro negócio, no que parece, você vai alienar o carro com o escritório e se não pagar ele mesmo pede a busca do carro.

  71. JULIO
    JULIOabr 29, 2014

    BOM DIA DR. FIZ UM FINANCIAMENTO DE 60 PARCELAS E PAGUEI 32, MEU CARRO ESTA ESCONDIDO,POIS NAO CONSEGUI PAGAR AS PARCELAS REMANESCENTES,JA FAZ 3 ANOS ,VENCEU TODAS AS PARCELAS,FUI NO ADVOGADO E ELE FALOU QUE DARIA PARA TENTAR FAZER UM ACORDO COM O BANCO,ELES COBRAM 16000,00 REAIS,O ADVOGADO DISSE QUE BAIXARIA PARA APROXIMADAMENTE 5000,00 REAIS,ISSO É VERDADE,OBRIGADO

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsabr 29, 2014

      Se é verdade não tem como saber, mas o negócio do banco é dinheiro e não carro, este passivo de 16 mil que falou pode ser considerado pelo banco como capital perdido e neste caso eles poderiam fazer um acordo por valor menor para quitar e não ter uma perda de 100% internamente. Vai da negociação e da vontade que o banco tiver em resolver essa pendência que para ele também não é boa.

  72. gilson peres
    gilson peresabr 28, 2014

    Bom dia DR. tinha um veículo financiado onde já tinha pago 15 parcelas, por motivo financeiro deixei atrasar 4 parcelas e o banco deu busca e aprensão e retiraram o veículo paguei o total das parcelas em atraso (as quais constavam o valor na busca e aprensão) e mais duas parcelas que ainda não tinha vencido no prazo estipulado de 5 dias e mesmo assim o banco leiloou o veiculo. A ultima movimentação do processo foi em dezembro de 2013 onde o Juíz mandou o banco devolver o valor do bem. o banco já entrou em contato comigo por duas vezes querendo depositar na minha conta R$ 3.000,00 referente ao saldo do leilão sendo que o valor do veículo Fipe R$ 28.000,00 pergunto: se aceitar este depósito sem assinar nenhum documento poderá comprometer este processo?. Desde já agradeço a atenção obrigado

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsabr 28, 2014

      Depende do que estiver na documentação que irá assinar, se contiver uma cláusula de renúncia de direito da ação que está em curso influenciará sim.

    • gilson peres
      gilson peresabr 28, 2014

      Esta é minha dúvida mas quando ligaram do banco falaram somente que teria um depósito a ser feito na minha conta pedirão somente os dados bancários para o depósito, disseram que é referente a um crédito mas não precisa assinar nada. sendo assim se não assinar nenhum documento então posso receber este valor ?

      Grato

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsabr 28, 2014

      Se é seu crédito, por que não receber?

  73. Everton Broska
    Everton Broskaabr 27, 2014

    BOa noite Dr,
    tive meu carro apreendido por busca,
    paguei em juízo o valor que havia do débito, mas só consegui emitir o boleto depois que 20 dias que o carro foi
    apreendido, eu ia no fórum, eles mandavam eu ligar pro adv do banco, ia no banco, mandavam eu ir no fórum e assim venceu meu prazo…
    COntratrei um advogado especializado em busca e apreensão de veiculos, ele entrou com a petição pro banco me
    devolver o carro,
    aonde eu moro existem três varas, o meu caiu na terceira, se tivesse ido pra segunda ou primeira eu mesmo ia com o comprovante de mora e pegava, mas tive “azar” de cair logo na terceira..
    Gostaria de saber quais as chances de eu recuperar ele?

    Liguei no adv do banco e meu advogado olha todo dia o processo e ele ta parado, não foi mexido e nem pra leilão nem venda.. Acho que isso é um ótimo sinal, é?

    Grato
    abraço.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsabr 28, 2014

      Cobre o andamento do processo diretamente na vara. Se quitou o débito, ainda que em atraso, o juiz deve se manifestar, peça que mandem para ele despachar. Só pelo fato de que não tenha movimentação processual não quer dizer que o carro já não tenha sido vendido, pois a lei diz que após 5 dias sem a confirmação do pagamento o carro se torna propriedade plena da financeira.

  74. Filipe
    Filipeabr 26, 2014

    Boa noite Rodrigo

    Estou pretendo com um carro que foi apreendido a cerca de 8 dia,s o escritório de busca e apreensão mim ofereceu para compra-lo, e só vão mim entregar o carro daqui a 30 dias quando o carro estiver todo correto, e ao pegar o veiculo eu fosse direto ao DETRAN para regulariza e colocar em meu nome a documentação, e eu terei que desembolsar uma grana ao oficial de justiça, e mim informaram que o carro vai pertencer ao escritório e eu iria pagar boletos normalmente o valor de R$ 10.000,00 no total parcelado por um carro 2013 completo ele ficará em meu nome sem problemas? isso e correto? posso confiar? quais são os riscos?.

  75. Tarsila
    Tarsilaabr 12, 2014

    Boa noite Dr. Rodrigo,

    estou com um processo de busca e apreensão de um carro e todos os dias acompanho o processo, pois o advogado disse que precisava esperar o juiz despachar a decisão sobre o pedido de busca e apreensão pra depois tomar providência, no caso de uma defesa. Porém na última consulta que fiz constou despacho citação/intimação. Isso significa que o carro será mesmo apreendido? Obrigada.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsabr 13, 2014

      Sim, se determinou sua citação é provável que já foi deferido o pedido de busca e basta apenas o cartório fazer o mandado e entregar para o oficial de justiça, no caso, para fazer qualquer tipo de defesa viável, deveria comprovar que já estaria tudo pago.

  76. vilmar
    vilmarabr 12, 2014

    Meu carro estava com 4 parcelas atrasadas mas consegui pagar 3 delas, mais mesmo assim veio um oficial de justiça apreender o carro. fazia só uma semana que tinha pago, mas mesmo assim ele não quis nem saber e levou meu carro. liguei pra cobradora e a moça me falou que como o carro já estava apreendido não iria liberar a outra parcela que estava em atraso. só com a quitação do veiculo, se eu consegui pagar essa parcela em juízo posso ter meu carro de volta ? ou tenho que colocar na justiça ? qual o procedimento agora ? ja tinha pago mais de 40% do valor. eles não aceitaram nenhum acordo que propus a eles. Agradeço desde já a sua resposta.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsabr 12, 2014

      Dificilmente recupera sem quitação integral do contrato, pode faltar 1 parcela, se ela não for paga o carro pode ser apreendido, entretanto, contrate um advogado para ver o que ficou consignado no despacho do juiz, alguns estados possuem juízes que deferem o pagamento apenas do atrasado para recuperar o veículo.

    • vilmar
      vilmarabr 12, 2014

      Nesse caso Dr Rodrigo, eu posso fazer esse pagamento no deposito judicial ?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsabr 13, 2014

      Se pedir para purgar a mora, deverá pagar todo o restante do contrato, isso deve ser feito urgentemente, mas adianto que pagar apenas uma parcela não vai lhe trazer o carro de volta.

  77. pedro aurélio
    pedro aurélioabr 11, 2014

    Tem como consultar se o veículo está com ordem de busca e apreensão?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsabr 11, 2014

      Liga no fórum e peça para falar com o cartório distribuidor, ou vá pessoalmente.

  78. Otávio Martinelli
    Otávio Martinelliabr 10, 2014

    Boa noite ,

    Rodrigo, financiei o carro em 60 parcelas, e em outubro do ano passado fiz um acordo para regularizar as parcelas e de 60 virou 72, más depois de 64 parcelas já pagas , ou seja , mais de 80 % do financiamento , meu carro foi apreendido por não pagamento, hoje já se passaram 1 semana que o carro foi apreendido e o meu advogado fez o pagamento das parcelas em atraso em juízo e o mês quivem eu vou quitar, tenho chance de perder carro?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsabr 11, 2014

      Depende de como o processo foi conduzido, pode perder o carro sim.

  79. NILCEIA DA SILVA
    NILCEIA DA SILVAabr 08, 2014

    Bom dia ,
    O banco solicitou busca e apreensão ,paguei tudo certo. só que agora eles não sabem onde esta o carro??
    O que fazer ,o meu advogado diz só que e para esperar.acho que ele podia fazer mas.faz oito dias que ja paguei e nada do carro..
    OBRIGADO.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsabr 08, 2014

      Se pagou no prazo legal de 5 dias e informou o juiz, só resta esperar…

  80. Glauco Luiz Gonzaga
    Glauco Luiz Gonzagaabr 04, 2014

    Boa tarde Rodrigo!

    Financiei um veículo em 48 parcelas, paguei 15 parcelas e estou com 4 em atraso. Procurei um advogados para saber quais os pros e contras de se entrar com uma ação revisional, pois não estou tendo condições financeiras de efetuar os pagamentos. Gostaria de saber sua opinião, pois não tenho muitas alternativas, caso entre com essa ação, as chances de no fim do processo ter o valor reduzido são grandes? Essa orientação de esconder o carro até que baixe a busca e apreensão é válido, eu deixando de pagar as prestações ao banco, todo Juiz solicita o pagamento em juizo ou não? Ou a entrega amigável seria a melhor alternativa? Conto com seu auxílio, pois estou desesperado sem saber o que fazer…

    Muito Obrigado.

    Glauco

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsabr 04, 2014

      Não tem chance de reduzir, talvez se verifique algumas taxas que não deviam constar mas nem compensará ao final, se alguém lhe orientar em esconder o carro fuja desse lugar… o juiz não vai lhe pedir para pagar em juízo, se você quiser é que deve pedir a ele, entrega amigável isso não existe, no final sempre tem um resquício a pagar se não quiser gastar com advogado para ficar em cima da prestação de contas, se ainda quer manter o bem e está com o financiamento em dia, eu sugiro que você venda a dívida para outro banco, do contrário, ache alguém disposto a por o financiamento em nome próprio, nem que pra isso dê o veículo de graça, apenas para se livrar de um tormento futuro.

  81. marcio
    marcioabr 04, 2014

    boa tarde!

    adquiri uma carta de credito de um polo, porem alienamos um furgão Sprinter, não conseguimos pagar as prestações que hoje são 7 de 890,00 o consorcio Volkswagen mandou para uma empresa de advocacia que mandou um oficial dar 48hs para quitar as prestações atrasadas senão apreendem o veiculo, não tenho como quitar isto em 2 x como querem pois da um montante de R$11,000, a pergunta e a seguinte, existe outro modo de eu negociar para pagar de 3 x, ja pagamos 23 parcelas, caso ocorra a apreensão como ficaria estes valores pagos e os que ainda faltam?
    obrigado

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsabr 04, 2014

      O oficial de justiça nesse caso apenas lhe intimou da mora, o próximo passo é a busca e apreensão, fique atento que na próxima vez que receber uma visita não será nada legal.

  82. steffany
    steffanyabr 04, 2014

    Boa tarde fiz a compra de um veiculo financiado em 60 parcelas pelo contrato de alienação fiduciária,paguei 48 parcelas do mesmo estou com 3.000,00 em atraso o banco pode solicitar busca e apreensão do veículo?Existe algum artigo na lei que proíba isto?
    Mas uma dúvida caso o bem não seja entregue e o valor de 3.000,00 não seja quitado de imediato corro o risco de prisão civil??
    Obrigada.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsabr 04, 2014

      Não tem prisão civil e a lei é clara de que a pessoa devedora deve pagar sob pena de busca e apreensão, no final a conta sairá quase o dobro desse valor que mencionou.

  83. OLGA
    OLGAabr 02, 2014

    COMPREI UMA MOTO FINANCIADA 48X,PAGUEI 15 PRESTACOES DEPOIS PASSEI PAR UM CASAL D AMIGOS,PEGANDO A MOTO DELES NO VALOR QUE PAGUEI,SO Q ELES NAO ESTAO MAIS PAGANDO AS PRESTACOES DESDE DE SETEMBRO 2013..O RECIBO DA MOTO ESTA COMIGO,NADA FOI ASSINADO ,SO FOI UM ACORDO AMIGAVEL..POSSO PEGAR A MOTO DE VOLTA E NEGOCIAR COM A FINANCEIRA?ELE NEM ATENDE MAIS MINHAS LIGACOES…

  84. Gustavo
    Gustavoabr 01, 2014

    Boa tarde,

    O bando ajuizou o meu contrato, porém o juiz indeferiu o processo por falta de informações e recolhimento das taxas…..
    Sendo este processo exinto, o banco pode entrar novamente com busca e apreensão… ou pode cair no caso de listispendencia……

    Caso possa abrir outro processo, em quanto tempo fará isso…….

  85. dilza
    dilzaabr 01, 2014

    Boa tarde,financiei um carro de 60 x de 590.99 paguei 35 parcelas e entrei com revisão de contrato por juros abusivos chegaram com mandado de busca e apreensão e levaram o carro,mas o processo de revisão ainda estar correndo normalmente,Rodrigo sera que devo dar baixa no processo e devolver o carro ao banco e ficar livre de tudo, ou será que tenho chance de ganhar o processo em andamento.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsabr 01, 2014

      Só o advogado da causa para te orientar, se está pagando em juízo, em tese, afastou a mora, basta comunicar ao juiz da busca e apreensão.

  86. Gustavo Rodrigues
    Gustavo Rodriguesmar 31, 2014

    Boa tarde,

    O bando ajuizou o meu contrato, porém o juiz indeferiu o processo por falta de informações e recolhimento das taxas…..
    Sendo este processo exinto, o banco pode entrar novamente com busca e apreensão…

  87. Fabio
    Fabiomar 28, 2014

    Boa tarde Rodrigo,

    Tive um sério desastre financeiro e não consegui pagar nenhuma parcela de um veiculo, comprado em julho de 2012. Por isso, é claro, existe um mandado de busca e apreensão. Ja foram 2 oficiais de justiça em casa mas não me acharam pois mudei de casa. Agora melhorou um pouco minha situação e liguei na financeira para negociar mas eles estão dificultando ao máximo. Consigo pagar suaves prestações e não montantes de dinheiro como eles querem e como entrada disponho de 2 mil, sendo q o valor do carro foi de 56 mil financiados em 48 vezes e a parcela é de aproximadamente 1.700. Fica mais facil colocar um advogado para negociar com eles? Devo mesmo tentar negociar em suaves prestações ou isso é perda de tempo? Devo fazer um acordo no processo? O que você me sugere? att.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 31, 2014

      Tenta vender a dívida quitada para outro banco, isso é possível, basta ligar na financeira atual e perguntar qual é o valor para quitação e exigir um bom desconto, depois peça o empréstimo no outro banco e comece uma nova relação.

  88. Diego Luiz
    Diego Luizmar 25, 2014

    Boa tarde, tive um veiculo apreendido no ano de 2006, e agora estão me cobrando o ipva deste veiculo de todos esses anos…. como devo proceder? eu perdi a cópia que o oficial de justiça me concedeu da busca e aprensão. Onde posso conseguir uma segunda via dessa cópia? abraços.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 25, 2014

      Procure o processo no Fórum e peça o desarquivamento para cópias. Vá pessoalmente e veja o número do processo e qual Vara caiu no Cartório Distribuidor e se dirija até a Vara e faça o pedido, lá conseguirá acesso integral no processo de busca.

  89. Igor
    Igormar 21, 2014

    Boa noite Rodrigo.

    Tenho mais uma duvida, numa situação complicada:

    A avó da minha esposa tinha um carro financiado. Ela faleceu e faltavam apenas 8 prestações.
    Como ninguém mais da familha podia arcar com a prestação de 1.8mil reais, eu assumi e “comprei” o carro.
    Os herdeiros assinaram um contrato com assinatura reconhecida. Tudo pago, tudo certo.

    Porém, eu fiquei sem renda três meses depois e faltam apenas 4 prestações para quitar o contrato de 40 mil. Todas vencidas. Fiz o cálculo e de 40 mil, foram pagos 49 mil já, faltando mais 6 mil
    O banco entrou com a busca e apreensão.
    O carro está comigo, em outra cidade.

    Então vão as duvidas:

    1ª Como é feita a apreensão do carro? Só o oficial de justiça pode apreender, ou em uma blitz/acidente o policial pode reter o veiculo?
    2ª Se for só o oficial, ele pode ir na minha casa, mesmo não tendo nenhuma relação com a falecida?
    3ª Já paguei muitos juros neste contrato, inclusive, já paguei o valor emprestado. Como posso negociar com o banco? Estão me cobrando 6 mil e eu desempregado. Posso oferecer 1 mil? O que é de praxe? Existe a possibilidade de desconto ou não?

    Obs.: Conversei com o advogado contratado pelo banco, falei que o carro estava com outra pessoa e que foi batido e estava no ferro velho, que então nunca iriam achar o carro porque não existia mais. Ele me aconselhou a não pagar a prestação que ainda estava em aberto e tentar negociar somente 180 dias após o vencimento da ultima, que ai o banco iria aceitar um valor bem baixo. Algo do tipo, pagar somente 1.500 reais para quitar os 6 mil…. Isso procede?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 24, 2014

      Se o oficial de justiça ver o carro e estiver de posse do mandado ele apreende onde estiver, blitz é difícil ocorrer apreensões mas não é impossível, neste caso, todo cuidado é pouco. O oficial vai pegar o carro, indiferentemente de quem estiver na posse dele, o mandado é claro em relação à isso. Negociação com o banco, quando eles não tem o carro é sempre viável, mas para isto é necessário ter contrapartida a oferecer ($$), o valor é vocês que irão se acertar, mas no momento em que o banco encontrar o veículo, nada mais haverá de conversa.

  90. Vanderson Trindade
    Vanderson Trindademar 18, 2014

    OLÁ DR. RODRIGO BOA NOITE. FINANCIEI UM VEÍCULO NO VALOR DE r$ 50.000,00, PAGUEI 10 PARCELAS DE 1.600,00, AI PROCUREI UM ESCRITÓRIO CONCEITUADO E CONHECIDO PARA REVISÃO, ELES ME MANDARAM PARAR DE PAGAR O VEÍCULO, QUE NEGOCIARIAM A QUITAÇÃO DO BEM, ME COBRARAM r$ 1.200,00 DO PERITO E MAIS 5.000 DE HONORÁRIOS EM 10 PARCELAS DE r$ 500,00. PAREI DE PAGAR O CARRO COM A PROMESSA DE QUE APÓS UM ANO A QUITAÇÃO DEVERIA SAIR POR APROXIMADAMENTE 15.000,00. APÓS JA TER PAGO CERCA DE 4.200,00 AO ESCRITÓRIO ATRASEI DUAS PARCELAS DOS HONORÁRIOS, POIS PRESSIONAVA ELES E NÃO OS VIA FAZEREM NADA. MEU CARRO FOI APREENDIDO E ELES DISSERAM QUE NÃO PODERIA FAZER NADA, POIS EU ESTAVA INADIMPLENTE COM O ESCRITÓRIO. POSSO PROCESSÁ-LOS? POIS FUI INDUZIDO POR ELES A NÃO PAGAR MAIS COM ESSA FALSA PROMESSA, E FUI LESADO EM MAIS DE 4.000,00, SEM CONTAR OS PREJUÍZOS COM A PENHORA DO CARRO.

  91. Luciana
    Lucianamar 16, 2014

    Boa noite. Estou com uma dúvida, entrei com a revisional a mais de 1 ano nesse tempo, por 2 meses não consegui fazer o depósito. Corro algum risco devido não ter depositado esses dois meses, tenho que correr e depositar esse atraso, ou continuo depositando todo mês como já tenho feito?? Outra coisa se eu conseguir alguma negociação com o banco, consigo pegar o valor depositado para repassar ao banco na negociação ou não?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 18, 2014

      Deve buscar depositar o quanto antes o atrasado para afastar a mora. Se negociar com o banco deverá comunicar no processo da revisional e pedir a baixa do processo.

  92. Mário Uce
    Mário Ucemar 14, 2014

    Boa Tarde.
    Recentemente tive um carro apreendido por mandado de busca e apreensão por falta de pagamento das parcelas. devido a um grande desastre financeiro, tive de deixar de pagar as parcelas. Como comprei o carro sem entrada e tinha pago somente a primeira parcela, tentei uma devolução amigável com o banco. Este porém não aceitou. Deixei, então, que o veículo fosse apreendido. Já sei que vão leiloar o carro, quitar um pouco da dívida e depois me será cobrado o valor residual. Não tenho o que fazer em relação a isso, visto que estou em sérias dificuldades financeiras. A minha dúvida é a seguinte: durante esse processo civil, tenho que ter advogado? Não tenho bens para serem penhorados. Se necessitar de um advogado, para qual finalidade seria, visto que não tenho condições de negociar com o banco absolutamente nada… Desde já agradeço.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 18, 2014

      Se você não constituir um advogado as alegações do banco serão dadas como verdadeiras, uma vez que você estaria revel. Como poderia saber se o cálculo do abatimento está correto em caso de leilão? Se houve desconto gradual de juros do contrato de financiamento pela quitação parcial? São diversos pontos que devem ser observados… Se não quiser constituir um advogado é uma faculdade que lhe assiste, entretanto, depois de um tempo, não diga que a dívida é muito além do que entende correto, pois estará em sentença e perfeitamente exigível.

  93. Anderson
    Andersonmar 13, 2014

    Boa Noite Dº Rodrigo!!!
    Gostaria de saber sobre meu caso,estou fazendo depósito em juizo,no mesmo valor das prestações,e meu advogado me falou que tem um erro grave no meu carnê(Financeira Santander),não tem estipulado nenhum valor de juros sobre atraso…meu veiculo encontra-se escondido…corro o risco de perder o meu carro ainda?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 13, 2014

      Carnê não é superior ao previsto em contrato.

      ———————-

      Informação útil… TODOS os questionamentos já foram respondidos nas perguntas, basta um pouco de paciência e lê-las, e mais, terá mais informações do que o simples questionamento.

  94. Claudia
    Claudiamar 13, 2014

    Boa noite! Financiei um carro de 24 mil. Paguei 17mil e entrei com a revisional dos juros. o processo esta em andamento. Porem o banco entrou com um processo em outra vara e hoje veio um oficial com o mandato de busca. minha duvida é se pode abrir mais de um processo para o mesmo veiculo.
    Grata!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 13, 2014

      Pode abrir mas existe a regra da prevenção. O advogado da revisional deve informar o juiz da busca que você não está em mora… (isto se tiver pagando em juízo…)

  95. C. Eduardo
    C. Eduardomar 13, 2014

    Boa Noite!

    Dr. Rodrigo, hj o oficial de justiça veio buscar o carro com ordem judicial. Estou com 04 parcelas em atraso. Será que tem como recuperar o veiculo pagando essas 04 parcelas em atraso?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 13, 2014

      Depende da interpretação do juízo local, alguns lugares os juízes concedem a possibilidade de se quitar os atrasados afastando o decreto que determina o pagamento integral do contrato, busque um advogado em sua cidade para ver o posicionamento adotado.

  96. LIMA
    LIMAmar 13, 2014

    Boa tarde,meu carro foi apreendido dia 07/03, no mesmo dia as dividas pendentes( três prestações de 622,00) foram pagas e no mesmo dia o juiz determinou a devolução do bem,porem o bem não foi devolvido, no dia 11/03 o juiz expediu um mandado de busca no endereço que foi informado pelo banco que o veiculo estaria, porem o veiculo não esta neste local, segundo a funcionaria do banco que ficou como fiel depositaria o veiculo foi removido para uma empresa de leilões no mesmo dia da apreensão,até hoje o veiculo não foi devolvido,gostaria de saber se posso pedir alguma indenização pois eu utilizava o carro para trabalhar, agora não estou trabalhando, fora outros prejuízos que estou tendo porque o banco não devolveu o carro como o juiz determinou a devolução imediata, e não sei nem quando eles vão devolver. o que devo fazer.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 13, 2014

      Antes de indenização, deve ser pedido multa diária para o cumprimento da determinação judicial, essa multa irá para você. Se mesmo com a multa não for devolvido o carro, peça a conversão do processo em perdas e danos e a rescisão do contrato.

  97. Queila
    Queilamar 13, 2014

    Olá Rodrigo ,
    Gostaria de uma ajuda , comprei um carro no meu nome para meu namorado o mesmo não está pagando o carro tendo 18 prestações em atraso , em 03/2013 ele pagou uma empresa para entrar com o processo de juros abusivos , até hoje este processo não deu em nada , ontem quando fui consultar o processo verifiquei que existe um processo em meu nome de busca e apreensão aonde consta que o pedido foi deferido , liguei na administradora do banco para tentar um acordo , a administradora me propôs a pagar R$ 4000,00 nas 18 prestações atrasas , concordei , ai perguntei para ela como ficaria a busca e apreensão ai no momento que eu perguntei para ela informou que como o carro esta com busca não tem acordo , não teria como eu pagar somente as atrasadas , teria que pagar o valor total , sendo R$ 15.000,00, Pergunto o banco pode se negar a fazer acordo , porque sou obrigado a pagar o valor total sendo que as outras parcelas não venceram e eles podem cobrar um valor bem superior do que vale o carro hoje pela tabela FIPE , pois o carro hoje vale R$ 13.000,00 e ele querem R$ 15.000,00 sendo que já paguei 1 ano .

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 13, 2014

      Perdeu uma boa oportunidade de encerrar o processo, ao dizer que estava com busca é evidente que não proporiam mais nenhum acordo, afinal, já ganharam a ordem de buscar o carro. Não importa o valor do carro você pegou DINHEIRO no banco e aí estão os juros, o carro é apenas a GARANTIA, que ano a ano vai desvalorizando. Tente novamente um acordo para pagamento das atrasadas, tente falar com outro atendente ou até mesmo propor um acordo no processo.

  98. Gerson Paes
    Gerson Paesmar 13, 2014

    Boa noite.

    Então saiu um mandado de busca e apreensão para o meu veiculo, e escondi o veiculo e entrei com ação de consignação, o mandado foi devolvido negativamente, o carro não foi apreendido. Posso rodar no carro ou ainda há risco de prenderem meu carro com esse mandado ?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 13, 2014

      Pode rodar, mas é conta e risco seu, pois o oficial pode novamente receber o mandado se o olheiro da financeira encontrá-lo.

    • Gerson Paes
      Gerson Paesmar 25, 2014

      Entendi Rodrigo Martins, mas e no caso de o mandado ter sido devolvido a comarca de origem, a precatória também foi devolvida a comarca de origem e o processo foi dado baixa, como consta no site do TJ. Tem que sair um novo mandado ou esse mesmo dado baixa ainda pode ser cumprido.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 25, 2014

      Tem que sair um novo mandado.

  99. Rosa Maria
    Rosa Mariamar 11, 2014

    Boa noite
    Doutor Rodrigo,
    Estou pagando meu carro em juizo, hoje quando abri o saite do tjmg estava escrito no processo mesmo:
    Apensos/principal cliquei la e abriu busca e apreensão distribuindo por sorteio 11/03/2014 hoje.
    Dr. Rodrigo meu carro ja estava com a busca e apreensão ou apenas pediram, e se tiver tem como rever pois estou pagando em juizo.
    Obrigada.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 12, 2014

      Essa pergunta somente seu advogado poderá lhe responder, pois tem acesso direto no processo. Não sei se foi pedido manutenção de posse ou se o juiz indeferiu a inicial por já ter conhecimento de que não há mora pelo fato de pagar em juízo. Busque o advogado que contratou para solucionar esta questão.

  100. paulo
    paulomar 10, 2014

    Bom dia a busca e feita somente em horario administrativo?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 10, 2014

      Essa pergunta já foi respondida em diversas oportunidades neste mesmo artigo. NÃO, o Oficial de Justiça pega o carro na hora que ele ver, desde que esteja com o mandado e outra, o Oficial de Justiça não é mágico ou adivinho, é o olheiro da financeira que comunica o funcionário público que vai até o local, não importa que seja de madrugada, final de semana ou se o proprietário estiver presente.

  101. Renan
    Renanmar 08, 2014

    BOA NOITE DR.

    MEU VEICULO ESTÁ COM BUSCA E APREENSÃO, SEGUNDO NO SITE DO TJ JÁ FOI EXPEDIDO O MANDADO, PORÉM ESTOU EM NEGOCIAÇÃO COM O BANCO, O QUE DEVO FAZER? O VEICULO ENCONTRA-SE EM UM LUGAR SEGURO, NÃO HÁ COMO ACHÁ-LO, PORÉM O QUE DIGO AO OFICIAL QUANDO CHEGAR AQUI EM CASA? POSSO DIZER QUE ESTÁ EM OUTRO ESTADO COM A MINHA EX MULHER? O QUE OCORRE? POSSO SER PRESO POR DEPÓSITO INFIEL? POSSO ENTRAR COM ALGUMA COISA PRA CAÇAR ESSA LIMINAR? ME AJUDE. BOA NOITE

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 10, 2014

      Preso não será, mas o processo pode ser convertido em perdas e danos e o veículo ficar bloqueado judicialmente para transferência. Para revogar a liminar somente apresentando os recibos de quitação ou o acordo realizado com a financeira.

  102. paulo
    paulomar 08, 2014

    O meu veiculo foi expedido mandato de busca, moro em um condominio se eu nao estiver em casa eles podem entrar e simplesmente pegar o veiculo ou eu preciso entregalo obrigado.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 08, 2014

      Se o oficial ver o carro ou tiver a contribuição do porteiro informando que o veículo está lá dentro ele pode sim pegar.

  103. Luana
    Luanamar 07, 2014

    Boa Tarde,

    Meu carro está com 15 dias de atraso e eles foram na minha casa buscar o carro, e a financeira está me ameaçando isso é correto?

    Obrigada!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 07, 2014

      Se houver ordem judicial não há nada errado, você precisa ver o que acontece no processo. Busque um advogado…

  104. Arthur
    Arthurmar 05, 2014

    Bom dia Rodrigo,
    depois dessa decisão muda alguma coisa em relação ao prazo para solução da efetiva apreensão do veículo: http://www.senado.gov.br/senadores/senador/edisonlobao/Pareceres/Par-26.htm

    Abs.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 07, 2014

      Isso não tem muito valor, pois opinião cada um tem a sua, vale o que está em lei, se o projeto de lei for aprovado que passará a valer.

  105. ANDRESSA LANZA
    ANDRESSA LANZAfev 27, 2014

    OLA , A MINHA SITUACAO É A SEGUINTE, VENDI UM CARRO FINANCIADO EM MEU NOME PRA PESSOA CONTINUAR PAGANDO, A 7 MESES, CREIO Q ELE PAGOU 1 PARCELA E AGORA AS OUTRAS ESTAO EM ATRASO, ACONTECE QUE FALTAM SOMENTE 5 OU 6 PARCELAS PARA QUITAR.
    ESTA PESSOA ME DISSE QUE EXISTE UMA LEI QUE OS BANCOS NÃO DÃO BUSCA E APREENSÃO NESSES CARROS
    QUE FALTAM 6 PARCELAS.
    ISSO PROCEDE?PORQUE O QUE EU MAIS QUERO É QUE HAJA ESSA BUSCA E ELE QUE AGIU DE MÁ FÉ SE DÊ BEM MAL.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmar 07, 2014

      O único que se dará mal nesse imbróglio é você, pois o financiamento está em seu nome que corre o risco de já estar negativado. Se sabe onde o carro está, informe a financeira.

  106. elso martins
    elso martinsfev 26, 2014

    O mandado de busca foi emitido, só q o devedor sumiu com o bem e não quer dizer onde está. existe algo a ser feito?

  107. José Carlos
    José Carlosfev 25, 2014

    Olá, estive o carro apreendido por busca e apreensão dia 18/02 e paguei a divida em juízo no dia 21/02 no prazo determinado que e de 5 dias, minha duvida e, tem um prazo para o juiz devolver meu carro? já faz 6 dias e nada, outra duvida e, tenho que pagar guincho e diarias? Obrigado……

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 25, 2014

      Em geral, quando há pagamento o advogado despacha diretamente com o juiz e já pede para intimar a financeira para devolver o veículo. Certamente que as despesas de guincho são suas, mas diárias é por conta da financeira (há controvérsias…), pois é responsável pela guarda do veículo.

  108. leandro carvalho
    leandro carvalhofev 21, 2014

    boa noite “” comprei uma moto em 48x paguei 35 eles podem buscar o veiculo!! quero pagar a divida mais eles nao querem muito acordo comigo nao “” posso entrar com prosseso de juros abusivos nessas utimas parcelas !! obrigado pela ajuda

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 24, 2014

      No caso seria uma ação de consignação em pagamento e pedindo ao juiz para depositar em juízo, seguidamente nada impede de fazer uma ação revisional, leia os comentários e veja o problema enfrentado pelas pessoas quando fizeram revisional e mesmo assim ficaram sem o veículo.

  109. vitoria
    vitoriafev 21, 2014

    Ola fimanciei o carro em 24 x dando uma boa entrada, atrasei as ultimas 6 parcelas(foram pagas 18) e o oficial levou o carro. ok , entrei em contato com a acessoria do banco que cuida deste processo e passei 1 tentativa de acordo , 2 tentativas e hoje a terceira com o valor cheio que eles havia dito que deveria no tyotal… disse que pagaria o valor com os juros acometidos e despesas mas o banco esta se negando a pegar o valor e querem levar o bem sem negociaçao mais.
    o que devo fazer pois e um carro consideravelmente caro e nao quero perde-lo… ,
    segunda feira irei no foro civel que esta o processo junto a advogada mas sera o ultimo dia do prazo (5) lembrando que estou em negoiciaçao desde a manha seguinte da apreençao querendo pagar o valor .

    se puderem ajudar por favor.

    grata

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 21, 2014

      Já que irá com o advogado, já peticione no processo a intenção de quitar o débito e pede para ir ao contador judicial atualizar o cálculo, depois que retornar o juiz abre prazo de 48h para pagamento. Se o banco vender o carro, não tenha dó deles em processo de indenização… veja os detalhes com seu advogado.

  110. emmanuelle
    emmanuellefev 20, 2014

    Bom dia Dr Rodrigo!

    Meu carro foi apreendido,um dia antes de terem apreendido meu carro o banco mim cobrava 2612,00 um dia depois que foi apreendido mim cobram 3500,00 , procurei um defensor público e o mesmo mim instruiu fazer o depósito judicial sem juros(4 pcs de 593,74= 2.372,00 depositei 2.400,00)e iria fazer a petição a juíza para purgação de mora,a mesma mandou um ofício para o banco informando sobre o depósito e ainda não deram resposta.Estou desperada pois o carro e meu instrumento de trabalho,eles podem aumentar o valor assim já que no mandato que o oficial deixou informar que devo pagar o valor integral da divida valores este mostrado na inicial pelo credor?Existalgum documento que a juíza despache para ele não venderem o carro antes da decisão?Mim ajude,como posso proceder?

    E parabéns pelo trabalho.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 21, 2014

      Você deve pegar um advogado para atuar na causa, não tem como atuar sozinho, a não ser que tenha OAB… Se o juiz não disse nada que somente poderia ser vendido o veículo sem autorização, não há nada a fazer e certamente vão dar destinação de leilão… Daí a importância de buscar um advogado que trabalhe em sua cidade, a Internet não ajuda em nada nesse caso…

    • Emmanuelle
      Emmanuellefev 21, 2014

      Mais eu tenho um advogado,foi ele mesmo quem mim instruiu a fazer o depósito judicial,e ele também que fez a petição para purgação de mora.Existe algum documento que a juíza envie para proibir a venda do veículo até a sua decisão?

  111. RENAN
    RENANfev 19, 2014

    Mas no caso do meu carro que como te disse está em outro estado,se minha esposa passar por uma Blits dessas rotineiras que tem nas cidades,a polícia pode fazer algo….e no caso te não acharem o veículo e dar perdas e danos isso faz com que o veículo não possa mais circular normalmente….lembrando que nesse tempo já estou tentando negociar,mas como vc disse se eles não encontrarem o carro,será mais fácil fazer acordo.Depois de feito o acordo,costuma demorar qto tempo para que tirem a busca e apreensão….Agradeço desde já a sua resposta.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 21, 2014

      É possível prender em uma blitz, vai saber o que cadastram em sistema, já vi financeira cadastrar furto só pra prender o carro e o cidadão ainda ter que responder criminalmente, raciocine comigo, se há restrição judicial, o carro pode ser vendido? Não… Mas pode andar normalmente até que um infeliz dia seja apreendido? Sim… Depois de feito o acordo vai mesmo do cartório proceder a baixa, sem esquecer de pedir para baixar a restrição e o gravame do veículo.

  112. rodrigo
    rodrigofev 19, 2014

    ola, se puder me ajudar em algo, me encontro na seguinte situaçao, cometi um erro e paguei a vista o valor de um veiculo a uma revenda que desapareceu, e o antigo proprietario do veiculo no prejuizo tbm, nao o quitou junto a financeira, o veiculo eh consorciado, hj se encontra com cerca de 5 parcelas em atraso e a financeira pediu a busca e apreensao, n sei como proceder…

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 19, 2014

      Tentar assumir a bronca do consórcio negociando com o advogado da ação de busca e depois tentar encontrar os donos da revenda e cobrar todo este prejuízo deles, a questão é matemática agora, tentar ver o caminho que menos doer no bolso.

  113. Alecssandro Junior
    Alecssandro Juniorfev 19, 2014

    Boa Tarde, Assumi um financiamento de 60 x 719,50. Foram pagas 30 parcelas quando resolvi entrar com a revisional.
    Mas meu advogado me instruiu a nao pagar 3 ultimas (erro meu em fazer o que foi dito), então em 2012 saiu uma busca e levaram meu veículo.
    Hoje o processo encontra baixado e o banco ganhou.
    então paguei 22 mil e mais tudo que estava no carro;
    O que posso fazer?
    meu advogado vai me ligar até fim desta semana para me dizer o que o banco falou , ele vai tentar um valor para quitar o carro e pegar de volta. Sera que isto é verdade? Perdi a confiança pelo advogado.
    Grato

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 19, 2014

      Não há como saber exatamente o que acontecerá, acordo é entre as partes e eu acho que este carro já foi vendido, tente consultar o renavan pelo site do detran e veja se já não está em outro nome… passou muito tempo e é aquela coisa, negócio de banco é dinheiro e não carro.

  114. Gláucia Albuquerque
    Gláucia Albuquerquefev 19, 2014

    Boa Tarde DR. Rodrigo,

    Comprei um carro, financiado pelo banco santander, em novembro/13, o oficial de justiça veio para levar o carro, pq estava com 3 parcelas em atraso, até ai justo, entrei em contato com o meu advogado, calculamos juros e multas e no dia seguinte fiz um depósito judicial referente as parcelas vencidas, o juiz deu uma decisão em meu favor, dizendo que o banco teria que devolver o carro, sob pena de descumprimento de 15.000,00 e um prazo de 5 dias para o banco se manifestar, o banco não se manifestou judicialmente, nós ligamos para o escritório de cobrança do banco, eles não sabem de nada, não nos devolveram o carro até agora, o meu advogado que agora esta morando no interior e quase não vem para São Paulo, fez essa semana uma petição de resolução que eu mesma tive que despachar com a juíza, consegui, ela ficou totalmente indignada com o descumprimento do banco, escreveu na petição e pediu para protocolar direto no cartório que iria para ela o mais rapido possivel. Mas Doutor como meu advogado não esta tão empenhado na causa, estou super preocupada, se o banco leilou o carro, conforme a decisão do juiz eles teriam que pagar a multa de 15.000,00? Isto pode demorar muito??? Sou corretora e preciso do carro para trabalhar…Obrigado e Deus abençoe.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 19, 2014

      Em geral as decisões do juiz são para ser cumpridas, verifique no site do detran se o carro já foi vendido. A multa pelo descumprimento vai para você e se o carro já foi vendido, peça para converter o processo em perdas e danos e anulação do contrato. Sugiro pensar em outra alternativa caso a consulta do renavam esteja em outro nome…

    • Gláucia Albuquerque
      Gláucia Albuquerquefev 20, 2014

      Oi Dr.
      Acabei de olhar no site do detran, esta em meu nome ainda, só consta alienação fiduciaria. Neste caso, preciso então cobrar de que forma para que eles me devolvam o carro? pois além de precisar para trabalhar, estou pagando as parcelas, sem usar o carro. Me ajuda por favor!!! Grata mais uma vez!!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 21, 2014

      Consulte um advogado que atuará em sua defesa para ver o que deve ser feito neste caso.

  115. RENAN
    RENANfev 19, 2014

    Boa Noite,em setembro entrei com processo de juros abusivos nas prestaçoes do meu carro,olhando na consulta processual do tribunal de justiça daqui,vi que o Juiz concedeu a medida liminar pra busca e apreensão,já estou tentando entrar em contato com a financeira para negociar o valor q está atrasado,porém o carro não está mais nesse estado onde está correndo o processo e irá ser dada busca e apreensão,ele está com minha esposa em outro estado.Minha pergunta é,eles podem fazer algo contra mim ou contra ela,enquanto estou tentando negociar e houver busca e apreensão,minha esposa pode circular normalmente por lá,eles podem fazer algo contra nós.Eu pensei em trazer o carro de lá,mas me disseram q é melhor deixar lá enquanto negocio,pois ainda assim se o carro estiver aqui,eles podem leva lo.Aguardo sua resposta.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 19, 2014

      Com a liminar em mãos o banco certamente não irá negociar, mas é aquela coisa, quando o oficial de justiça certificar dizendo que não encontrou o veículo o jogo muda e você poderá fazer um acordo para encerrar o processo. Se o carro está em outro Estado, não tem como a apreensão ser realizada lá, a não ser que você diga onde pode ser encontrado o veículo… No máximo o processo será convertido em perdas e danos e haverá restrição judicial para a venda do veículo.

  116. adelson alves
    adelson alvesfev 18, 2014

    Boa noite Dr.
    Em junho de 2013 abri um processo de revisão e pagamento em consignação no contrato do meu carro, logo em setembro o juiz da 14 vara de minha cidade despachou deferindo o meu pedido de depositar determinado valor em juizo, que este tenho feito desde entao, em dezembro do mesmo ano o banco entrou com o pedido de busca em outra vara, a 9º, nesse meio tempo tentei falar com meu advogado mas soube que o mesmo estava de ferias, resultado, o juiz da outra vara deferiu a busca ai que consegui falar com o advogado, mas ja era tarde pois quando ele pediu a juntada dos processos o ofcial ja havia levado meu carro com o auxilio do localizador, essa semana o juiz que deferiu a busca recebeu o pedido de juntada e encaminhou ao primeiro douto que despachou conforme a lei, mas ja era tarde, hoje estou sem carro e meu advogado disse que vai pedir o agravo a tempos e nada de aparecer no meu processo. Dr eu lhe pergunto, o banco pode leiloar meu carro mesmo eu estando pagando em juizo a mais de seis meses que a autorizaçao do juiz? e qual procedimento meu advogado deve tomar agora para que o carro me seja devolvido? pra ser sincero meu advogado é muito devagar estou com medo de dar tudo errado.

    agradeço muito por sua ajuda Dr.
    Deus abençoe

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 18, 2014

      O banco pode leiloar e não duvido de que o faça, salvo se no despacho que deferiu a busca mencionar expressamente que não pode leiloar ou que deve comunicar o juízo eventual intenção. Mas, sinceramente, a lei fala o contrário… Depois da conexão dos processos o juiz prevento (14 vara) analisará o pedido e verá que você não está em mora com o banco e deve mandar devolver o veículo, se não fizer isso, só recorrendo da decisão, o que já adianto que em qualquer Estado demora. Pelo que me contou já está tudo encaminhado, de resto é apenas paciência. Se não confia mais no advogado a recomendação é que troque, uma vez que a relação cliente x advogado é de confiança.

  117. valdeci
    valdecifev 17, 2014

    Boa noite.. entrei em contato com o escritório de advocacia ref ao pagamento das parc em atraso, fiz a negociação para pagt 19.02.14, onde me enviaram o boleto de pagt e td mais, passei pro meu sócio e ele pagou hj 17.02 ocorre q neste meio tempo o oficial de justiça chegou e elevou o carro eu disse a ele q já estava pago o representante do banco ñ quis esperar eu pegar o boleto e disse q teria q ter sido pago ontem pra ele ñ levar o veiculo e o meu marido ]n estava em casa fizeram a maior pressão foi totalmente constrangedor , como devo agir uma vez q o oficial de justiça vai voltar amanha pra ele assinar os papeis do fórum.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 18, 2014

      Já deveria ter pego um advogado em sua cidade para despachar a petição e o comprovante de pagamento diretamente com o juiz para suspender a liminar de busca e apreensão…

  118. Lisa
    Lisafev 17, 2014

    Boa noite Dr.
    Tive meu veículo apreendido, hoje faz 5 dias, já estou entrando com advogada para depósito em juízo já que estou tentando negociar com o banco e o escritório de cobrança desde o dia da apreensão, na verdade já estava em negociação antes da busca e apreensão eu ja havia pago uma parcela faltavam a de out. e nov. janeiro não havia vencido ainda, eles não me deram chance, agora não me respondem, sinto até um jogo de abuso de de poder , querem me dar canseira .O banco pode se privar do direito de não negociar e vender o veículo, uma vez que já estou no término do contrato e tenho muito interesse em ficar, pois já paguei dois veículos nesse financiamento.Eu tenho chance junto ao juíz . Não é direito por lei do banco me propor um acordo.
    obrigada,
    Lisa

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 18, 2014

      Esqueça negociação quando o carro já está com o banco, te enrolam até passar seu prazo para recuperar o veículo. Adianto que ninguém é obrigado a negociar, só em comum acordo é que isso é possível. Chance de reaver tem, já que pediu para pagar dentro do prazo legal. De outro lado, o banco pode vender o carro achando que você não conseguirá perder, aí é questão de desapegar do veículo e pleitear perdas e danos no mesmo processo.

  119. Liliane
    Lilianefev 17, 2014

    boa tarde!
    compramos um carro e entramos com revisional ai nosso carro foi apreendido, pagamos dentro do prazo de cinco dias um valor q o juiz estipulou só q o banco ainda nao devolveu nosso carro quero saber qual é o prazo pra q eles me devolvam ja q paguei no prazo correto.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 17, 2014

      No prazo que o juiz estipulou, só quem sabe esta resposta é o advogado da causa… Se não foi devolvido no prazo tem que pedir pra aplicar multa diária.

  120. Flavia
    Flaviafev 16, 2014

    Recebi na semana passada na quarta-feira uma ligação do meu advogado falando que a acessoria do banco Itaú entrou em contato com eles através de e-mail fazendo uma proposta. Entrei com uma revisão de contrato em janeiro do ano passado e comecei a pagar em juízo em maio do mesmo ano. De acordo com a assessoria devo ao banco 15.900,00 e com o acordo a divida cairia para 6.900,00, como já paguei 5.720,00 em juízo só tive que inteirar 1.200,00. Meu advogado informou que esse acordo era para quitar todo o contrato, e que desses 1.200 reais, 500,00 seria para o advogado deles(acessoria) e o restante para o pagamento do boleto. Eles me informaram também que devo esperar chegar a Minuta. O que é isso MINUTA? E isso é um procedimento padrão? Fiquei com receio.Obrigada aguardo!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 17, 2014

      Minuta é uma prévia do acordo para inserir no processo, é procedimento comum neste caso.

  121. Joice Cardozo
    Joice Cardozofev 16, 2014

    Boa noite!!

    O Banco Santander deu busca e apreensão no meu carro sendo que nunca fiquei sem pagar sequer uma parcela, no dia em que o oficial levou meu veiculo eu levei os comprovantes ( todos os pagamentos em dia) no fórum juntamente com minha advogada e dai o juiz deu reintegração de posse no mesmo dia em que levaram meu carro, só que quando o oficial foi no guincho comigo o pessoal do guincho me informou que o carro mal tinha chegado lá e foi para leilão, voltou o caso para o juiz e ele deu multa diária de R$ 1000 para o banco só que desde o começo da história ” de terror” rs, já se passaram oito meses e o banco já recorreu para brasília para não pagar a tal multa e até agora não vi o carro e nem a cor do dinheiro e minha advogada não sabe me dizer quanto eles tem que me pagar, sendo que dei 40% de entrada e já tinha pago nove parcelas do financiamento.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 16, 2014

      Se não viu o carro até agora, só restará receber uma compensação financeira, em relação ao que deu de entrada, veja com sua advogada a possibilidade de converter o processo em perdas e danos.

  122. Bianca
    Biancafev 12, 2014

    Dr Rodrigo
    Entrei em contato com um advogado o mesmo tinha me orientado para de pagar o carro por causa dos juros abusivos,parei de pagar o carro.Depois chegou pra mim uma carta de busca e aprensão do carro fui atras da mesmo.
    A própria me informou era para aguarda que o meu caso tinha ido para Brasília. Hoje o oficial de justiça foi na minha casa e pegou o meu carro o que devo fazer

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 12, 2014

      Levar a situação para o advogado contratado.

  123. Felipe
    Felipefev 11, 2014

    Caro Rodrigo, estou na seguinte situação:
    Tenho uma moto financiada e pago todo mês suas parcelas, porém, em 2012 nos meses 09 e 10, fiquei desempregado e não paguei essas duas prestações. Continuei pagando os meses posteriores ” e pago até hoje”. Foram até a casa de meus pais, onde o veículo creio eu estar registrado com a busca e apreensão e não encontraram a moto…Quero acertar essas duas parcelas e me livrar desse mau-estar…Devo procurar um advogado ou posso acertar isso junto a financiadora ??? e depois de pago como faço para cancelar esse mandato de busca e apreensão ??

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 11, 2014

      Pode tentar acertar diretamente com a financeira, se conseguir, deve peticionar ao juiz do mandado de busca e apreensão que houve acordo extrajudicial e pedir a extinção do processo, se criarem problemas para receber, deverá ingressar com uma ação de consignação em pagamento para evitar o problema e seguidamente peticionar ao juiz da busca e apreensão que o depósito já foi realizado em juízo. O importante é não ser citado antes de tomar as providências, senão o processo poderá ser convertido em perdas e danos.

  124. denis ribamar
    denis ribamarfev 10, 2014

    Boa noite, caso um veículo já tenha sido apreendido, e o devedor não tomou as providencias de procurar um advogado, e os prazos de 5 e 15 dias para contestar já expiraram.
    Caso faça uma negociação diretamente com o banco através do escritório de cobrança, nesta altura do processo existe uma possibilidade do devedor reaver o bem? E o processo ser extinto?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 10, 2014

      Sim, vai depender do que ficou acertado no acordo, se o processo será extinto, se o veículo for devolvido, como se deu o pagamento, se há multa por atraso etc…

  125. adriano
    adrianofev 10, 2014

    estou com
    5 parcelas em atraso nesse caso ja ocorre o pedido de busca e apreensão ? meu financiamento e lieseng.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 10, 2014

      Leasing tem um regramento diferente de alienação fiduciária, mas pode sim ocorrer a busca e apreensão. Busque um advogado em sua cidade.

  126. Cristiane
    Cristianefev 05, 2014

    Rodrigo falta 9 prestacoes para eu quistar meu carro atrasei 5 o banco entrou com busca e apreensao no proprio escritorio do itau me disseram para entrar com a revisional e esconder o carro,minha pergunta e a revisional fara suspender a busca e apreensao? E na rua meu veiculo pode ser apreendido pelo detran ou Pm? Ou so o oficial de justica vindo em minha casa?
    Muito obrigado pela ajuda.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 05, 2014

      Revisional não suspende processo de busca e apreensão por ser autõnomo. Detran não faz apreensão mas pode inserir gravame e a PM só apreende se constar o registro de apreensão em seus sistemas, o Oficial pode pegar o carro aonde ele encontrar (geralmente o olheiro da financeira avisa onde o carro está).

  127. FÁBIO
    FÁBIOfev 03, 2014

    Bom dia !!

    Dr. Rodrigo Martins, eu financiei um veiculo pelo banco ITAU fiquei desempregado e não paguei as parcelas, durante o tempo que estive desempregado tive a ação de busca e apreensão do veiculo, na primeira busca eles não acharam o carro !! então negociei com o ITAU (empresa de cobrança do itau) a quitação total do carro, fiz o pagamento a vista desse boleto e agora descobri que existe uma nova busca e apreensão do veiculo que foi peticionada pelo jurídico do banco na semana passada !!

    Dr. Rodrigo, caso ocorra essa nova busca o se oficial de justiça encontrar o carro, ele poderá levar o carro mesmo eu já tendo pago esse carro integral ???

    É necessário eu esconder o carro até o banco solicitar o arquivamento do processo ???

    muito obrigado e Abraços !!!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 03, 2014

      Sim, poderá levar o carro, ocorre que haverá neste caso os danos morais. Sugiro que se você já sabe da busca e apreensão não deixe ela ocorrer peticionando o pedido ao juiz para revogar a liminar, se ocorrer a apreensão do veículo ensejará reparação por danos morais pela evidente falha do banco.

  128. Alessandro
    Alessandrofev 03, 2014

    No auto entregue pelo oficial, diz que a divida atual é aproximadamente 16.000,00. Citando as 3 parcelas e diz que o valor total do bem que falta a pagar é de 166.000,00. Nesse veiculo possui 2 financiamentos, sendo um do veiculo e outro do implemento no caso a caçamba, sendo essa em dia. Deveriam levar somente o caminhão, e não o implemento também, pois o mesmo encontra-se em dia. Se fizer um depósito dos valores em atraso, existe algum modo de reaver o bem? Juntando todos esses dados, pagamento em juízo, será que o juiz caça essa esse pedido de busca? Levando em conta que fizeram apropriação ilegal do bem, no caso da caçamba.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 03, 2014

      Deve peticionar ao juiz informando a situação e requerendo que a caçamba seja retirada, até mesmo por pertencer à terceiros. Busque um advogado.

  129. Alessandro
    Alessandrofev 02, 2014

    Adquiri um caminhão em Fevereiro de 2012, valor total de 270.000,00 dando entrada de 50.000,00 e o restante em 60 vezes. Gerando uma parcela de 5.000,00 mais ou menos. Porém fiquei sem pagar Novembro 2013, Dezembro 2013, Janeiro 2014, gerando uma divido de entorno de 16.000,00 com juros. Porém oficial veio e efetuou busca de apreensão do bem. Entrei em contato com o banca (escritório de cobrança ), e o mesmo pede pagamento do contrato integral, existe um modo de pagar essas e em atraso e reaver o bem, tendo que em vista que é minha ferramenta de trabalho, e o tempo pago e o percentual pago do contrato. Pedem 166.000,00 pra quitação total do bem.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 02, 2014

      Infelizmente não, só quitando o contrato. Se tem o valor final da quitação, tente vender a dívida para outro banco com melhores taxas.

  130. ANGEL
    ANGELfev 01, 2014

    Tenho a seguinte situação: Meu sogro comprou um carro pela Aymoré Financiamentos deu uma entrada e financiou o restante em 48 meses. Foi pagando as parcelas mas na parcela 17 atrasou os pagamentos de 3 ou 4 delas, quando a financeira terceirizou a cobrança. Foi levantado o valor das parcelas e assim liquidadas diretamente com os boletos bancários todas as parcelas vencidas, porém sem a correção monetária e juros uma vez que ali não mencionava os valores, mas o banco também não recusou nem tampouco contestou os valores recebidos. Entretanto por falha de comunicação entre o banco e o cobrador terceirizado, após 12 dias depois de sanado a dívida foi protocolizado uma petição de busca e apreensão e a justiça assim recebeu. Venceu a próxima parcela e assim foi paga no vencimento e recebida pelo banco antes da citação do devedor mas já havia o ajuizamento pelo banco. Aconteceu a busca e apreensão, a qual foi contestada com recibos e o juiz achou por bem seguir os tramites ainda dando sentença a favor do banco. Dado entrada com agravo de instrumento no TJSP foi dado uma liminar favorável para devolver o veiculo, que não foi cumprida porque o primeiro juiz abriu vista para o banco. Seguindo o processo foi dado entrada com apelação na mesma câmara e os desembargadores passaram por cima de sua própria liminar julgando improcedente a ação. Obs. O banco ajuizou a ação depois da divida vencida haver sido quitada e ainda continuou recebendo até o pedido de suspensão ao juiz. Nenhum advogado entendeu o que aconteceu com a cabeça dos julgadores. Se tiver uma solução poderemos conversar mais detalhado e com os documentos de tudo o que relatei. Tenho cópia de tudo. Angel

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsfev 01, 2014

      É complicado, eu mesmo, pode vezes não acredito mais em justiça, fazem o que querem, como pode, acredito que nem leram o processo. Eu vejo que neste caso cabe danos morais contra o banco pelo fator de não haver comunicação entre a cobradora terceirizada e ele. Se o processo transitou em julgado seria o caso de entrar com uma ação revisional, se não transitou, só resta mesmo recorrer a Brasília, mas aí os intocáveis dizem que é análise de fatos e sequer recebem o recurso, sinceramente, este país está uma vergonha e o judiciário está infectado com alguma doença rara. Não sei nem o que dizer do seu relato, só que isto é um absurdo.

  131. Leni
    Lenijan 30, 2014

    Levaram meu carro ontem busca e apreensão, pelo que vi no processo tenho que pagar a divida total e honorários se quiser reaver o bem. Ainda é possivel entregue amigável do bem?
    O que faço agora?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 30, 2014

      Se o carro já foi apreendido não tem nem o que falar em entregar, pois foi tomado e não entregue. Pague o que pedem e depois analise se houve excesso ou não faça nada, espere seu nome ir para o SERASA e aí tentar tomar uma medida que poderia ser feita neste momento, busque um advogado, está perdendo tempo.

  132. Danielson do amaral
    Danielson do amaraljan 30, 2014

    Ola, a minha situação é a seguinte, fiz um financiamento de um veiculo de 11,000, e entrei com uma revisional por juros abusivos, paguei 18 parcelas em juizo, e acabei perdendo a revisional, o veiculo esta sem ser paga as parcela faz 1 ano e meio, neste intervalo tentei varias vezes entrar em acordo com a financeira sem exito eles naum me dão nem uma proposta, recebi uma carta falando q o veiculo esta em busca e apreenção. Gostaria de saber qual seria a melhor forma de eu lidar com este caso, a quitação não tem como pois naum possuo dinheiro para quitar, por favor me ajude q eu já naum cei mais o q fazer. Desde já agradeço pela ajuda valeu.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 30, 2014

      Entregue o veículo, veja qual foi o destino das 18 parcelas que pagou em juízo na revisional, se o banco retirou o valor ou se está disponível para você retirar, seguidamente veja por qual valor o carro foi leiloado e faça o abatimento, assim saberá o que restou para pagar, mas o fato é que não terá que pagar tudo que pedem por ter estes abatimentos no valor.

  133. Nefer Klain
    Nefer Klainjan 29, 2014

    Boa tarde, tenho duvidas enormes sobre este assunto.
    Eu já paguei 50% da divida e entrei com um processo por juros abusivos. Tenho uma parcelas parcelas atrasadas e não tenho como pagar.. Eles podem retirar meu veículo mesmo 50% da divida paga? Se eu entregar amigavelmente e no final do processo do juros abusivos o juiz me der causa ganha o banco é obrigado a me devolver o carro? Agradeço o esclarecimento.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 29, 2014

      Pode pedir busca e apreensão mesmo que só falte uma parcela para pagar. Neste caso, se no final do processo de revisão de juros for procedente o pedido poderá haver compensação e não haverá devolução porque já teria sido vendido para terceiro de boa-fé, neste caso poderia pedir conversão da ação em perdas e danos.

    • Nefer Klain
      Nefer Klainjan 30, 2014

      Se a entrega não fosse amigável, fosse por busca e apreensão a situação ainda seria a mesma?
      E neste caso de converter para perdas e danos o que eu recebo com isso.. não seria o nem perto do valor já pago ou que pudesse comprar outro carro né?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 30, 2014

      Recebe apenas o valor corrigido e possivelmente a quitação do restante do contrato, vai depender da visão que o advogado tiver dos autos e do que nele contiver.

  134. lara
    larajan 29, 2014

    DR.
    Financiei um carro em 60x paguei algumas parcelas e devido a alguns problemas não tive como pagar o restante, hoje o oficial de justiça levou o carro, não tenho mais interesse em reavê-lo e não tenho como pagar a dívida, gostaria de saber como proceder neste caso?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 29, 2014

      Deverá ficar atenta ao valor que o veículo for vendido em leilão para saber se ainda terá algum valor para pagar ou receber, consulte periodicamente o renavam do veículo no site do detran e quando estiver em outro nome ingresse com uma ação de prestação de contas contra o banco.

  135. Gisele Oliveira
    Gisele Oliveirajan 29, 2014

    Boa noite Dr estou com 5 parcelas em atraso do meu carro. paguei 7 parcelas depois disso o banco me enviou um novo carne com 41 parcelas com um valor mais baixo. E desde novo carne paguei somente uma entao estou em atraso desde setembro de 2013 fui tentar pagar agora em janeiro e o pagmento das parcelas estao bloqueada e nao consigo acordo algum com a assessoria. O que eu faço? Ja que o banco joga para assessoria e vice versa. Foi descoberto pelo advogado que existe juros abuso sera q entro com uma açao para acordo? Ate onde sei agora q a assessoria vai mandar para protesto.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 29, 2014

      Entre com uma ação de consignação em pagamento, pegue um advogado e nem ligue mais para assessoria que só atrapalha as pessoas, pague em juízo e fique em dia com as prestações, a depender do caso essa não emissão de boletos para pagamento eu considero, em MINHA OPINIÃO, consistir em danos morais, sobre a revisional de juros eu verificaria o custoXbenefício, as vezes o valor é tão pouco que não compensa manchar o crédito no banco.

  136. Nathália
    Natháliajan 29, 2014

    Boa tarde! Eu comprei um veiculo e por um erro não sei se da loja ou banco fizeram 2 contratos para uma unica venda. Minhas prestações estão em dia e o oficial de justiça veio com um mandado de busca e apreensão para levar o veiculo cobrando esse segundo contrato que obviamente nunca foi pago.
    Pretendo processar o banco por tamanho erro e gostaria de saber quais são as multas cabiveis a essa ação.
    obs: deixei eles levarem o veiculo e consultei meu nome e o mesmo se encontra negativado por uma divida que desconheço.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 29, 2014

      Multa não vejo ser o caso, mas poderá pleitear a nulidade do contrato, inexigibilidade da dívida e danos morais, deve agir imediatamente para que o juiz possa determinar a restituição do carro pra você.

  137. Marcel
    Marceljan 27, 2014

    foi comunicado ela juntou o acordo com o processo,minha pergunta é elas podem entrar com o pedido de busca e apreenção de novo sendo que o processo anterior não foi arquivado ou não deu termino ainda. porque tenho parcela em atraso.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 27, 2014

      Obviamente que tendo parcelas em atraso pode sofrer nova busca e apreensão…

  138. Deise
    Deisejan 27, 2014

    Bom dia… Meu irmão deu entrada naquele esquema de juros abusivos, enfim no dia 07/01/2014 o carro foi apreendido, quando foi no dia 10/01/2014 pagamos as parcelas em atraso e no dia 22/01 que vencia a próxima parcela também, o juiz pediu a manifestação do banco e eles ainda não deu, só que o carro está em leilão, o que fazer agora e se ele leiloar o que acontece?? nós perdemos o carro..??

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 27, 2014

      Sim, perde o carro e só poderá pleitear perdas e danos. No caso, se o carro está em leilão, porque não foi solicitado ao advogado para que comunicasse o juiz para determinar que o carro saia de lá?

  139. Marcel
    Marceljan 26, 2014

    Olá Dr gostaria de saber meu carro deu busca e apreenção e au peguei uma advogada , paguei a purga mora e recuperei o veiculo continuei pagando judicialmente minha advogada entrou com uma ação de umas tarifas que o banco tinha que me devolver o processo continua rolando depois fiz um acordo com uma empresa terceirizada pelo banco continuei pagando com boleto mas nao foi arquivado o processo. agora tenho parcelas em atraso e a firma tercerizada diz que vai entrar com uma ação judicial eles podem? Minha advogada acha que o banco vendeu o contrato para essa empresa e como fica?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 26, 2014

      Porque não foi comunicado o processo acerca do acordo que fizeram? Esta seria a pergunta que deveria ser respondida. Se foi ocmunicado, basta pedir o cumprimento do acordo judicialmente e, se for o caso, pedir que o juiz estipule multa diária.

  140. Elisa
    Elisajan 23, 2014

    Bom dia Dr.
    No dia 21/01 no fim da tarde tivemos nosso veículo levado mediante mandato de busca e apreensão. Desde este instante procuramos o escritório que representa a financiadora e a própria. Há informações contraditórias. O que consegui apurar é que mesmo nós propiciando o pagamento dentro dos 05 dias o veículo pode ir para outro pátio. O que devo fazer? Contratar advogado? O uso desse veículo é fundamental para trabalho e ficará tudo comprometido.
    Tentamos renegociar antes, recalcular as parcelas mas não obtivemos sucesso, até surgir essa situação. Agradeço.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 23, 2014

      Se efetuar o pagamento em 5 dias o juiz mandará devolver o veículo. Caso não devolvam, caberá multa diária até o cumprimento da decisão, se venderam o veículo caberá conversão em perdas e danos e receber o valor dele atualizado. Continue negociando mas não desconsidere pagar tudo em 5 dias da intimação, do contrário será bem complicado retirar o veículo a curto prazo.

    • Elisa
      Elisajan 23, 2014

      São cinco dias corridos ou úteis? Obrigada pelos esclarecimentos!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 23, 2014

      Corridos, sendo citada dia 21, o prazo inicia no dia 22 e termina no dia 26, como será domingo, o prazo final de pagamento é dia 27/01.

    • Elisa
      Elisajan 24, 2014

      Bom dia! Recebi a resposta do banco. Eles querem que eupague em sua totalidade o veículo e despesas. Ou entregue o bem amigavemente. O que eu faço? Não tenho o valor pedido, somente consegui o das parcelas vencidas e meu veículo uso para meu sustento.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 24, 2014

      Se entregar “amigavelmente”, certifique-se de que constará no acordo a quitação da dívida. Se não houve busca e apreensão e não querem emitir o boleto para pagamento das parcelas vencidas, entre com uma ação de consignação em pagamento que poderá requerer o pagamento através de depósito judicial e assim manter o bem.

    • Elisa
      Elisajan 24, 2014

      Dr, eles levaram o veículo no dia 21, o valor cobrado refere-se as parcelas vencidas, e custos… enfim… um valor dobrado do que eu esperava, fora o pátio. Não tenho esse montante. Devo procurar um advogado ou desistir do veículo? ainda que ela não me garante a dívida quitada?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 24, 2014

      Essa decisão só você pode tomar, deixar pra lá não é muito recomendado porque a dívida poderá aparecer no futuro para ser paga.

    • Elisa
      Elisajan 24, 2014

      Boa tarde Dr. Decidimos entregar amigavelmente o veículo. Quais procedimentos tenho que tomar?
      E mais uma vez obrigada pela atenção. Muito bom site, recomendo!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 24, 2014

      Certificar se a entrega quita a dívida.

  141. JULIO
    JULIOjan 20, 2014

    Bom dia, Dr.
    Hoje estava navegando pelo site do tribunal de Justiça, procurando saber se minha moto estava com busca e apreensão.
    Para minha surpresa, estava sim. Porém, ainda tenho posse do veículo.
    Tentei por inúmeras vezes efetuar o pagamento com a prestadora do banco, e eles não me emitiam o boleto para quitação. Venho solicitando este, já fazem 6 meses e sem sucesso, e o juros cada vez mais subindo.
    Agora que sei que realmente existe uma busca e apreensão, como devo proceder?
    Quem devo procurar?
    Devo entregar o veículo?

    Por favor, me ajude! Estou desesperado!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 20, 2014

      Continuar negociando com a financeira ou assessoria de cobrança antes de receber a citação pelo oficial de justiça.

  142. Francisca andrade
    Francisca andradejan 19, 2014

    Olá, boa noite meu nome é francisca tive meu carro apreendido sendo que dei 60.000 de entrada e financiei 59.000
    sendo que desses paguei 16.000 ja passei do prazo para recorrer o que devo fazer? Me ajundem estou muito desorientada!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 20, 2014

      Se passou do prazo de recorrer só conseguirá reaver o veículo se entrar em um acordo com a financeira, do contrário só aguardando a venda em leilão para ver se tem crédito ou débito para saldar.

  143. Jorge
    Jorgejan 19, 2014

    Tenho um contrato de leasing vencido desde novembro, e ainda não paguei as parcelas de outubro e a última de novembro. Nenhuma intimação ou Oficial de Justiça apareceu na minha porta, mas temos medo de que isso possa ocorrer pelo tamanho do atraso. Vou quitar as parcelas agora em fevereiro, corro o risco de perder o bem?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 20, 2014

      Corre, verifique no Fórum se já não existe uma ação de busca e apreensão contra você.

  144. ANGELA
    ANGELAjan 16, 2014

    NÃO MENCIONEI QUE JÁ PAGUEI 19 PRESTAÇÕES DA CAMINHONETE E QUE ESTOU COM UMA REVISIONAL NA JUSTIÇA. E JÁ HAVIA APRESENTADO PARA O BANCO UMA PROPOSTA DE QUITAÇÃO. COMO DEVO PROCEDER???

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 16, 2014

      De qualquer forma terá que quitar o contrato, salvo se pediu manutenção de posse do veículo na revisional, de qualquer forma, já deveria ter comunicado seu advogado da ação revisional sobre esta situação, pois certamente ele deveria ter previsto que isso aconteceria.

  145. ANGELA
    ANGELAjan 16, 2014

    BOA TARDE…

    ESTOU COM SEIS PARCELAS EM ATRASO DO MEU CARRO.
    E HOJE O OFICIAL DE JUSTIÇA LEVOU O CARRO E AGORA? TENHO COMO REVER JÁ QUE O 0800 DO BANCO ME DISSE SÓ SE EU PAGAR A DÍVIDA TOTAL DO BEM PARA REVER MESMO AS PARCELAS QUE NÃO ESTÃO ATRASADAS.
    UNS DIZEM QUE SE EU PAGAR A DIVIDA DAS PARCELAS ATRASADAS REVEJO O BEM OUTROS DIZEM QUE PRECISO PAGAR O TOTAL DA DÍVIDA. ESTOU DESESPERADA O QUE PRECISO FAZER????

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 16, 2014

      Só pagando o total da dívida, é o que está previsto em Lei e nem o juiz pode ir contrário, veja o que está escrito em seu mandado de citação e contrate um advogado de sua cidade para fazer a defesa o quanto antes.

  146. Diego Moretto
    Diego Morettojan 15, 2014

    ola boa noite,meu carro foi apeendido pelo banco com busca,mas estou pagando na revisional faz a 16 meses,eles entraram em outro foram com todo o nome do meu pai, so que o processo esta so com o nome e um sobrenome,nao completo,assim entraram em outro foram e deram busca do carro e pegaram,estou pagando a revisional sem atrasos,tenho como recuperalo,sendo que o banco agiu de ma fe,pois a posse tinha saido depois que levaram o carro.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 15, 2014

      Sim, tem como recuperar, você deve entrar em contato com seu advogado da revisional para que ele faça este pedido de revogação de mandado com urgência.

  147. Roberto
    Robertojan 13, 2014

    Prezado, boa noite.
    Estou com pedido de busca e apreensão exarado, devido a cinco parcelas do meu financiamento estarem inadimplentes, porém, apesar de ter sido informado pela empresa de cobrança terceirizada pelo banco, ainda não fui intimado pelo oficial de justiça a entregar o bem (o que pode acontecer a qualquer momento).
    Estou realizando o acordo com a empresa de cobrança amanhã, eles me deram o número do processo que corre na 15ª vara em Curitiba. Estão me cobrando além das parcelas em aberto, juros, multa e 1,400 reais de custas.;
    Minha dúvida é, se realizando o acordo e pagando a dívida, imediatamente estarei garantido contra a busca e apreensão do veículo? (eles dizem que o processo fica cancelado) e também tenho dúvidas a respeito deste valor referente às custas, pois, segundo o acordo eu devo pagar as custas diretamente a eles (está correto isso?), juntamente com a primeira parcela do acordo (o acordo é em duas vezes).
    Qual ação seria importante, neste caso, para que eu não corra o risco de pagar os valores e ter o veículo apreendido mesmo assim?
    Muito grato pela atenção.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 13, 2014

      Se você fizer o pagamento antes de receber a intimação do Oficial de Justiça, negue-se a entregar o veículo e mostre o acordo e o boleto pago. Se ainda assim o Oficial de Justiça quiser levar o carro, diga que somente com força policial, quando a polícia chegar, faça o boletim de ocorrência descrevendo tudo. Imediatamente pegue um advogado para peticionar no processo informando tudo e pedindo para revogar a liminar em virtude da PERDA DE OBJETO. Sugiro que pague tudo o que foi pedido, aqui no PR o valor das custas está bem próximo desta realidade informada, pague para eles porque foram eles que pagaram inicialmente as custas para o processo iniciar. O processo será EXTINTO, basta que peça o arquivamento deste informando o acordo. Bom, pode correr o risco de perder o carro mesmo pagando o acordo, o que é temporário, ocorre que em Curitiba há muitos processos e pode haver demora em peticionar, protocolar, enviar para o juiz e este efetivamente revogar a liminar, apesar de ser processo eletrônico desde 2010, vai mesmo da atuação do advogado em falar com os assessores e frisar a importância da revogação, que a princípio é um despacho bem simples.

    • Roberto
      Robertojan 16, 2014

      Dr, boa tarde.

      O escritório de cobrança não formaliza o acordo, dizem que estão aguardando o cancelamento da ação que solicitaram ao banco, porém, dizem que o banco ainda não retornou. Fazem dois dias que me passaram os valores para o acordo, porém, agora não formalizam e pedem para que eu aguarde.
      O veículo está com busca e apreensão, obviamente estão aguardando o veículo ser aprendido, já observei carros com pessoas estranhas rondando minha casa e falando ao telefone, até o momento nenhum oficial de justiça apareceu…o veículo não está em minha posse…
      quero pagar imediatamente e eles não me enviam o acordo…Como faço pra pagar ao escritório antes de um oficial aparecer?
      Obrigado.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 16, 2014

      Cconforme conversamos via telefone, seria o caso de uma ação de consignação em pagamento pedindo ao juiz para depositar em juízo antes de se efetivar a busca e apreensão.

  148. jorge junior
    jorge juniorjan 10, 2014

    me ajude por favor eu assumi um financiamento de um veiculo e esta faltando apenas quatro parcelas pra quitar e estou e hoje se venceu a terceira e eu paguei e que estava mais atrasada ficando assim apenas uma com atraso de 30 dias e a outra vencendo hoje e ficando a ultima pra vencer em 10/02 a pessoa de quem eu comprei o veiculo me falou que chegou uma advogada na residencia dela e quase que a obrigou a assinar o termo de entrega e agora o que eu faço me ajude por favor!!!!!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 10, 2014

      Essa conversa está mal contada. Pague logo o débito, falta pouco e a dor de cabeça some!!! Acho que o dono anterior está tentando lhe pressionar para quitar logo o contrato.

  149. Guilherme
    Guilhermejan 10, 2014

    Boa noite, me tire uma duvida por favor !
    foi enviado um pedido de busca e apreensão para o meu veiculo, só que meu endereço cadastrado não é mais o mesmo, tem como eles me localizarem de acordo com meu n° de telefone ( que continua o mesmo porem mudei de cidade) , faturas ou algum meio que eu não fornece meus dados ?

    Desde já agradeço a atenção

  150. josiane
    josianejan 05, 2014

    Olá dr, sou ofjus e fiz uma busca e apreensão no domingo às 19 horas, sol alto ainda (horário de verão). busca e apreensão com liminar pode ser cumprida a qualquer hora ou dia? o carro estava em uma garagem visível da rua e não pude resistir, pois não estava na posse do réu e fiquei com medo do atual dono ficar sabendo e sumir o veículo, a citação do réu já havia sido feita.Obrigada, boa noite.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 06, 2014

      Não creio haver alguma irregularidade, apenas foi dado cumprimento à determinação judicial, essa questão do horário e luz solar é mais utilizado em caso de mandado de prisão, a busca e apreensão pode ocorrer em qualquer lugar e qualquer horário, desde que o oficial de justiça esteja de posse do mandado.

  151. paulo
    paulojan 02, 2014

    BOA NOITE!!!!
    PRECISO DE UMA INFORMAÇÃO, COMPREI UM VEICULO ZERO KM, E PAGUEI 23 PARCELAS DE 60, TEM MAIS DE UM ANO PRENDERAM ELE, COM 9 PARCELAS EM ATRASO, GOSTARIA DE SABER O QUE PRECISO FAZER PARA LIMPAR MEU NOME?
    O VEICULO JA FOI TRANSFERIDO PARA OUTRA CIDADE E OUTRO PROPRIETÁRIO, TERIA COMO RECUPERAR ESTE CARRO?
    O QUE DEVO FAZER PARA TER MEU NOME LIMPO?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjan 03, 2014

      Contrate um advogado, faça uma ação de prestação de contas contra a financeira e descubra se tem para receber ou pagar, assim poderá limpar seu nome. Recuperar o veículo é fora de questão…

  152. emerson
    emersondez 31, 2013

    ola boa tarde, comprei um veiculo com uma entrada de R$ 8.000,00, mas entrei com um processo porque o carro veio com problemas, mas deixei de pagar as prestações e ele deu busca e apreensão. como fica o valor que dei de entrada na hora da compra?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsdez 31, 2013

      Em princípio, perdido. Só o advogado da causa para ter mais detalhes da possibilidade de reaver o valor em virtude o provlema do carro.

  153. cleber junio
    cleber juniodez 22, 2013

    olá dr rodrigo
    depois do vencimento da busca e apreensão do veiculo
    eles tem direito de levar o veiculo?
    grato!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsdez 23, 2013

      Se o mandado de busca tiver validade para cumprimento e já estar com o prazo expirado, não pode levar. Precisa ser solicitado um novo mandado.

  154. Alex
    Alexdez 21, 2013

    ola bom dia!
    tivemos nosso carro levado pelo oficial de justiça a 15 dias, desde o dia q levaram estamos pedindo o boleto para o pagamento do valor devido, mas o escritorio da financeira ñ manda desde então.
    estão nos falando q é burocratico e estão aguardando a minuta do banco mais ainda nada…
    meu advogado esta querendo pagar em juizo oq vc acha?
    o prazo de 5 dias ja se passaram por conta q eles ñ enviaram o boleto para pagamento…
    desde de momento em q o carro foi levado ja fizemos o pedido para pagamento dos atrazados e custas.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsdez 21, 2013

      A questão é que ao passar dos 5 dias, deve ser pago todo o contrato e não somente as parcelas atrasadas, o banco enrola para poder vender e dificilmente irão lhe enviar o boleto. Sugiro que tente um acordo no próprio processo para pagar a dívida e receber o carro de volta.

  155. cesar
    cesardez 20, 2013

    Ola eu entrei na justiça com juros abusivos em ciam do meu carro, e meu advogado dise que carros abaixo de 2005 geralmente o banco nem aprende o carro, por exemplo tenho um gol 1.c 2000 sera q eles vao quere buscar um carro velho?Vc acha que fiz certo entrar com juros abusivos? e caso eo banco resolva buscar meu carro, eles podem elvar visto qeu entrei na justiça?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsdez 20, 2013

      Você fez um contrato de empréstimo e deu o carro como garantia, qualquer coisa que eles puderem pegar de você para pagar a dívida pode ter certeza que farão, eu faria isso se fosse para qualquer cliente meu, imagina então o banco cujo negócio dele é dinheiro. Eu não acreditaria muito nessa orientação de “carro velho”. Se você não requereu a manutenção da posse e estiver fazendo depósito das parcelas que entende correta em juízo, corre o sério risco de se ver a pé logo logo.

  156. Roberta Cunha
    Roberta Cunhadez 18, 2013

    Olá Dr. Rodrigo,meu carro foi apreendido na quarta feira hjestá fazendo uma semana,ontratei advogada,fiz o deposito do valor que devia judicialmente,a juiza assinou a restituição do carro ontem pela manhã,mas ainda não me entregaram,quanto tempo demora??

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsdez 18, 2013

      Demora o prazo para o banco tomar ciência com o prazo que o juiz determinou, exemplo, se forem intimados hoje, o prazo começa amanhã e se o juiz deu 2 dias para devolução, o prazo termina na segunda. Se não entregarem dentro do prazo, é possível pedir multa diária até o cumprimento da determinação, essa multa, ao final, vai para seu bolso.

  157. pedro luiz
    pedro luizdez 18, 2013

    ola doutor eu ja cumpri com o contrato de um financiamento de um veiculo ja faz mais de 65 dias e ainda continua com restriçoes a venda em favor da finançeira oque pode ser feito nesse cazo….
    um abraço

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsdez 18, 2013

      Você deve ligar na financeira e requerer a baixa do gravame, eles não fazem isso automaticamente.

  158. StÊnio Silva do Amaral
    StÊnio Silva do Amaraldez 11, 2013

    Olá Dr Rodrigo, gostaria muito de saber o que fazer quando o oficial de justiça cumpre um mandato de busca e apreensão sendo que o veiculo se encontra em antecipação de tutela, e já com deposito em conta judiciaria?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsdez 11, 2013

      Correr para informar o juiz que concedeu a tutela para revogar a determinação da busca e apreensão para restituir o veículo.

  159. djalma
    djalmadez 09, 2013

    meu carro deu busca e apreenção a quase 10 dias arrumei pra quita o carro mais quando fui ver o carro ja westavam tirando peças dele oque eu faço ?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsdez 09, 2013

      Consulte o advogado que você constituiu para verificar se de fato depenaram o carro, assim ele poderá ver se é o caso de conversão em perdas e danos.

  160. Rosa Aparecida
    Rosa Aparecidadez 07, 2013

    Bom dia Dr. Rodrigo,
    saiu assim ontem no meu processo do carro que de busca e apreensão:
    Prejudicado eventual juízo de retratação, diante da certidão de fls.468v. aguardar decurso de prazo para eventual impugnação:
    Meu advogado disse que agravou o caso, que agora esta em Belo Horizonte, se eu perder agora acabou, ou tem com recorrer ainda.
    Obrigada.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsdez 09, 2013

      Não tem como saber o que foi feito, entretanto, pelo despacho do juiz, deve ser aguardado o julgamento do agravo no Tribunal.

  161. daniela
    danieladez 04, 2013

    rodrigo levaram meu carro deixaram a contra fé, como diz o oficial de justiça. Mas todos os meus pertecem foram juntos, tipo roda, som etc. o que devo fazer???? Ele tem direito de ficar com tudo que tinha dentro do meu carro já que o oficial não deixou eu tirar. obrigada

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsdez 04, 2013

      Deve ser solicitado ao juiz para retirar os pertences pessoais do carro, infelizmente rodas e som não são objetos pessoais.

  162. Lia
    Liadez 03, 2013

    Muito boa tarde Rodrigo, O carro esta com mandado de busca, fiz acordo no banvo e quitei o carro, eles emitiram uma minuta de acordo e no boleto também consta o valor se refere as parcelas de 10 a 60. Paguei no dia 22/11. Eles já baixaram do SERASA, falta agora baixar o gravame, baixar registro no Cartorio de protestos e o PRINCIPAL exclui a ação de mandado. A Minha pergunta é quanto tempo isso pode levar? Desde já agradeço a atenção.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsdez 04, 2013

      Isso depende muito. Via de regra, para sustar o mandado de busca e apreensão, o advogado faz uma petição ao juiz comprovando a quitação e ausência de justa causa para manter o mandado com o oficial de justiça, vamos supor que ele faça a petição na segunda, no mesmo dia conversa com o assessor do juiz e pede prioridade diante do iminente prejuízo, ele despacha no mesmo dia e manda de volta para o Cartório. O Cartório pode ligar para o oficial de justiça para dizer que foi cancelado o mandado e pedir para ele devolver, até aí não tem mais o risco de ser apreendido, o processo pode ser totalmente extinto em 30 dias. Em relação à baixa do gravame pode pedir diretamente na financeira, eles dão o prazo de 5 dias e basta consultar com um despachante para saber se já foi baixado. No cartório de protestos é você quem deve comparecer para pedir a retirada, bastando comprovar a quitação e pagar as taxas. Como falei, depende muito e não é só por parte do advogado, as vezes o juiz não está, o substituto não despacha, o cartório está até o teto para cumprir despachos, ainda mais no final do ano que todo mundo pensa no recesso forense. De qualquer forma, ligue diretamente para o oficial de justiça ou quando ele vier, não entregue o veículo e forneça uma cópia da quitação. Se ele tiver ordem para uso de força, registre tudo em boletim de ocorrência e depois tome as providências que achar necessário.

  163. renato alcantara
    renato alcantaradez 02, 2013

    olá,perdi minha moto por causa dos documentos atrasados,posso negociar com o banco financiador para eles tirarem?e eu pagar eles aumentando as parcelas do mesmo

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsdez 02, 2013

      Perguntar a eles não custa nada, mas já adianto que receberá um sonoro não da parte deles. O jeito mais fácil de retirar a moto é pagando os atrasados e retirando do pátio.

  164. gustavo vaz franco domingos
    gustavo vaz franco domingosnov 29, 2013

    meu caso e o seguinte pegaram meu carro com o documento de buscas e apreensão do mês de fevereiro, mas eu tava devendo as parcelas de agosto, setembro, e outubro. pode isso ? e outra pergunta eu ja paguei tudo, mais o meu carro ainda ta trancado quantos dias eu ja posso pega meu carro de volta ? ja paguei a purga amora e contratei o advogado.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 29, 2013

      Esta questão seria melhor ver com seu advogado, pois ele tem acesso a todas as informações e datas de quando ocorreu esta situação.

  165. CLAUDINEI GULANOSKI
    CLAUDINEI GULANOSKInov 28, 2013

    OLA
    MEU CASO É O SEGUINTE: NO MEZ 02 DE 2011 VENDI MEU CARRO A PESSOA FINACIOU ALIENOU, POREM NÃO PROVIDECIOU A TRANFERENCIA DO REGISTRO DO VEICULO, EU TINHA UMA DIVIDA QUE DEIXEI ATRAZER, AI FOI EXECUTADO E PENHORARAM ESSE CARRO QUE AINDA ESTA E MEU NOME MAZ ALIENADO EM NOME DE OUTRA PESSOA E COM PARCELAS EM ABERTO. QUAL SERIA O PROCEDIMENTO PARA TRANFERIR ESSE CARRO JA QUE A PENHORA FOI A MAIS DE UM ANO E MEIO APOS A ALIENAÇÃO?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 28, 2013

      Hipoteticamente isso não seria possível acontecer. Mas… se aconteceu é ação de danos morais contra a financeira por falha na prestação de serviços, pois se você não assinou o contrato de financiamento e este aconteceu, é evidente o prejuízo.

  166. djalma
    djalmanov 27, 2013

    nessesito uma orientacao ,comprei um carro particular a vista ,descobri que o veiculo nao vai dar para transferir,pois existe um bloqueio renajud, mas a pessoa que me vendeu nao é o propietario eé filho do propietario mas o mesmo me mostrou a procuracao que ele podia vender ,quero saber se posso rodar com esse veiculo? e se posso entrar na justiça contra a pessoa que me vendeu e desfazer a compra?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 27, 2013

      Sim, pode. Aparentemente há vício no negócio jurídico. Entretanto, tente descobrir a origem da restrição do RENAJUD, pode ser coisa simples que uma petição possa resolver, um extrato do despachante já orienta em que lugar procurar o processo.

  167. Rosa Aparecida
    Rosa Aparecidanov 25, 2013

    Dr. Rodrigo fique preocupada agora a namorada do meu prima e amiga de uma advogada da BV, ela contou o meu caso do carro que deu busca e apreensão e as parcelas estam todas pagas em dia, ela disse que se fosse a BV o banco que financiou jamais entregariam o carro de volta mesmo estando todas pagas em juízo esta correto.
    porque o banco ficou sem receber.
    Isso e correto.
    obrigada.

  168. MARIA CRISTINA RODRIGUES
    MARIA CRISTINA RODRIGUESnov 24, 2013

    Oi tive meu carro apreendido na segunda feira dia 18, não quero perdê-lo, mas a cobradora que está negociando comigo diz que o banco panamericano só aceita o pagamento integral da divida, mas não tenho dinheiro para isso. Fui pega de surpresa porque estava negociando com esta financeira as parcelas em atraso e não tinha recebido nenhuma notificação. Passado os cinco dias que o juiz deu o que devo fazer. O banco pode ficar com o meu carro mesmo que eu quero negociar. Aguardo estava com 4 parcelas atrasadas

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 25, 2013

      Passando os cinco dias deve apresentar sua contestação, pode até apresentar uma proposta para pagamento do que está em atraso, mas a aceitação depende do aval da outra parte, só que deve tomar o cuidado de que após os 5 dias o banco pode vender o veículo.

  169. Rosa Aparecida
    Rosa Aparecidanov 24, 2013

    Bom dia Dr. Rodrigo
    Obrigada pelas explicações.
    Mas quando o juiz fala : No mais, com vista ao autor para, querendo, impugnar a contestação e documentos apresentados. Decisão disponível na internet em “todos andamentos” do processo. ( 20/11/2013).
    Onde encontro essa decisão na internet.
    obrigada.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 24, 2013

      Não conheço o procedimento do seu Tribunal, no TJPR é tudo por meio eletrônico e se a parte quiser tomar conhecimento deve fazer um cadastro no Fórum para ter acesso, tente ligar para o Fórum diretamente na Vara que tramita o processo e questione, lá seria a fonte ideal de informação.

  170. Wallace
    Wallacenov 23, 2013

    Olá, primeiramente parabéns pelo site!
    Meu caso é o seguinte: financiei um carro em 2011 por 60 prestações de 545, 00.
    Em outubro do ano passado a prefeitura onde trabalho parou de pagar os salários e fiquei inadimplente desde a parcela 19. Em junho desse ano o carro foi recolhido em busca e apreensão. Entrei com uma ação pra conseguir uma audiência conciliatória, que ainda tramita. Esta semana, a advocacia que atende o banco no qual financiei o carro entrou em contato e disse que estão dispostos a liquidarem a dívida por uma quantia de, aproximadamente, 7 mil reais, mais 1100 de honorários e mais 800 reais de pátio. Questionei o pátio porque creio que depois dos primeiros cinco dias o veículo volta a ser do banco, mas fui informado de que eu deveria pagar. O IPVA está atrasado. Gostaria de saber se pago a dívida com pátio e tudo e depois entro com uma ação judicial pedindo restituição, só pra eles tirarem meu nome do Serasa logo e se devo pagar o IPVA antes de fazer essa negociação pra agilizar o processo. Não quero o carro, minha intenção é pagar isso e vendê-lo tão logo possa pra me livrar desse peso. O valor total da dívida atualizado é de 20.000,00.
    Obrigado!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 24, 2013

      É uma questão matemática, deve ser levado em consideração as despesas que terá também para a devida manutenção do veículo. O acordo é para liquidação da dívida antiga ou completa? Se for da dívida antiga o pátio é justo, se for pra liquidar o contrato não. De qualquer forma, acordo bom somente para um lado não é acordo, é imposição, em um acordo os dois deve ceder um pouco. Se não foi proposto nada de IPVA, não há que ser pago antecipadamente. No caso dos atrasos do salário da prefeitura, penso que caberia até um processo de reparação de danos, pois o que conta é que enfrenta esta situação unicamente por conta da negligência do órgão municipal.

    • Wallace
      Wallacenov 24, 2013

      Este valor é pra liquidação completa do contrato.
      Na verdade minha intenção era pagar o contrato, esperar a emissão dos documentos em meu nome (creio eu eu para isso o IPVA deve estar quitado) e já procurar alguma loja para comprar o carro no estado em que está. Eu sei que vou perder dinheiro nisso e que não vão me pagar nem perto do normal. Mas essa situação já me atrapalha de tal forma que tenho tido prejuízo financeiro por ter que colocar meu material de trabalho (sou professor de música e nos finais de semana toco em casamentos) em taxi, o que onera meu ganho, prejuízo de saúde porque ando preocupado em como resolver a questão e isso tem me deixado noites sem dormir, por essas coisas gostaria de me desfazer do carro tão logo pague a proposta. Mesmo assim, caberia uma ação posterior por causa do pátio ou assinando o documento com o banco estou me colocando de acordo com o proposto e isso não pode ser mudado?
      Outra questão que me lembrei era que, se pagando o acordo, num futuro consórcio ou financiamento (modalidade da qual vou fugir), quando da contemplação, pode haver um cruzamento de informações com o Banco Central e não seria permitido retirar o veículo ou bem por conta disso, mesmo com o contrato quitado?
      Obrigado!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 25, 2013

      Não acho que terá sucesso em uma ação por causa do pátio, uma vez que o acordo é de mútuo consentimento. Penso que não poderia ser mudado, salvo se comprovar coação para assinatura, o que é muito difícil. Não será prejudicado em eventual financiamento futuro, pois as informações não são utilizadas quando se dá fim ao conflito, muito embora possa reconhecer que exista o cadastro interno do banco, outro banco não poderia utilizar dessa informação que circula apenas internamente.

  171. Rosa Aparecida
    Rosa Aparecidanov 23, 2013

    Bom dia Dr. Rodrigo,
    Ontem vi no meu processo o seguinte: PUBLICADO DESPACHO AUTOR EM. ( 22/11/2013)
    E la em expediente enviado para publicação esta assim:
    Ratificada a liminar que deferiu a busca e apreensão do veiculo. No mais, com vista ao autor para, querendo, impugnar a contestação e documentos apresentados. Decisão disponível na internet em “todos andamentos” do processo. ( 20/11/2013).

    O que significa isso Doutor ainda tem jeito de pegar o carro.
    E quando fala decisão disponível na internet, mas aonde Doutor.
    Obrigada.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 23, 2013

      Significa que a liminar foi mantida e que é para o autor se manifestar no que você alegou em sua defesa.

  172. Leandro Campos
    Leandro Camposnov 22, 2013

    quero devolver meu carro ao banco pois esta em busca e apreensao mas me disserao que so posso devolver se pagar as dividas de ipva e licenciamento mas nao tenho como pagar e quero devolver logo antes de ser apreendido como devo faser….

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 22, 2013

      Porque você não vende o carro mais barato e quita o contrato e se livra de vez do problema?

  173. Karina
    Karinanov 22, 2013

    Olá bom dia, minha mãe financiou um Veículo em 60x onde foram pagas apenas 6, ocorre que as parcelas deixaram de ser pagas devido um AVC que a deixou completamente dependente, depois do ocorrido mudamos de endereço e levamos o carro, acontece que como estamos usando o carro pra locomoção dela pra hospitais e etc, gostaria de regularizar a situação, verifiquei que em Maio desse ano o Oficial de justiça foi cumprir o mandado de busca e apreensão no antigo endereço não localizando o mesmo, nesse caso, como posso proceder?…existe a possibilidade de ficar com o veículo? obrigada!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 22, 2013

      Sim, entrando em contato com a financeira e negociando a quitação ou regularização do contrato.

  174. Freitas
    Freitasnov 20, 2013

    Dr. Rodrigo, primeiramente meus parabéns pela forma com que tratas os integrantes deste fórum.
    Minha duvida é: Meu finc. era 60 X 802,00. Paguei 32X; fiquei inadimplente e entreguei o veiculo. me informaram por telefone que venderam por 18mil…..como paguei 28mil e o resíduo das prestações era de 20mil, como faço p cobrar meu saldo residual, já que eles não me fornecem por escrito o valor de venda e o abatimento e credito em haver.
    Grande abraço

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 20, 2013

      Deve buscar um advogado para ingressar com uma ação de prestação de contas, infelizmente este procedimento não é possível através do juizado especial. Recomendo que não demore para ingressar com esta ação para não sofrer uma injusta cobrança posteriormente, pois as financeiras costumam vender os contratos para as chamadas “recuperadoras de crédito” e correr o risco de levar muito tempo para solucionar a situação, fora ver seu nome no SPC/SERASA.

  175. Rafael
    Rafaelnov 20, 2013

    Rodrigo,

    Meu carro entrou com processo de busca e apreensão, e ofereceram um valor, que quita todas as minhas dívidas com a financeira, fico com tudo limpo! Tenho multas e taxas vencidas no Detran, isso também é repassado para a financeira?

    Outra dúvida.. com o veículo em busca e apreensão, é possível vender ele?

    Abraço.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 20, 2013

      Em busca e apreensão pode ser vendido, mas o problema do comprador é que ele vai perder o veículo se não quitar todo o débito. Se tem uma proposta para venda que quita tudo, seria o ideal, assim não teria problemas futuros e nem nome sujo no banco para fazer um novo financiamento no futuro.

  176. Rosa Aparecida
    Rosa Aparecidanov 18, 2013

    Dr. meu processo de revisão de juros esta na 2° vara e o banco entrou na 5° vara e pediu a busca e apreensão na qual foi concedida desde do dia 16/10. O banco aguiu de ma fé ou o que ele fez esta correta.
    Por isso que tenho medo da venda pois sao varas diferentes os processos.
    Obrigada.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 18, 2013

      O que ele fez está correto, não se escolhe qual Vara irá julgar um processo (salvo alguns provimentos do TJ…), mas no caso o juiz prevento é da 2ª Vara, deve o advogado peticionar urgência para o da 5ª Vara informando que já existe processo tramitando na 2ª Vara e este declinar a competência para o juiz competente, no caso a 2ª Vara, isto é trabalho do advogado que deve agir sempre que informado pelo cliente desta situação. Em geral é normal o procedimento.

  177. Rosa Aparecida
    Rosa Aparecidanov 18, 2013

    Obrigada Dr. pelas respostas.
    Uma outra duvida, mesmo estando pagando em juizo o banco pode vender meu carro?
    E se puder eles esperam mais ou menos quanto tempo para vender?
    Dr. tambem vi em algumas postagens que o senhor disse que quando busca para ser liberado o carro tem que quitar o carro por completo certo, mas mesmo estando pagando em juizo tambem e assim, ou o juiz pode mandar devolver o carro sem quitar por completo so com as prestações vendidas pagas normalmente o banco e o Itaú.
    Obrigada.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 18, 2013

      Se foi concedida a busca e não haver neste processo o pagamento integral o prazo para o banco tomar posse definitiva é de 5 dias, podendo, inclusive, vender o veículo. Se você pagou em juízo é este mesmo juiz o prevento que deve analisar o processo de busca com o da revisional, os processos devem ser reunidos, se isso ainda não foi feito, cabe ao advogado agilizar que isto aconteça, neste caso especificamente não deveria nem ter sido apreendido, mas como não tenho conhecimento do inteiro teor do processo, fica difícil estimar o que vai acontecer.

  178. Mauro
    Mauronov 17, 2013

    Meu filho comprou uma moto alienada à Financeira Aymoré hoje pertencente ao Banco Santander. Após ter pago a primeira prestação, foi vítima de um assalto frustado mas, infelizmente perdeu sua vida. Comuniquei o ocorrido ao Banco antes de vencer a segunda prestação e após 3 anos sòmente cobranças e sempre enviio cópias da Certidão de òbito para os Advogados Associados tomarem uma iniciativa da Busca e Apreensão da referida moto, que não ocorreu até a data presente. Não sei o que fazer! Preciso de uma orientação.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 17, 2013

      Se o fato está causando ofensa o nome de seu filho poderá intentar ação declaratória de inexigibilidade de débito (se ele não deixou outros bens, do contrário deve ser aberto inventário), ainda, se houve negativação, caberia também o pedido de danos morais (pelo menos este é o entendimento no Estado do PR), de todo modo, só uma ação judicial poderia solucionar esta situação.

  179. Rosa Aparecida
    Rosa Aparecidanov 17, 2013

    Dr. Rodrigo, tenho uma duvida, meu carro foi levado pelo oficial de justiça no dia 16/10 com todas as parcelas pagas em juizo, meu advogado entrou com a defesa mas ainda não saiu nada, estou muito preocupada tenho medo deles venderem meu carro e eu não ser avisada. Gostaria se saber se isso demora mesmo para sair ou o advogado que e lento? E se eles venderem meu carro vou ficar sabendo quando? pois ja se faz um mes DR o que fazer para agilizar o processo?
    Obrigada.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 17, 2013

      Depende muito da Comarca que tramita o processo. Em geral, quando se tem uma revisional e o juiz já deferiu o pagamento em juízo para afastar a mora, o processo de busca e apreensão deveria ser reunido ao processo da revisional. Não tem como falar se o advogado é lento ou não, pois o que demora mesmo é o serviço cartorário. Claro que se ficar em cima cobrando a situação anda mais rápido. Se por acaso o banco vender o caro não tem mais o que fazer senão converter o processo em perdas e danos e tentar recuperar um valor justo. Ligar no Fórum e falar com a Vara não adianta muito, tem é que ir até o balcão e por vezes falar diretamente com o juiz.

  180. Adriano paladini
    Adriano paladininov 16, 2013

    Olá Dr. Tenho um financiamento, do qual paguei 30 das 60 parcelas. Perdi o emprego e me afundei em dividas. Fiquei sem pagar o carro e ele foi apreendido no dia 1 de novembro. Como não tenho condições de pagar, já aceitei que o carro será leiloada e terei que pagar a divida. A minha duvida é sobre a documentação, ipva e seguro obrigatorio, que já vem em um pouco mais de um mês. Terei que pagar, mesmo nao tendo mais o veiculo, ou devo procurar alguem para declarar que nao sou mais proprietario do veiculo?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 16, 2013

      Em geral quando se faz a venda do veículo se comunica ao DETRAN para que seja afastada a responsabilidade do proprietário anterior em relação à dívidas de IPVA e Multas. Neste caso, deveria informar no próprio processo que há pendencias e requerer um ofício para encaminhar ao DETRAN, constando que o proprietário desde o dia 08/11 é o banco. Ocorre que se o banco efetuar a venda em leilão, logo na formalização da compra pelo terceiro já estará tudo acertado.

  181. Marco Tulio Fernandes
    Marco Tulio Fernandesnov 13, 2013

    Oláa !!! Meu Carro foi recolhido judialmente por falta de prestações atrasadas já faz 1 mês ou mais … Ele não foi a leilão ainda !! Gostaria entao de saber qual local ele esta ? Como descobri onde ele esta e com quem falar para renegociar ( recompra-lo ) novamente !!! Porque tenho entereçe em compra-lo ! Ajudem por favor !! Obrigadoo …

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 13, 2013

      Geralmente a informação está no processo de busca e apreensão e há o nome do responsável pelo depósito. Veja diretamente no fórum em seu processo.

  182. Ruan
    Ruannov 13, 2013

    Bom Dia, tenho um veiculo financiado pelo Bradesco, entrei com uma ação de revisão de pagamentos, o juiz determinou o deposito judicial, todos os depósitos em dia, ontem pela manha oficial de justiça levou meu carro, sem eu te sido notificado, no processo da ação não aparece nada em relação a busca e apreensão!
    Consigo ter meu carro de volta? nesses 5 dias é possível a devolução do veiculo?
    Desde de já
    Ruan Araujo

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 13, 2013

      Cinco dias é para pagamento de todo o débito. O que deve ser feito é comunicar imediatamente o juiz da revisional sobre a situação e ver se é possível reverter a busca e apreensão, há grande chance de recuperar o veículo porque os depósitos realizados em juízo afastam a mora do pagamento.

    • Ruan Araujo
      Ruan Araujonov 14, 2013

      Entendo, mais esse debito a ser pago em 5 dias, sao as parecelas vencidas ou a quitaçao total do veiculo? Pagando as todas as parcelas vencidas qual a chance de recuperar o veiculo?
      Obrigado

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 14, 2013

      Pagamento total. Pagando só o vencido a chance é muito remota.

    • Ruan
      Ruannov 18, 2013

      Boa Tarde! estão me cobrando um valor muito alto, vai ultrapassar o valor de mercado do veiculo, meu advogado me orientou a não fazer o pagamento e contestar no prazo estipulado, e tentar brigar na justiça, ha possibilidades de ganhar?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 18, 2013

      É possível.

  183. mayara
    mayaranov 12, 2013

    Olá,
    Meu carro foi apreendido pela financra, ficou acordado que se eu pagasse todas as parcelas mais a taxa do oficial de justiça eu poderia reaver o carro, no total ficou R$11.000,00 consegui o dinheiro emprestado e planejava vender o carro assim que tivesse ele de volta para poder pagar a pessoa q me emprestou, mas ocorreram alguns problemas e a pessoa não pode me emprestar.
    Como fica meu nome e a minha divida agora?
    se o carro for leiloado e cobrir todos os custos meu nome fica limpo?
    a divida vai continuar rolando?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 12, 2013

      Se for leiloado e quitar toda a dívida seu nome fica limpo. Apenas a correção monetária e juros que correm, pois as parcelas, se não me engano são fixas.

    • mayara
      mayaranov 12, 2013

      quanto tempo demora para leiloar o carro? como vou saber quando for leiloado, por qual valor o carro foi vendido e se foi o suficiente para quitar as dividas?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 12, 2013

      Por intermédio de um advogado que fará ação de prestação de contas todas as perguntas serão respondidas.

    • mayara
      mayaranov 12, 2013

      obrigada por me ajudar e parabéns pelo site !

  184. Olivar
    Olivarnov 12, 2013

    Comprando um veículo e pagando no ato da compra mais de 60% do valor do veículo, há possibilidade de busca e apreensão atrasando as parcelas? Desde já agradeço.

  185. Marcos Aurélio
    Marcos Aurélionov 11, 2013

    Sr. Rodrigo.

    Tenho uma dúvida.

    Financiei um carro em 36x parcelas paguei 22 parcelas e estou com duas parcelas em aberto, vou entrar com uma ação de juros abusivos para que as minhas parcelas sejam revistas. Gostaria de saber se corro o risco durante este período de uma ação de busca e apreensão e se realmente existe esta pratica abusiva exercida pelos grandes bancos no meu caso o SANTANDER.

    Desde já Obrigado.

    Marcos Aurélio

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 11, 2013

      Algumas teses já foram superadas e hoje não vingam mais, como por exemplo a capitalização de juros, se estiver prevista no contrato não tem como afastá-la, também tem a questão das TAC e TEC, tarifas de emissão de carnê, etc. Já foram superadas no STJ permitindo a cobrança, sinceramente, faltando pouco para quitar o contrato eu aguardaria a quitação para entrar com a revisional, isso a depender do que consta em seu contrato.

  186. Luciana
    Luciananov 11, 2013

    Preciso de ajuda…financiei um veiculo em 60 parcelas na Bv…tenho 7 parcelas em aberto, nao fui notificada e nesta semana um oficial levou meu carro, como nao estava em casa , o acesso se deu via porteiro do predio q se encontra afe as 17h nde seg a sexta. Detalhe, cheguei em casa as 17:30h e Cade meu carro?Nesta taddem liguei a financeira e fui comuniocada q meu caso estava em outro tel, la o funcionario me informa q
    havia um processo e o oficial jah estava buscando o carro e que
    eu deveria ligar na segunda feira (amanha) pois bem ate o presente momento nao recebi DOCUMENTO algum seja de oficiall, forum ou o que quer que seja comunicando onde e quem devo recorrer. Dentro do veiculo estavam varios objetos pessoais. Eletronicos de uso Profissional e inclusive meu telefone que eh Comercial ( linha Embratel ) recebo chamadas de clientes p meu negocio, ou seja minha fonte de renda. Pergunto, isto eh legal? Devo, nao nego, estou diposta a pagar, porem objetos pessoais e elefronicos DE MINHA PROPRIEDADE foram retirados de meu poder.NAO DEVO ELES AO BANCO.. Como faco para rever emeus pertences.Qto Ao valor do veiculo paguei 34 parcelas,

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 11, 2013

      Primeiramente deve tentar localizar onde o veículo está depositado para ver se consegue retirar os bens pessoais de dentro dele. Segundo, deve buscar um advogado para verificar a responsabilidade do condomínio nessa situação. De qualquer forma deverá constituir um advogado para verificar o que está no processo, já que informa que não recebeu a notificação de mora.

  187. rodrigo
    rodrigonov 09, 2013

    boa noite ja fiz outras perguntas mas apareceu uma nova duvida tive um veiculo apreendido apos pagar a mora e o juiz mandou devolver o bem mas o mesmo foi leiloado entao o juiz mandou fazer o deposito judicial que o mesmo recorreu e agora saiu o seguinte despacho : anota se a interposicao do agravo mantenho a decisao por seus proprios fundamentos, nao havendo comprovacao de efeito suspentivo cumpra se a decisao recorrida o que isso significa desde ja agradeco

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 10, 2013

      Que o Tribunal vai decidir a questão que a financeira colocou acerca, provavelmente, do depósito judicial. Este tipo de questionamento deve ser visto com o advogado da causa.

  188. Roberto
    Robertonov 09, 2013

    Boa Tarde..
    Sr.Rodrigo gostaria de suas orientações comprei uma fiorino pelo banco santander ,paguei 8 prestações e agora não estou conseguindo parar pois estou desempregado estou praticamente com 3 parcelas em atrasos foi feito por CDC estou querendo devolver o automóvel gostaria de saber qual a melhor forma ?
    Obrigado pela atenção..

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 10, 2013

      Desde que as duas partes queiram negociar pela devolução do veículo, deve ser observado que você não deve fazer nada que não estiver escrito. Não existe devolução amigável, você pegou dinheiro e deu veículo como garantia, então, é dinheiro que deve ser devolvido ao banco. Mas… em um acordo, tudo é possível, desde que o banco aceite a entrega do veículo em troca da quitação da dívida, basta escrever e ficar com uma cópia.

  189. Francisco A. Santos
    Francisco A. Santosnov 08, 2013

    Boa noite, tinha um contrato de leasing 60 x paguei 48, atrasei as parcelas e o banco retomou com busca e apreensão. Tentei purgar a mora nos 5 dias porém o valor que depositei não foi o suficiente (o advogado disse que calculou de acordo com o site do TJSE) porém era menor que o valor que o Banco alegou. Resumindo perdi o carro. Como faço para levantar o o valor depositado e como fica a prestação de contas do Banco sobre o valor que foi vendido o carro? Pois o processo de busca já foi arqivado, O advogado peticionou solictando o alvará para resgatra o valor mas o juiz não se manifestou e arquio o processo. O que pode ser feito agora, pois até então naõ sei como está o débito e não sei por quanto foi vendido o bem. Por gentileza aguardo…

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 08, 2013

      Quando é a modalidade leasing não há prestação de contas, talvez você possa analisar a possibilidade de restituição de eventual saldo de VRG. Se o juiz não se manifestou peticiona denovo… Busque saber a diferença entre alienação fiduciária e leasing.

  190. Nilson
    Nilsonnov 08, 2013

    Presado Rodrigo! Entrei com ação Revisional de um veiculo por motivos de juros abusivos, o qual juiz mandou fazer deposito em juizo, o que faço regularmente todo mês. O banco me ligou para desistir da ação varias veses o que eu não fiz pois queriam receber as prestações que eram em deposito em juizo e com juros altissimos. E para minha surpresa entraram com Busca e Apreensão dia 1º de novembro. Corri até o Advogado e este viu realmente o mandato de busca e me pediu para fazer complemento de pagamento em juizo ou seja depositar um valor para concretizar os que eram depositos feito judicialmente( eu o fiz) ou seja estou com o banco em dia só que sem juros, Este me mandou esconder o carro até entrar com medida para não haver a apreensão.
    Pergunto..quanto tempo demora para esta liminar para que o Juiz defere que o carro fique comigo? até o final do processo uma vez que estou pagando judicilamente e estou em dia?
    As prestações são de 357.72 o juiz mandou depositar 199.27 em juizo quando entrei com ação revisional nos meses Maio..junho ..julho…etc até outubro e fiz o complemento de 792.25 assim completando os meses, mas tudo em juizo.
    Faz uma semana e até agora nada de eu poder andar no carro.
    Rodrigo meu amigo me dê uma luza para tal caso..te peço pois sou leigo em tal situação

    Obrigado e fique com DEUS
    Nilson

    ps Meu nome esta restritro pela finaceira

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 08, 2013

      O Juiz ao se deparar com um dano iminente pode frustrar rapidamente a busca e apreensão, em geral não leva mais do que uma semana, já consegui no mesmo dia protocolando diretamente no balcão e indo até a assessoria explicar a situação, o prazo é variável, depende, inclusive se o titular está trabalhando. Não entendo porque você correu para pagar a “diferença” se já estava autorizado pelo juiz um determinado valor, talvez por excesso de zelo. Talvez ao final deste procedimento você consiga restituir algum valor desta diferença que depositou para complementar o valor. Pagando em juízo você não está em mora, a busca e apreensão nem deveria ter sido recebida pelo juiz, isto porque o juiz da revisional é prevento e ao receber a busca e apreensão já saberia da existência da revisional. Na sua situação é só aguardar, pelo visto, o advogado já está tomando as providências necessárias para resolver o problema.

  191. Luiz Carlos
    Luiz Carlosnov 06, 2013

    Dr. Em 2005 eu tive um carro que foi apreendido por falta de pagamento foi só 50% e agora em 2013 estão ligando pra minha casa querendo receber o restante 50% se o oficial de justiça levou o carro e o mesmo foi pro leilão, pergunto ainda tenho que pagar.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 06, 2013

      O que tenho acompanhado é que as financeiras vendem a dívida (chamam de cessão de crédito) para terceiros cobrarem, a dívida prescreve em 10 anos e o que você precisa saber é se quando houve a apreensão por qual valor o veículo foi vendido para abater a dívida, as vezes, há crédito para receber, eu recomendo que as pessoas entrem com ação de prestação de contas contra a financeira para apurar como ficou o saldo, se devedor ou a receber e depois conjugar com essa suposta cobrança. Se empurrar com a barriga só piora a situação.

  192. rodrigo
    rodrigonov 04, 2013

    bom dia tive meu carro apreendido com 2 parcelas ainda faltava 12 dias para vencer a 3 entrei com o processo para resgatar meu carro , mais já faz 60dias até agora nada .quanto tempo leva um processo desse.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 04, 2013

      Depende do empenho do advogado e do excesso de trabalho do juiz.

  193. livia
    livianov 01, 2013

    Olá Rodrigo . Gostaria de uma orientação ? muito mesmo …. Estava em negociação com a empresa de cobrança para quitação do meu veiculo , que do qual já paguei mas de 50% do valor . O valor de quitação era R$ 27.000,00 para quitar , onde o meu veiculo vale hoje R$ 20.000,00 . Com o tempo eles me propuseram R$ 8.000,00 o valor que eu tinha . Quando solicitei o boleto na sexta-feira , a atendente me informou que só poderia me encaminhar na segunda dia 26/09 .
    No sábado recebi a vista de um oficial para apreender o carro , levei um susto , pois não recebi notificação .
    Tentei negociar pessoalmente com empresa e com o banco , do qual não quiseram acordo , e ainda me informaram para contratar um advogado . Foi o que eu fiz , paguei o valor que eles estavam pedindo no processo , multa e as parcelas até a data da apreensão . Olhamos todo o processo e não havia notificação para mim , e quando minha advogada juntou a purgação , a notificação surgiu e pela surpresa assinada por uma pessoa que desconheço e ainda o contrato que já estava negociando por juros abusivos , estava nos autos sem o meu visto nas vias .
    Como sou representante Comercial , estou tendo um prejuízo sem o carro , e minha advogada entrou com uma defesa para agilizarem a entrega , já que já efetuei o pagamento
    Qual a probabilidade de eu processar o banco referente a essas falhas e o transtorno e percas que estou tendo ?

    No aguardo .

    Lívia

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsnov 01, 2013

      Em verdade a falha foi sua quando efetuou o pagamento sem consultar os autos antecipadamente. Quitando as parcelas não quer dizer que esteja de acordo com o valor, pois seguidamente poderá abrir uma ação revisional se entender pertinente. A questão agora é ficar em cima para o juiz despachar logo para devolução do carro, antes que a financeira venda o veículo e você fique a pé um bom tempo até conseguir receber o valor do carro. Como efetuou o pagamento do restante do contrato, evidentemente que deve incidir desconto de quitação com o regular abatimento de juros.

  194. Marco
    Marcoout 31, 2013

    Bom dia Rodrigo
    Financiei um veiculo, e agora estou com 8 parcelas em atraso.
    Estou tentando negociar essas parcelas, porem a financiadora já entrou com busca e apreensão mas ao executou. Me propus a apagar as parcelas em atraso mais um valor que ela esta me cobrado de encargos judicias.
    O valor da parcela e de 8 x 619,18 que o no total 4953,44 e mais encargos judiciais de 1.338,29. Que fica no total de 6291,73. Ofertei 6000mil. Porem a financiadora esta cobrando 7500 com os juros.
    O que devo fazer?
    E possível fazer esse valor em 2 vezes, ou refinanciar esse veiculo?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 31, 2013

      Se a financeira já entrou com a busca e apreensão não precisa executar, é só aguardar a indesejada visita do Sr. Oficial de Justiça… Se eu fosse você, pagaria os 7.500,00 e analisaria depois se houve abuso com uma revisional. Este pagamento em duas vezes só quem é o credor para aceitr, deve ser visto diretamente com eles. O refinanciamento é possível, se não conseguir com a própria financeira pode vender a dívida para outro banco com melhores taxas.

  195. Gabriel
    Gabrielout 28, 2013

    Gostaria de saber se depois de pagar mais de 50% de um veiculo consorciado, poderia ainda tê-lo apreendido por ordem judicial de mandado de busca e apreensão.
    grato.

  196. Orama
    Oramaout 28, 2013

    Dr. Comprei um carro em 2011, dei 19.000 de entrada e parcelei o resto em 24x… Essas parcelas seriam pagas através de terceiro que tinha uma divida comigo neste valor.. Mudei de cidade e não tive como acompanhar o pagamento dessas parcelas… Neste ano sofri um acidente com o carro e teve quase perda total… acreditando que as parcelas estavam pagas e gastei 9.000 para arrumar o carro depois de 02 anos na oficina. Agora depois de todo esses esforço comprovei através de uma carta vinda pelo oficial de justiça entrega no meu trabalho que o meu carro está com busca e apreensão… fui pego de surpresa, ainda estou com o veículo. Como posso negociar essa divida, quero pagar mas não tenho como quitar de uma só vez? por favor me diga como proceder?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 28, 2013

      No seu caso, apenas tentando uma negociação com a financeira, lembrando que se ela não quer negociar, a situação está deveras complicada.

  197. clara
    claraout 28, 2013

    Bom dia Dr,
    me esclareça uma duvida, tenho um processo e esta assim

    Ato Ordinatório Praticado
    Fls. 101/102: Ciência do extrato RENAJUD

    o que significa?

    agradeço desde ja

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 28, 2013

      Que alguma das partes deve tomar ciência do resultado do pedido (consulta) de bloqueio de Renavam.

  198. Fábio
    Fábioout 28, 2013

    Bom dia Dr, meu veiculo teve a busca apreensão concedida e efetuada dia 10.10.2013 por falta de pagamento pelo motivo de atraso de 4 parcelas.
    Motivo: Comprei o veiculo para trabalho, no 3 meses de uso o carro bateu o motor liguei para a loja falando sobre o caso e se tinha como eles me dar outro veiculo ou fazer o concerto do carro o vendedor falou que não tinha condições e nem autorização para fazer isto e em relação ao concerto por se tratar de um veiculo fox.2004 a peça não era mais encontra no mercado para venda e que não poderia fazer nada a unica solução era tentar encontrar a peça no ferro velho.
    Como eu tinha o carro para trabalho tive que me virar pra conseguir a peça e colocar o carro para circulação de trabalho novamente no segundo mês do concerto o carro apresentou mais problemas totalizando quase 5.000 cinco mil reais de mão de obra mais peças eu tenho todas as notas ficais de peças e mão de obra.
    Foi este o motivo do atraso do pagamento e hoje o carro ainda esta no patio liguei pra financeira para poder fazer um acordo em pagar as 4 parcelas que é de 2.128.28 para mim poder ter o veiculo de volta e continuar pagando as parcelas normalmente que é de 521,00 e eles me falarão que só poderia me dar o veiculo de volta se eu quita-se o bem que seria o valor de 19.000 mais o carro não vale isto…
    O que eu faço doutor, se eu entrar com uma ação de conciliação qual sera o entendimento do Juiz.
    Desde já agradeço qualquer resposta.
    Obrigado!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 28, 2013

      Depois da apreensão, só pagando todo o contrato mesmo para reaver o veículo, como já passou os 5 dias de prazo para quitação, a financeira pode vender o carro sem problema e ainda cobrar o saldo residual se existir. Entrando com uma ação no juizado, conhecendo o procedimento de prepostos das financeiras, seria perda de tempo. Considere a alternativa de vender a dívida para outro banco, depois veja com um advogado se compensa fazer uma revisional do contrato anterior.

  199. CARMEM MEDINA
    CARMEM MEDINAout 23, 2013

    Dr. Tenho uma dúvida: Estou com um carro com 4 parcelas atrasadas e foi ajuizada a Busca e apreensão ontem (21-10-2013) em Pernambuco, meu endereço. Atualmente estou morando no Paraguai, mas estou voltando para o Pernambuco em novembro. Gostaria de saber quanto tempo em média leva para o oficial de justiça começar a buscar o carro e se essa busca e apreensão pode ocorrer nos demais Estados que vou ter que percorrer para chegar até lá, pois quero chegar em Pernambuco antes para pagar o valor atrasado e arquivar esse processo (se der) pois disseram que eu terei, inclusive que pagar custas processuais e honorários advocatícios deles. O que o Sr. me aconselha? Muitissímo obrigada.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 23, 2013

      Pode correr o risco de na viagem, ainda mais na saída de Foz do Iguaçu onde possui câmeras do sistema SINIVEM e constar o mandado de busca lá ficar a pé no começo da viagem. Se quer efetuar o pagamento basta entrar em contato com a assessoria de cobrança e pedir o boleto de quitação, seria o mais adequado. Em relação ao cumprimento do mandado, assim que o Oficial de Justiça tem ele em mão já começa a saga dele, que geralmente é auxiliada pelos “olheiros” das financeiras, em Foz tem muito disso…

  200. Richilieu
    Richilieuout 21, 2013

    Dr. Meu caso é o seguinte, estou com 3 parcelas em atraso e vai vencer a quarta no dia 30 agora, não tenho condições de pagar as 3 parcelas que o banco está pedindo. O carro está financiado no nome do meu sogro e eu moro em outra cidade dele, existe perigo deles pegarem meu carro na rua? Ou só podem pegar no endereço? Outra pergunta é entro com o pedido revisional e podem prender o carro do mesmo jeito? Mesmo com o pedido? Não tenho a mínima condição de pagar essas parcelas agora, o que o sr. me aconselha? É verdade que depois do pedido revisional essas parcelas vencidas, deixam de existir e cria-se novas? Quero continuar com o carro, não quero perder e daqui pra frente já vou ter condições de continuar a pagar as prestações.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 21, 2013

      Sim, podem pegar o veículo onde puder, desde que o Oficial de Justiça tenha o mandado em mãos. Não sei detalhes da revisional, mas se o juiz deferiu a posse do veículo é só comunicar a existência de mandado de busca. Venda a dívida para outro banco, é uma solução alternativa. Após a revisional reacalcula-se o contrato e abate os valores eventualmente pagos indevidamente, juntamente com o que está pagando em juízo, se estiver…

    • Richilieu
      Richilieuout 21, 2013

      Dr. não compreendi essa parte de sua explicação, poderia ser mais claro por gentileza, desculpe mas sou um pouco leigo. “…mas se o juiz deferiu a posse do veículo é só comunicar a existência de mandado de busca…”. Mais uma pergunta contrato um advogado ou procuro o ministério público? O que o senhor me aconselha?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 22, 2013

      Se o juiz concedeu a posse do veículo durante o processo revisional, basta comunicar ele que há mandado de busca e apreensão para ele fazer com que não surta efeitos. Deve buscar um advogado o ministério público nada tem de interesse nessa causa.

    • Richilieu
      Richilieuout 22, 2013

      Dr muito obrigado pelo esclarecimento das dúvidas.

  201. Edmilson
    Edmilsonout 21, 2013

    Olá Rodrigo !

    Entrei com um revisional em abril deste ano e fui orientado a parar de pagar as parcelas deste então e na ultima sexta fui informado pelo escritorio de advocacia que o mandado de busca e apreensao foi expedido. Me orientaram tbem a esconder o carro ou informar ao oficial quando o mesmo me visitar que repassei o automovel para outra pessoa. Estou preocupado pois não quero ficar inventando histórias. Qual é o melhor caminho a seguir ?

    Muito obrigado !

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 21, 2013

      Pagar, este é o melhor caminho, entretanto, por razões diversas ao deixar de fazer o pagamento e neste momento “esconder” o carro não irá lhe beneficiar em nada, posi a ação irá ser convertida em perdas e danos, além de sofrer eventual processo penal por vender bem alienado. O melhor caminho é buscar este mesmo advogado que te orientou a não efetuar mais os pagamentos e cobrar dele uma explicação para esta situação.

  202. Mi Si
    Mi Siout 20, 2013

    Boa tarde Caro Rodrigo,
    possuia um carro que vendi para quitar dividas mas o dono ainda nao transferiu.
    Um outro banco me cobra na justiça uma divida de cartao de credito e temo
    que seja pedida apreensao do carro que tinha. O cara que comprou meu carro
    corre algum risco tendo em vista que tenho a copia do compra e venda do veiculo
    preenchido com o nome dele e registrado em cartorio? obrigado.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 20, 2013

      Caso haja penhora pelo sistema conveniado do RENAJUD, este rapaz que adquiriu o veículo pode embargar apresentando o recibo assinado com a data da venda. Ocorre que é uma despesa que poderia ser evitada caso procedesse com a bendita transferência. De sua parte, nada mais pode fazer a não ser comunicar a venda ao Detran.

  203. Karyne
    Karyneout 14, 2013

    Tive minha moto apreendida por 9 parcelas atrasadas, fiz o pagamento em juizo, e conseguir a reintegração da moto, só que estou novamente com algumas parcelas atrasadas, mais ninguem da financeira me liga cobrando as parcelas, minha intenção é de pagar as parcelas agora com meu 13°, será que mesmo eles não me ligando estou correndo o risco de ter a moto apreendida?

  204. Diego Leal
    Diego Lealout 14, 2013

    Olá DR !
    Dr, meu caso é o seguinte..
    No ano de 2011 financiei um carro para um amigo, no negocio ele deu 19.000 de entrada e parcelou o restante em
    42 x de 545 com parcelas decrescentes, pois ate a algum tempo ele nunca tinha dado problemas, mas a 3 parcelas ele nao paga e este atraso esta me tirando o sono, pois nunca fiquei devendo nada a ninguem e agora uma pessoa que eu considerava amigo faz isso comigo, faltam 13 das 42, e o pior é que a algum tempo perdi o contato com ele, trabalhávamos no mesmo local, mas hoje nao o encontro.
    Sem contar que diversas multas chegaram em meu nome, e temo até ter perdido minha cnh,, preciso de um conselho para agir corretamente. Obrigado !

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 14, 2013

      Se não tem o contato dele realmente fica difícil, as multas não terão como recorrer se não foi identificado o condutor do veículo, pois neste caso virá em nome do proprietário. Tente localizar amigos em comum para falar com o cidadão, do contrário, terá que efetuar o pagamento e cobrar dele posteriormente, pois se deixar como está, o custo será maior depois.

  205. Claudinei
    Claudineiout 14, 2013

    Rodrigo, bom dia, tudo bem com você? Espero que sim. Vê se consegue me auxiliar, estou com 03 prestações de meu veículo atrasadas, e recebi uma ligação do jurídico do banco dizendo que já foi emitido a certidão de busca e apreensão no dia 11/10/2013. Entrei no site da JUS e verifiquei que realmente está expedido e publicado no Diário. Se eu for até o fórum da comarca da cidade, consigo um prazo até tipo dia 23/10/2013, para quitar essas três parcelas vencidas, para que eu não corra o risco de perder o veiculo? Ou tentar a entrega amigável do veículo desde que quite o contrato? O que é o melhor que eu faça? Preciso de um advogado? Ou consigo isso sozinho?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 14, 2013

      Indo até o Fórum corre o risco de ser citado e já ter a apreensão do veículo realizada (caso vá com o veículo) e voltar a pé para casa. O melhor a fazer nesta situação é solicitar ao banco o boleto para quitação destas parcelas em atraso, se socorrer de parentes ou de empréstimo para quitar o boleto e principalmente, não ser citado antes de efetuar o pagamento, assim faria com que a busca e apreensão perdesse o objeto. Precisará de um advogado para peticionar no processo, ou dependendo de como for aí em sua Comarca, justificar em cartório que a dívida está adimplida e pedir para juntar comprovantes de pagamento.

  206. Roberto
    Robertoout 11, 2013

    Outra coisa, não tem como eu saber se meu veiculo está ou não com mandado de busca e apreensão?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 11, 2013

      Liga no Fórum e pergunta no cartório distribuidor.

  207. Roberto
    Robertoout 11, 2013

    Se eu esconder minha moto dentro da minha casa, e se do portão não der para ver ela, e o oficial tiver um mandado de buscar e apreensão ele pode entrar para ver se ela esta ou não dentro da minha casa?

  208. Jéssica Souza
    Jéssica Souzaout 10, 2013

    Bom dia!

    Gostaria de obter uma informação!

    Estou com a parcela do mes de agosto atrasada,porém, paguei a do mes de setembro e outubro. Mesmo estando com a parcela do mes de agosto atrasada,posso ter o meu veículo aprreeendido?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 10, 2013

      Sim, veja nos comentários que isto aconteceu com algumas pessoas.

  209. Diego
    Diegoout 09, 2013

    Boa noite Dr. Rodrigo

    Comprei um carro em 48x dei uma entrada e financie o restante , paguei 10 , sendo que não pude mais pagar e entrei com ação revisional em março deste ano , foi dado busca e apreensão no veiculo e o mesmo foi recolhido pelo Sr. oficial de justiça e o advogado me orientou a pagar em juízo as parcelas atrasadas e com o juros que ele mesmo calculou imprimiu o boleto e antes dos cinco dias após a execução do mandato eu paguei em juízo o valor devidamente corrigido pelo advogado, segundo ele assim iria ter o veiculo de volta gostaria que gostaria de saber se esta informação procede, se não procede como devo agir pois não tenho condições de pagar a divida do contrato todo pois é de 33.000,00 e as atrasadas são 6.800,00 sendo que após o acontecido paguei 7.250,00 em juízo orientado pelo advogado e preciso muito do veiculo para continuar trabalhando. Então eu pergunto vou ter o veiculo novamente ????

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 09, 2013

      Depende do entendimento do juiz, pela regra geral deve pagar todo o contrato, mas há flexibilizações por parte de alguns juízes permitindo o pagamento somente das atrasadas. Só vendo seu processo para saber o que se passa.

  210. solange
    solangeout 09, 2013

    Paguei 18 meses de um consorcio de 60 meses.
    O Carro foi roubado e estava sem seguro

    Parei de pagar as parcelas
    O que acontece ? Além na negativação do Nome, que tipo de ação poderei sofrer ?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 09, 2013

      Cobrança, execução e ao final penhora de bens, além da inscrição em órgãos restritivos de crédito.

  211. Robson Barros
    Robson Barrosout 09, 2013

    Muito obrigado pela resposta e pela agilidade da mesma!!!

  212. Robson Barros
    Robson Barrosout 09, 2013

    Olá,
    financiei um carro em 36x. Havia pago 32 parcelas de 35 vencidas. Haviam 3 em atraso, as de numero 22, 24 e 27. O banco apreendeu meu carro depois de um mandado de busca e apreensão. Em seguida paguei a ultima parcela de numero 36. Ou seja, o banco tomou o carro mesmo tendo pago mais de 85% do valor do veículo. Já estou a 02 meses sem o carro. O dr. acha que cabe um ação de danos morais? Obrigado!!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 09, 2013

      Apreendido o carro, porque não pagou as três que faltavam apenas? Já estaria com o carro na mão. Não entendo que caiba danos morais no presente caso porque você deu causa para a busca e apreensão, caberia danos morais se você tivesse pago e mesmo assim fosse apreendido o veículo, ou que no prazo de 5 dias tivesse pago o débito e após alvará judicial o banco não tivesse devolvido o carro.

  213. Alice
    Aliceout 08, 2013

    Boa noite. Tenho um carro financiado, usado para trabalho. Só que este carro desde o início do ano vive na oficina, e semana passada parou de funcionar de vez. As parcelas são no total de 48, e paguei 14, sendo que por motivos financeiros estão em atraso 5 parcelas. O valor que já paguei dele, pois foi entrada de 6.000,00 e as parcelas são de 490,00 já pagam o valor dele de mercado, sem contar o prejuízo com oficina, peças e guincho, que devem chegar em torno de 7.500,00. Ligaram da financeira e deixaram um recado para mim, que já iriam mandar apreeder o veículo, pois já tem mais de 4 parcelas em atraso. Liguei para um advogado por coincidência no mesmo dia, só que antes do recado da financeira, para saber se teria como entrar como uma ação revisional, só que ele disse que não tem como pois este tipo de ação está “paralizada”. Bom, não sei o que proceder, pois dependo do carro para o trabalho e retirar o dinheiro através do serviço dele, só que ele não tem mais conserto, o pessoal da oficina disse que não tem solução, eu não tenho como quitar para vender e nem como pagar as parcelas em atraso. Por favor, me dê uma orientação.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 08, 2013

      Ligue para outro advogado e exponha a situação, tentem identificar se o problema do veículo é relacionado a vício redibitório.

  214. Marcos
    Marcosout 08, 2013

    Algumas pessoas dizem que se tiver pago mais de 50% do veiculo, este não poderá mais ser apreendido!
    MITO?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 08, 2013

      Mito com ressalvas, alguns juízes e Tribunais entendem que se a parte quitar as atrasadas a apreensão é afastada, depende do caso concreto também.

  215. Pedro
    Pedroout 02, 2013

    Olá, tenho um veículo financiado fiduciariamente em 60 parcelas, já adimplir 16, porém estou em atraso em 11 parcelas e agora o banco apreendeu por busca e apreensão meu veículo, entretanto já havia entrado com uma revisional há uns 5 meses, com pedido liminar de depósito judicial, mas não foi concedida a liminar, mas a ação ainda não chegou ao fim… O que eu faço? Existe a possibilidade de buscar quitação da dívida com a apreensão do veículo? terei que pagar ainda as parcelas vencidas e vincendas? há possibilidade de se conseguir a restiuição por meio do deposito judicial?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 02, 2013

      Só vendo o processo para saber em que pé anda, mas como corre na mesma Comarca, peça a conexão para serem julgados simultaneamente. Muita gente está acreditando em falsos milagres que vendem pela Internet e estão contratando pessoas sem qualificação técnica para cuidar do processo, usam de teses vencidas e ainda acham que ação revisional é um filão a ser explorado. Em princípio terá que pagar tudo, mas há diversos entendimentos, precisa ver o que o Tribunal de Justiça de seu Estado está adotando, em geral, basta consultar a jurisprudência no site do TJ.

  216. Bruno Sousa
    Bruno Sousaout 01, 2013

    Certo Rodrigo.
    E o que seria VRG ?

    • Bruno Sousa
      Bruno Sousaout 01, 2013

      E no caso do CDC ? O que seria recomendado ?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 02, 2013

      CDC pode ser muita coisa, se não especificar não tenho como adivinhar, mas CDC, em termos financeiros é crédito direto ao consumidor e não tem lastro com bem algum, daí que a taxa de juro é similar ao cheque especial em alguns bancos.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsout 01, 2013

      Valor Residual Garantido, está no contrato que assinou.

  217. Bruno Sousa
    Bruno Sousaset 30, 2013

    Rodrigo,

    Boa tarde !!

    Por favor, gostaria de auxílio no esclarecimento de algumas dúvidas.
    Tenho um carro adquirido através de financiamento (leasing), em 60x, sendo parcelas fixas + 5 parcelas balão a cada 12 meses.
    Sempre efetuei o pagamento correto das parcelas até à 23ª parcela, porém, a 24ª já seria uma parcela balão e devido alguns imprevistos (desemprego), minha condição financeira não me permitiu efetuar o pagamento à partir da parcela em questão.
    Acredito que os juros estão acima do permitido (Estou pagando quase o doblo do valor à vista do veículo), e agora ainda tem essa questão de parcelas atrasadas há 1 ano.
    O que seria mais recomendado nessa situação ? Ação revisional ? Negociação com o banco para devolução do veículo ? Atualmente estou bem empregado e gostaria até de retomar o financiamento, porém o valor acumulado está muito alto e ainda acho que o valor total também está muito alto.
    As parcelas balão, ainda são liberadas para prática nesse mercado ?
    (Esclarecendo… meu pai que fez a negociação e cegamente apenas assinei o contrato – cidades diferentes – acreditando que era a melhor condição de negociação, tomando conhecimento posteriormente das parcelas balão).
    Por favor, fico no aguardo de um retorno de uma orientação profissional para o meu caso.
    Obrigado !!!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 30, 2013

      O leasing em si quando o veículo é devolvido a dívida morre, resta saber se há saldo no VRG para amortizar as parcelas atrasadas. Revisional não é o caminho nesta situação.

  218. Ially Carneiro
    Ially Carneiroset 30, 2013

    Boa tarde, Dr. Rodrigo!

    Meu pai comprou um carro financiado em 60X e depois de pagar 24 parcelas entrou com uma ação revisional do contrato e ficou pagando em juízo uma parcela menor. Ele continuou com o carro na garagem e na sexta-feira (27/09) o oficial de justiça e uma pessoa do banco foram até a residência dele e apreenderam o carro. Gostaria de saber qual o procedimento a ser realizado para recuperar o carro. Ligaram do banco para que ele quitasse a dívida restante de 21 mil. Ele não tem como pagar esse valor. O que fazer?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 30, 2013

      Relatar ao juiz da causa, se estava pagando em juízo é possível demonstrar que foi afastada a mora, isso deve ser solicitado ao advogado da revisional.

  219. Marcos
    Marcosset 30, 2013

    Eu tive minha moto apreendida por 9 parcelas atrasadas, conversei com um advogado e paguei todas as 9 atrasadas em juízo; Ai o juiz me liberou o veiculo de novo, estou com o veiculo, mais novamente estou atrasado com 4 parcelas :
    Meu financiamento foi o seguinte R$3.600 de entrada e mais 48 x de R$315, paguei 24 parcelas, me faltam 24 parcelas, me parece que para a financiadora consta que o veiculo ainda esta apreendido, corro o risco de ter ele novamente apreendido?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 30, 2013

      Sim, o atraso é o fato gerador da busca e apreensão, logo, com 4 parcelas em atraso obviamente que a moto pode ser novamente apreendida.

  220. Gustavo Menin
    Gustavo Meninset 30, 2013

    Boa noite, vendi duas motos para um amigo, mas ele nao me paga elas (vem me enrolando a um ano), as motos continuam no meu nome, como procedo para pega-las de volta? Pois nao tenho nenhum contrato de compra e venda com essa pessoa, foi tudo de boca. E ele ja vendeu para outras pessoas as mesmas.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 30, 2013

      Tentar localizar os novos compradores e expor a situação e comunicar a venda no Detran.

  221. Clara
    Claraset 28, 2013

    Boa tarde!
    gostaria de saber se carro financiado pelo leasing pode ser penhorado por outras dividas.
    E se for bloqueado via renajud, como faço em questao de licenciamento e vistoria veicular

    desde ja agradeço

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 28, 2013

      É difícil recair penhora sobre bem alienado, mesmo que seja leasing, pode ocorrer de ser criada uma restrição para terceiros tomarem conhecimento mas não prejudica em relação ao pagamento de licenciamento e vistoria.

  222. Everton Soares
    Everton Soaresset 27, 2013

    Boa tarde

    Comprei um carro em 60x e dei 6.000,00 de entrada, aconteceu uns problemas financeiros e aconteceu uns problemas e estou com 08 parcelas em atrasos hoje tive uma ordem de apreensão do veiculo so que o oficial me deu prazo ate dia 02/10/2013 para negociar minha divida, gostaria de saber qual o procedimento que devo adotar.

    Obrigado

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 27, 2013

      Nogociar a dívida, tente um acordo, pague a primeira parcela e mostre ao oficial novamente quando este lhe visitar que ele informa ao juiz.

  223. Fábio Luiz
    Fábio Luizset 26, 2013

    Ola! Tenho um carro com o seguinte problema, comprei em 60x s/ entrada, paguei 32 de 513.41 sempre em dia ai entrei com uma ação revisional e me instruirão a não pagar as parcelas e tirar o carro do endereço, ai se atrasarão 7 parcelas e acharão o carro, com a oficial de justiça com a busca e apreensão e levarão o carro, liguei para o escritório e me falarão para não assinar o documento e entregar o carro. Ai fui atrás do escritório para saber do meu processo e ai só me enrolarão e passava o n° do protocolo, ai de tanto pedir o n° do processo me passarão, eu acho que demorarão em dar entrada e só entrarão com o processo por causa da busca e apreensão.
    Ai fiz um deposito em juízo com o valor dos atrasados só que o juiz não quis devolver o bem e impugnou, e o valor ficou depositado.
    Agora o escritório do banco bv que 8.500,00 para pegar o carro e continuar pagando as parcelas, ou quitação do bem mais os honorários do escritório na faixa de 17.000,00, ou devolução amigável e leilão e a divida fica da diferença.
    O que posso fazer? E o escritório que contratei eles tem que me ressarci por me instruir errado?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 26, 2013

      Show de horrores hein. Pelo fato da orientação não sei se há alguma possibilidade de responsabilizar o escritório, mas se você contratou para fazer um serviço que não foi feito e se feito, apenas para dizer que fez após a busca e apreensão, é bem possível. Sugiro contratar outro escritório para analisar o processo e lhe dar um parecer. Se houve proposta de pagar um valor para tirar o carro e for possível pagar, no seu caso acho que é o melhor a ser feito.

  224. Andre
    Andreset 26, 2013

    Tenho um carro e esta com 10 parcelas em atraso, tentei renegociar, não consegui o dinheiro na hora e agora deram busca e apreensão, não acharam ainda o oficial veio e o carro não estava, quis reparcelar e agora eles não querem, no site do Detran não aparece nada, tem algo pra fazer ainda, ou entrego o carro, o carro dei 30 % de entrada e paguei 18 parcelas de 48 agora o preço do carro baixou bastante, isso posso fazer algo ?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 26, 2013

      Neste caso a salvação seria um acordo amigável para entrega do veículo e quitação dos débitos.

  225. Roberto Cavalcante Villaverde
    Roberto Cavalcante Villaverdeset 24, 2013

    Olá, bom dia, tenho um financiamento de um carro e estou com 3 parcelas em atraso, sendo a primeira parcela com 78 dias em atraso, o banco pode fazer a busca e apreensão do veiculo, se pode qual e o tempo em que o banco pode bloquear o carro, seria de 90 dias?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 24, 2013

      Evidente que pode fazer busca e apreensão. O tempo é relativo, mas pelo andar da carruagem logo receberá a visita especial do Sr. Oficial de Justiça.

  226. CARLOS SOARES
    CARLOS SOARESset 21, 2013

    BOM DIA DR RODRIGO, TENHO UMA DUVIDA GRANDE, ATE PORQUE DIZEM QUE GRIPE E DIREITO, CADA UM DA UM REMEDIO DIFERENTE.
    ENTAO MINHA PERGUNTA E A SEGUINTE, SIMPLES E OBJETIVA.
    COM QUAL ACAO REVISIONAL, TENHO QUE ENTRAR, PARA PREVINIR A BUSCA E APREENSAO DE UM VEICULO, QUE EU POSSA REALMENTE HAVER EXITO, SEM TER QUE FICAR ESCONDENDO O VEICULO, OU SEJA UMA ACAO DE REVISIONAL, LEGALMENTE NO MEIO JURIDICO, SE E QUE EXISTI, ESSE MEIO LEGAL.

    SDS
    CARLOS

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 22, 2013

      Ação revisional em si é tudo a mesma coisa, o objeto é o mesmo, revisar o contrato para extirpar o que se entende indevido. O que prevalece é demonstrar que em certos casos, ainda que exista a ação revisional, pode haver incidência de busca e apreensão por parte do banco, nisto é que entra o pedido de manutenção da posse até o final do processo, assim, caso o banco entre com a busca e apreensão basta apresentar a sua liminar para o oficial de justiça que ele não apreende o carro, para que isso aconteça basta solicitar que o pagamento mensal em juízo do que você entende devido para afastar a mora contratual.

  227. Rosemeire
    Rosemeireset 21, 2013

    Ola tenho um carro financiado pelo banco Itaú de 36x ,faltando apenas 5 parcelas para eu quitar a divida tive problemas financeiros e parei de pagar as parcelas ,na tentativa de fazer um refinanciamento , fui informada que só seria possível após 90 dias da 1ª parcela em atraso ,porem quando deu a 1ª parcela em atraso fui notificada a fazermos um refinanciamento ,fui informada que eu teria até o dia seguinte para dar o retorno se aceitaria ou não o refinanciamento retornando no dia seguinte a atendente me passou como iriamos proceder com o refinanciamento ela me passou os valores e a data de quando eu iria começar a pagar ,tudo Ok pra mim ,estaria dentro do meu orçamento mensal e daria para eu pagar as prestações , minutos depois ela me retornou com uma ligação me dizendo que não seria mais possível fazer o refinanciamento devido a ultima prestação do contrato faltar menos de 30 dias para o termino do contrato ,porem eles estão alegando que ou eu pago uma ,a uma em atraso com os juros que estão de (465,00) para (573,75)ou quitar toda a minha divida (na qual estou sem condições no momento )nas minhas condições só seria possível eu quitar essa divida com um refinanciamento o que eles alegam ser impossível para a situação ,eles tem o direito de recolher o meu carro ? o que posso fazer pra me defender nesse caso já que estou tentando negociar eles não aceitam minha proposto de refinanciamento ?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 22, 2013

      Se entrar com busca e apreensão certamente irá ficar a pé. Porque não pega um empréstimo em um banco para quitar o contrato, é tão simples, ainda mais faltando 5 parcelas para acabar o financiamento. O banco não é obrigado a aceitar sua proposta, basta pensar se você fosse a pessoa que emprestou o dinheiro aceitaria essa condição, eles tem o carro como garantia, evidentemente que não estão na parte mais fraca da relação.

  228. sandro
    sandroset 20, 2013

    Não tenho cópia, porque eles não enviaram…., disseram para eu esperar o contrato e nesse meio tempo mandaram a busca, aparenta que agiram de má fé…. o que sei é que as ligações são gravadas, mas seria algo muito demorado, talvez para um processo futuro. O juiz autorizou pagar somente as atrasadas, mas eu gostaria de saber se não poderia fazer algo para diminuir o valor

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 20, 2013

      Simples. Pague o determinado pelo juiz e depois entre com a revisional.

  229. sandro
    sandroset 20, 2013

    Tenho um financiamento em 48 meses, paguei 25, tive uma diminuição na renda e procurei o banco para negociar(diminuir o valor) eles disseram que era impossível, apos atrasar a parcela, um escritório de advogados(cobrança) começou a me ligar, tentei negociar mas também não foi possível. Após atrasar a terceira, ofertaram que eu quitasse as 3 atrasadas sem juros, mas não tive condições e voltei a solicitar um refinanciamento. Pouco antes de vencer a quarta aceitaram refinanciar e me enviariam o contrato para que assinasse, isso final de agosto, e as parcelas eu voltaria a pagar em outubro, estou aguardando o contrato e eles mandaram um oficial de justiça que aprendeu o veículo. Liguei no escritório e eles falam que não foi feito acordo e agora tenho que quitar o veiculo. Não tenho o valor da quitação integral e nem das parcelas atrasadas, tenho condições de pagar o que fora tratado por mês, peço orientação de como proceder. Posso entrar com uma revisional, como posso negociar as parcelas vencidas, e o carro posso requerer a posse?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 20, 2013

      Infelizmente o brasileiro tem o costume de colocar o cadeado no portão depois que o ladrão rouba a casa. Se você tirou uma cópia do contrato que assinou antes de enviar para o banco, pode apresentar no processo de busca e apreensão que pode haver remota possibilidade de se entender uma novação e você conseguir cancelar o contrato. Se não fez isso, revisional de nada irá adiantar, pagar as atrasadas também não e requerer a posse somente se pagar todo o contrato, infelizmente a situação já está bem adiantada.

  230. marco
    marcoset 17, 2013

    quero compara um carro,mas não vo pagar ele. minha principal duvida é:

    a busca e apreensão do veículo. quando eu passar por uma blitz ou pela policia federal vai acusar algo?

  231. Diego
    Diegoset 12, 2013

    Dr. Rodrigo,

    Meu primo comprou um carro, deu 6 mil de entrada e financiou 21 mil. Ele não pagou nenhuma parcela do financiamento e efetuaram a busca e apreensão do carro.

    Na contrafé que o oficial de justiça entregou pra ele veio o valor da causa de 24.936,75 , que por sinal eh bem próximo do valor de tabela FIPE do carro.

    Caso ele não pague esse valor dentro dos 5 dias e o processo corra à revelia depois o banco ainda pode cobrar algum valor alegando que o bem vendido não supriu toda a dívida?

  232. Keytte Angélica
    Keytte Angélicaset 12, 2013

    Bom Dia Dr. Rodrigo!
    Há 3 anos atrás comprei um veículo e não consegui assumir as parcelas, pois fiquei desempregada em seguida. Atrasei 4 parcelas e pra não ficar com restrições, repassei o financiamento a uma “Amiga”. Não recebi nenhum dinheiro, apenas pedi pra que ela assumisse a dívida. No começo ela pagou as atrasadas e adiantou as 6 últimas.
    Com o tempo ela começou a pagar em atraso, e meu nome ficou constantemente no SPC/SERASA. No ano de 2011a situação se agravou ainda mais, pois, ela repassou sem minha autorização o veículo a um terceiro que reside no Interior da minha Cidade. E essa pessoa vem atrasando as parcelas constantemente, deixa 06 em aberto e paga 04, e assim por diante. Há dois Anos que meu nome fica no Serasa, e hoje encontra-se novamente após 1 mês que ele tinha “Respirado”. Ela está com 02 parcelas em atraso, e ainda restam 1 ano. Já tentei de tudo, já conversei, mais só escuto promessas…
    Gostaria de saber o que posso fazer? Se posso pegar o Carro de volta? Já que o Banco está entrando em contato comigo, e por já possuir um histórico negativo nesse contrato, a atendente falou que não pode mais esperar e terá que fazer Busca e Apreensão.
    Sei que se o veículo for pra Busca o meu problema se agravará ainda mais, já que o veículo está em outra cidade, caso seja apreendido, eu só recupero se quitar a dívida toda, e se for pra leilão, caso não cubra os prejuízos eu como depositaria fiel, terei que complementar.
    O que fazer?
    Já procurei a delegacia da minha Cidade e o Escrivão queria me autuar por Estelionato. Isso procede?
    Agradeço a atenção.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 12, 2013

      Esse escrivão… mas estelionato o tipo legal diz que você deve obter vantagem ilícita sobre outrem, induzindo este em erro, o que não é o caso. Ocorre que não poderia ter vendido ou repassado o bem para terceiros sem comunicar o verdadeiro dono que é o banco. Neste caso sugiro que recompre o carro denovo para sair no menor prejuízo possível, sugiro também efetuar um comunicado de venda no detran para demonstrar que efetivamente não está de posse do veículo para não ser responsável por dívidas de IPVA e multas.

    • Keytte Angélica
      Keytte Angélicaset 12, 2013

      Pois é Dr. na hora fiquei surpresa com a indagação dele, que só me liberou por que o Delegado não estava e por ser próximo do meu trabalho, que inclusive, é o Detran… ele me liberou. Já comuniquei no sistema do Detran e o veículo está desemplacado há 2 anos (2012/2013). O Detran até me ajudaria se conseguisse pegar o veículo circulando, mais não localizei o veículo na Cidade. Já tentei negociar e recuperar o Carro, mais a pessoa se nega,alegando sempre que vai pagar.
      Caso eu emita um boleto de quitação e localize a pessoa, entrando no acordo pra que a mesma quite o veículo e termine com essa tortura, seria o Justo? Visto que eu estou no prejuízo a 2 anos sem ter aprovação de crédito no mercado.
      Tem algo na lei que eu possa acioná-la nesse caso de ter me causado prejuízos com o nome Negativado?
      Caso ela não aceite minha proposta posso pedir o carro?
      Ou fato dela já ter pago muitas prestações me impede de fazer isso?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 12, 2013

      Neste caso poderia entrar com uma ação de obrigação de fazer contra a pessoa, caso ao final do processo ela não efetivar a transferência para o nome dela poderá converter em perdas e danos, inclusive apreendendo o próprio veículo. O que não pode é alegar que o veículo é seu quando você já fez o repasse. Pela negativação não há o que fazer porque a causa primária disto é a venda proibida que você mesma realizou. O fato de ter pago algumas prestações nada mais justo que uma contraprestação e, dependendo do caso, compensar com os prejuízos da negativação que você está sofrendo. Eu indicaria iniciar os trâmites com uma notificação extrajudicial.

  233. Leandro Nunes
    Leandro Nunesset 12, 2013

    Dr Rodrigo, bom dia,

    Possuo um veiculo financiado em 60 meses, foram pagas 26, tenho 14 prestações atrasadas.
    Estou com uma ação revisional em andamento desde janeiro 2013, mas o banco entrou com mandado de busca e apreensão. Na sua opinião, que tem boa experiência no assunto, devo tentar acordo para pagamento junto ao representante da financeira, ou aguardo a revisional?

    No escritório da revisional, fui informado que o processo foi feito com base em 26 parcelas pagas, e caso eu pague essas 14, teriam que iniciar outro processo.

    Quanto tempo costumam levar estes processos revisionais? Quem contratei falou em 4, 6, as vezes 8 meses. Entendo que para fechar o contrato alguns escritórios “iludem” os clientes, com promessas e depois culpam os prazos da justiça.

    Desde já agradeço por este canal !

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 12, 2013

      O acordo é bem viável e o mais sugerido se você tiver possibilidades de pagar, o acordo ainda poderá ser protocolado na ação revisional para abater eventual saldo devedor. Esta orientação de iniciar outro processo não procede, pois o objeto da ação é o mesmo, parcelas de financiamento. Pelo que narrou acho que não está fazendo pagamentos em juízo para afastar a mora e tampouco deve ter pedido a manutenção da posse do bem… isso pode ser um problema futuro (o advogado deve pedir a conexão dos processos). Em relação aos prazos estes não tem como estimar, tudo depende da carga de trabalho do juiz, em algumas comarcas eles são responsáveis por atuar em todas as áreas, sendo o juiz único da região. Houve muito modismo em revisionais e 90% das teses utilizadas já foram modificadas pelo STJ, hoje em dia praticamente acabaram as demandas pelos profissionais sérios por simplesmente ser inviável, ocorre que o conceito popular não evolui e o sujeito acaba tendo prejuízo no final das contas.

  234. julia dos Santos
    julia dos Santosset 11, 2013

    oi comprei uma moto faz uns 4 anos ai atraseias prestaçoes ai teve busca e apreensao vou financiar outro carro com o mesmo banco sera q eu vou consegui.obrigado

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 12, 2013

      Só tentando para saber, qualquer outra informação seria mera especulação.

  235. João Santos
    João Santosset 11, 2013

    Olá Rodrigo, entrei com uma ação revisional, mas o Juiz julgou improcedente e saiu uma “Concedida a Medida Liminar de busca e apreensão”…. minha dúvida: o oficial de justiça irá no endereço cadastrado no contrato, tipo minha residencia ou poderá ir no meu trabalho no na casa dos meus pais que atualmente o carro está la? Agradeço

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 11, 2013

      Em princípio ele vai no endereço fornecido no mandado, geralmente o mesmo que te acharam pra te citar no processo, mas o oficial pode cumprir ele aonde quer que o carro esteja, ele não gasta muito tempo procurando, entretanto as financeiras possuem pessoas contratadas que ficam seguindo o veículo e avisam o oficial para ir até onde o carro esteja, seja ele no trabalho, estacionamento, casa dos pais etc.

  236. Fabiana Ramos
    Fabiana Ramosset 09, 2013

    Dr. Rodrigo, uma outra dúvida que tenho que eles me disseram que quando fizer 54 dias das parcelas em atraso, eu não poderei pagar apenas uma e sim terei que pagar as duas numa única vez. Isto é correto? obrigada

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 09, 2013

      Não, o boleto pode não ser aceito mas eles devem fornecer outro válido.

  237. Fabiana Ramos
    Fabiana Ramosset 09, 2013

    Olá Dr. Rodrigo, comprei um veículo financiado em 60x e destas parcelas paguei 18 e há 2 em atraso. Eles não param de me ligar para que eu efetue o pagamento. E hoje recebi uma carta que se eu não pagar em até 48 horas eu estarei sujeita às medidas judiciais, ou seja, busca e apreensão do veículo. Gostaria de saber se com duas parcelas em atraso já ocorre busca e apreensão? Tenho conta em banco, é possível eles bloquearem esta conta? Gostaria que me ajudasse a tirar estas dúvidas. Como devo proceder? Desde já agradeço e fico no aguardo por uma resposta.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 09, 2013

      Sim, podem, com 1 dia de atraso já podem começar o processo de busca e apreensão, ocorre que é custoso entrar com processo e costumam esperar de dois a três meses. A sua conta somente pode ser penhorada após o devido processo legal e com autorização judicial, qualquer outra atitude por parte do banco que não seja autorizada viola Resolução do CMN, sugiro efetuar o pagamento das parcelas para que evite danos maiores de busca e apreensão.

  238. Rychard da Silva Pereira
    Rychard da Silva Pereiraset 08, 2013

    Boa noite.
    Preciso urgentemente de uma orientação.
    Entrei com ação de consignação e pagamento, meu adv. orientou a parar de pagar as parcelas que estão vencidas desde março (7 parcelas).
    O banco entrou com ação de busca e apreensão!
    Deixei o veiculo em outro local, a financeira tem a liminar de busca por um processo contra a minha pessoa.
    E o processo que tenho contra a financeira, o Juiz pede para ambas as partes justificarem provas e se há interesse de conciliação. Esse prazo vence dia 09/09/13.
    Não tenho mais a confiança no Advogado, pois prometeu que a busca não iria existir.
    Estou querendo quitar essas parcelas em atraso e seguir em frente.
    Posso pagar as parcelas em atraso?
    Pagando as parcelas, a financeira exclui a liminar de busca e apreensão?

    Aguardo uma resposta!
    Estou aflito, quero acabar com essa situação!

    Obrigado!!!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 08, 2013

      Depende, se você já foi citado pelo oficial de justiça, de nada adiantará pagar as parcelas em atraso, se não foi citado, vale a pena porque frustraria a busca e apreensão. Para a financeira excluir a ação de busca e apreensão vai depender do acordo que conseguir realizar com ela, pois decorre de lei que a exigência se dá de todas as parcelas, até as que irão vencer. De qualquer forma, se foi citado, uma possibilidade é ver se há possibilidade de reunir os processos de consignação em pagamento com a busca e apreensão e se está depositando em juízo, talvez, a depender de como foi montado o processo, poderá frustrar a liminar.

    • Rychard da Silva Pereira
      Rychard da Silva Pereiraset 14, 2013

      Boa tarde, Dr. Rodrigo.
      A financeira tem a liminar de busca e apreensão desde 17/07.
      Reunir o processo vai levar um tempo, a minha intenção é quitar e resolver a situação.

      Falta R$11.600 para quitar o veículo. Na 1º parcela em atraso, citei que iria entrar com uma revisional. Fizeram uma proposta de R$5.000 para quitar, porém na época não tinha condições e o Advogado prometeu que iria reduzir para R$3.500, onde deixei rolar.
      Agora fiz uma proposta de R$5.000 para quitar, valor oferecido por eles anteriormente e a financeira está irredutível.
      O depósito de R$150,00 que estou fazendo não foi por ordem do Juiz e sim o meu advogado que vinculou ao processo.

      Não sei qual o caminho que devo seguir, pois o Advogado nunca pode me atender.

      Obrigado!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 14, 2013

      Sem ver o que consta na decisão judicial que deferiu os depósitos, como por exemplo se ele lhe concedeu a posse do bem até o final do processo, não há o que especular. O banco com a liminar em mãos não negocia, se o seu advogado não tem mais sua confiança, só posso lhe recomendar que troque o profissional.

  239. Cristian Deivison Silva
    Cristian Deivison Silvaset 06, 2013

    Boa Tarde Sr. Rodrigo Martins ,
    No mês de Abril meu carro foi apreendido pelo Banco Itau, entrei com a Defesa,
    e dia 28 de Agosto, o Juiz determinou que o Banco devolvesse meu carro em 5 Dias,
    mas não consigo contato com o Banco, e a acessória de cobranças deles não quer informa aonde o carro está,
    Falei com meu Advogado, ele pediu pra min descobri qual o patio meu carro está apreendido,
    não sei aonde meu carro está, só existe essa forma de recupera o carro ?
    Obrigado pela atenção e pelos esclarecimentos…

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 06, 2013

      Se não encontrar o carro o processo pode ser convertido em perdas e danos.

    • Davi Ferreira
      Davi Ferreiraout 09, 2013

      Cristian, quando o Oficial faz a apreensão, no documento que ele lhe entrega, está informado para onde levarão o carro.

  240. Cristian Deivison Silva
    Cristian Deivison Silvaset 06, 2013

    Boa Tarde Sr. Rodrigo Martins,
    No mês passado o Sr. me esclareceu a respeito do meu Processo, e agora o Juiz determinou que o Banco Itau devolvesse meu carro em 5 dias, e até agora já se faz 7 dias, e não consegui contato com o Banco, liguei para meu Advogado e ele falo pra min descobri aonde é o Patio que o carro está, Por Favor me tire essa dúvida, é certo isso que meu Advogado me orientou, Sr. Rodrigo quais as formas de recupera o carro.
    Mto Obrigado…

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 06, 2013

      Sim, é certo, se identificar aonde o veículo se encontra o advogado pode requerer ao juiz que determine que o oficial de justiça vá pegar o carro na marra.

  241. Fernando
    Fernandoset 03, 2013

    Olá Dr Rodrigo.Tenho 4 parcelas em atraso com a Bv financeira e hoje eles me ligaram dando a opção de refinanciamento do contrato,mas algo me deixou intrigado,eles querem refinanciar o saldo devedor com a dívida total,um exemplo para quitação faltam 19x de R$ 762,00=Total 14.478,00,eles não deveriam fazer o calculo de quitação que nas minhas contas seria R$ 11.700,00 e ai sim embutir os juros do financiamento,isso seria o chamado vencimento antecipado?Ou isso é ilegal?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 03, 2013

      É um tipo de proposta pega bobo. O que você pode fazer é vender a dívida para outro banco que tenha melhores taxas, peça o boleto para quitação do contrato para ter uma ideia de quanto é que fazem com o desconto.

  242. Luan Augusto
    Luan Augustoset 02, 2013

    Meu carro foi apreendido e abril deste ano, paguei somente as parcelas em atraso em juiz, depois disto continuei pagando mas três parcelas ai o banco bloqueou o pagamente das demais. ainda é possivel recuperar meu carro?? ou tenho que esperar concluir o processo para resgata-lo ??? oque devo fazer ???

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 02, 2013

      Depende mesmo do que foi determinado no despacho do juiz. De qualquer forma a dívida continua se não for alcançado o valor de venda do carro para pagamento do restante do contrato. Veja com seu advogado sobre a situação de bloqueio dos boletos porque aí pode estar ocorrendo abuso de direito da financeira.

  243. marlon hickmann
    marlon hickmannset 02, 2013

    Bom dia.
    Meu veiculo financiado 36x pela Bv financeira pago 13 prestaçao fiz uma revisional mas a bv entro com processo de
    busca e apreensão renajud circulaçao paguei os ipva mas os documentos nao vieram. quitei o veiculo a bv ja deu baixa no gravame junto o detran, mas a renajud nao saiu me falaram que o forum tem que tirar liquei pra bv, falaram
    que o escritorio de cobrança ( belinati teres) que tem que tira a renajud junto ao forum ja faz 15 dias mas ate agora nada. meu veiculo foi apreendido pela policia por causa dos documentos que eu nao tinha so tinha os comprovantes ja ta em 320,00 de diaria. como posso proceder. Obrigado

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsset 02, 2013

      Pelo que narrou, uma coisa não tem nada a ver com a outra, o fato de os documentos não terem sido enviados devem ser vistos com os correios. Primeiro, não se apreende veículo por IPVA atrasado, mas sim licenciamento, se não foi enviado (ou recebido) e foi pago, verifique nos correios. O fato do Renajud deve ser visto com um requerimento de seu advogado para informar o juiz e solicitar as providências cabíveis.

  244. Andre Andrade
    Andre Andradeago 28, 2013

    Novamente Obrigado Dr. Rodrigo, fora isso não é necessário que já tenho um processo aberto, para assim o Juiz designar um oficial para cumprir o mandato ? Ou pode acontecer antes de aparecer qualquer coisa do site da justiça ?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 28, 2013

      É necessário ter um processo, seja ele distribuído em seu domicílio ou carta precatória, ocorre que nem sempre dá tempo de se cadastrar no site do Tribunal de Justiça, o bom mesmo é consultar diretamente no cartório distribuidor local. Mas pode sim aparecer depois de apreendido.

  245. Andre Andrade
    Andre Andradeago 28, 2013

    Dr. Rodrigo, Obrigado pela resposta.
    Já verifiquei e não recebemos nada mesmo, somente propostas para pagamento das parcelas em atraso que vem como comunidade extra judicial, esse tipo de correspondência vale como notificação, ou tem que ser algo especifico sobre a busca e apreensão ?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 28, 2013

      Eis aí sua constituição em mora, a qualquer momento poderá receber a visita do Sr. Oficial de Justiça…

  246. Andre Andrade
    Andre Andradeago 28, 2013

    Dr. Rodrigo, tenho um carro financiado em 60X já paguei 38 e restam 22, dessas 6 em atraso. Estou tentando um acordo com a financeira, mas eles alegam que está com uma empresa de cobrança e com eles não tem acordo, é impossível falar com eles e quando consegue são totalmente estúpidos e ainda ficam fazendo pressão psicológica .
    Hoje recebi uma ligação estranha e perguntaram meu endereço e se o carro X estava no local, minha filha sem saber confirmou a informação, fiz uma pesquisa nos sites da justiça e no documento do carro e não consta nada. Já pode estar acontecendo a busca do mesmo ? Podem fazer isso sem uma notificação ou sem aparecer o processo ou a restrição no documento ? Me disseram que como já paguei mais de 50% da divina não pode ter busca é verdade isso ? Se isso existe qual é o prazo legal ?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 28, 2013

      É necessário que você seja notificado extrajudicialmente para constituir sua mora, nada impede que a confirmação do endereço e a localização do veículo sejam de fato atos preparatórios para a busca e apreensão. Não é verdade que pagar mais de 50% da dívida não ocorreria busca e apreensão, simplesmente porque você fez um empréstimo e deu o carro como garantia, enquanto não quitada a última parcela (ou o contrato) pode ser pedido a busca e apreensão. Se por acaso você mudou de endereço neste período é bem provável que a notificação já foi enviada.

  247. rodrigo luiz da silva
    rodrigo luiz da silvaago 27, 2013

    Obrigado pela atenção vc tem conhecimento do resultado de algum processo deste tipo e quanto tempo demorou

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 27, 2013

      Tenho conhecimento mas por questão do código de ética sou impedido de comentar casos de clientes e/ou terceiros, em relação ao tempo é muito variado, depende mesmo da Vara, da cidade e até mesmo do número de processos, algumas vezes pode ultrapassar até um ano, depende muito, seu advogado saberá lhe informar melhor por já ter conhecimento de como está a carga de processos do cartório e movimentações do juiz.

  248. rodrigo luiz da silva
    rodrigo luiz da silvaago 27, 2013

    boa tarde tive um veiculo apreendido pelo banco fiz o pgto das parcelas atrasadas no prazo,apos uns dias o juiz determino que pagasse as parcelas vencidas no decorrer do processo fiz os pgtos logo depois o juiz determino a devolucao e descobri que havia sido leiloado,o veiculo e de trabalho estou desesperado o veiculo possui rastreador posso busca lo com mandato mesmo tendo um terceiro envolvido, o advogado me instruiu dizendo que o banco tem que devolver o valor de tabela mais o bau que foi vendido de forma indevida por nao fazer parte do bem financiado e tambem disse que pelo juiz ter determinado a devolucao o pgto e feito de forma rapida vc pode confirma se isso e verdade

    grato

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 27, 2013

      Esta situação sua é enfrentada por outras pessoas em caso idêntico. Se o juiz determinou a devolução do bem e você já tomou conhecimento de que ele foi vendido, deve observar se o banco já foi intimado da decisão oficialmente, se foi e não se manifestou no prazo estipulado pelo juiz, pode o advogado requerer multa diária até a devolução efetiva (essa multa vai para você), se ainda assim for observado que não tem como o banco devolver, poderá requerer a conversão do processo em perdas e danos (ou abrir outro contra o banco), vai da análise de seu advogado. A questão de desespero é até compreensível mas em nada vai ajudar, formas de reaver todo este prejuízo causado até tem e caso opte por buscar o veículo por causa do rastreador certamente será prejudicial para você.

    • rodrigo luiz da silva
      rodrigo luiz da silvaago 27, 2013

      Obrigado pela resposta me tira outra dúvida ele vai entra com a petição para reaver em valores saindo a determinacao do juiz o banco ainda pode se manifestar

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 27, 2013

      Em geral sim, chama-se contraditório, uma garantia constitucionalmente prevista.

  249. IURI CRUZ - SALVADOR
    IURI CRUZ - SALVADORago 27, 2013

    Srº RODRIGO, SEI DO ERRO, POREM QUERO QUITAR O QUE DEVE SER QUITADO. LIGUEI NOVAMENTE PARA A CAIXA ECONÔMICA FEDERAL, E ELES ME INFORMARAM QUE EU PRECISO “CONTINUAR” AGUARDANDO! O QUE FAZER?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 27, 2013

      Pode buscar um advogado e fazer uma revisão de contrato ou consignação em pagamento, vai depender da análise apurada do profissional.

  250. LILIANE
    LILIANEago 27, 2013

    Bom dia!Tenho um veiculo financiado pela BV financeira em 60 parcelas onde já paguei 26 parcelas, meu veiculo foi apreendido por falta de pagamento tem 8 parcelas em atraso. Queria pagar as parcelas em atraso mais a BV estava cobrando mais de 100% do valor das parcelas em atraso. Fui no fórum para pagar em juízo no prazo determinado pelo o processo de 5 dias onde foi alegado que no contrato da compra do veiculo se atrasasse tem que pagar as vencidas e a que vai vencer.Tenho chance de conseguir o meu veiculo de volta?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 27, 2013

      Observando sua argumentação eu recomendaria pagar o que a BV pede, ainda que seja mais de 100% do que entende correto, esta medida faria com que visse o carro mais rapidamente, nada impedindo que entre com uma revisional depois e conteste estes valores. Em relação ao pagamento total das parcelas em atraso e as parcelas que ainda irão vencer é determinação da Lei e não só de seu contrato, ou seja, entre as duas hipóteses que você apresentou, a que melhor lhe adequaria seria a primeira opção, pois deixando vencer o prazo de cinco dias, poderá a financeira vender o veículo, aí sim as chances de não ver ele novamente seriam grandes. Recomendo que se optar pela primeira opção que peça para constar no boleto enviado que seria um acordo para pagamento das atrasadas e liberação do veículo, do contrário, como já foi citada, há margem de interpretação para que mesmo pagando o atrasado possam exigir as demais. Busque um advogado para lhe auxiliar, é extramamente recomendável neste caso.

  251. IURI CRUZ - SALVADOR
    IURI CRUZ - SALVADORago 27, 2013

    BOM DIA Drº RODRIGO! TENHO UM CONTRATO DE FINANCIAMENTO, COM O BANCO PANAMERICANO, EM 60 PARCELAS. PAREI DE PAGAR DESDE O MÊS DE JANEIRO, NA 18ª PARCELA, E HOJE ELES VIERAM E APREENDERAM O VEÍCULO. ACONTECE QUE NÃO RECEBI NENHUMA LIGAÇÃO POR PARTE DA FINANCEIRA, NENHUMA CORRESPONDÊNCIA E/OU E-MAIL! LIGUEI AGORA HA POUCO PARA O “BANCO PAN” E ELES ME INFORMARAM QUE O CONTRATO AGORA É DA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL. LIGUEI PARA A MESMA, E A RESPOSTA QUE OBTIVE FOI QUE UM ATENDENTE ENTRARIA EM CONTATO COMIGO EM BREVE! O QUE DEVO FAZER AGORA?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 27, 2013

      Sete meses sem pagar uma prestação não tem como fazer milagre… Sendo o carro apreendido e não tendo como quitar o contrato, nem mesmo com empréstimo ou venda de dívida para outro banco, resta apenas seguir a vida, pois o número de parcelas que pagou é menos de um terço do contrato e sequer há possibilidade de imaginar que tenha algum saldo positivo para receber após a venda do carro. Acredite, o banco não irá entrar em contato, uma vez que já está na posse do carro.

  252. leonardo luis
    leonardo luisago 26, 2013

    estou com quatro parcelas em atraso do meu financiamento, o banco quer que eu paga no minimo 2 parcelas, mais tenho o dinheiro de uma em mãos mais a firma de cobrança do banco não quer receber apenas 1. que disse se não pagar ate hoje vai mandar busca e apreenção. isso esta certo?? se caso espedirem por exemplo amanha, não consigo mais acertar as parcelas antes que o oficial apareça???

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 26, 2013

      O procedimento vai de cada banco, o correto é tentar deixar em dia mas se não tem como considere vender o bem, pois a tendência é só piorar, afinal, com um dia de atraso já pode incidir a busca e apreensão, se você recebeu uma carta de notificação em sua casa isso quer dizer que você receberá o oficial de justiça em alguns dias em sua casa, tente pagar o que pedem assim que possível, nada impede de ingressar com revisional depois se achar que está vindo cobrança errada.

  253. Silva
    Silvaago 21, 2013

    Obrigada Rodrigo.
    Agradeço a atenção e os esclarecimentos prestados.
    Muito bom saber que existem profissionais prestativos como você.

  254. Silva
    Silvaago 21, 2013

    Pois é Rodrigo, mas o caso é que o tal carro não foi vendido, foi apreendido.

    Como o carro é alienado fiduciariamente, meu avô não conseguiria transferir a propriedade no DETRAN, uma vez que não é ele quem daria baixa no gravame, e sim o Banco.

    No meu pensamento, essa obrigação de transferir seria do Banco por esses motivos.
    Quer dizer que esse meu pensamento está errado, né?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 21, 2013

      O banco deveria ter informado pelo menos que houve a venda do veículo para terceiro.

  255. Silva
    Silvaago 19, 2013

    Boa tarde. Meu avô comprou um carro em 1999, financiou pelo banco Panamericano. Pagou 3 prestações e não pode mais pagar. O banco levou o carro na época (busca e apreensão) e até hoje vem faturas do DETRAN para ele pagar com relação a esse carro que não mais está com ele faz muito tempo.
    Ligamos pro banco e nos disseram que era obrigação dele ir ao DETRAN comunicar que o carro não estava mais com ele.
    Depois dessa ligação o débito que existia em nome do meu avô junto ao DETRAN foi “quitado pelo banco”. Mas o carro permanece em nome dele.

    A minha dúvida é:
    Era realmente obrigação do meu avô ir ao DETRAN fazer essa comunicação uma vez que o carro era financiado e foi levado pelo banco (busca e apreensão em 1999)? A essa altura com certeza o carro já foi leiloado e ele sequer sabe onde está tal carro.
    Essa obrigação não seria do banco uma vez que é o credor/ proprietário fiduciário?
    Por favor, como devo proceder?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 19, 2013

      Sim, era obrigação comunicar ao DETRAN a troca da posse do veículo, coisa que muitos esquecem de fazer quando vendem um veículo. Se o carro foi leiloado, deve o banco proceder com a alienação em nome do novo proprietário e isto só ocorre quando se transfere a titularidade do bem. Sugiro que busque um advogado para ingressar com a ação cabível para obrigar a financeira a tirar o veículo do nome do seu avô e a depender, pode incidir em danos morais a conduta negligente do banco.

  256. Marcia Sodré
    Marcia Sodréago 19, 2013

    Rodrigo comprei um veiculo com 60 parcelas paguei 21 parcelas e agora tem 08 em atrasos ja verifiquei no tjsp esta em processo de busca e aprrenção no da 17/07/2013 está mandato expedido. O escritorio do cobrança me deu para quitar a divida um valor de R$ 9500,00 onde ja arrumei o comprador que pagara está divida. Apos o pagamento como ficará o processo.??

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 19, 2013

      Você comprova o pagamento administrativo e requer através de advogado a suspensão da medida liminar, mas isso tem que ocorrer meio logo, antes da visita do oficial de justiça.

  257. suely
    suelyago 16, 2013

    Boa noite DR. Rodrigo, fiz um financiamento de um carro e não tive condições de continuar pagando as parcelas, pois fiquei desempregada ai deram busca e apreensão no meu carro no final de 2010 ( 03 anos atrás ) na época não tive condições de pagar um advogado e também não fui atrás para verificar se o carro foi ou não leiloado e se tenho dívida a pagar ou receber. Agora estou preocupada com medo de ter dívida a pagar, verifiquei o SPC e SERASA não conta meu nome lá, verifiquei pela net o sate consulta processual não conta nenhum processo em meu nome. a pergunta é, o banco ainda pode abrir um processo caso eu tenha dívida a pagar , mesmo tendo passado 3 anos, ou se existisse a dívida o banco ja teria aberto um processo. como faço para saber tenho ou nao dívida com o banco??

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 16, 2013

      O que eu tenho notado é que os bancos fazem a cessão de crédito para empresas específicas em tentar recuperar esse passivo dado como perdido por eles, a dívida prescreve no prazo de 10 anos e pode lhe assombrar no futuro, o certo é tentar localizar o veículo e saber quando foi vendido e a que preço para saber se deve ou tem a receber do banco, esperar para ver o que acontece é sempre a pior opção, pois além de correção monetária, mensalmente incide os juros de mora do contrato e a dívida fica altíssima quando vier a ser cobrada.

    • Suely
      Suelyago 22, 2013

      Boa Noite, deram busca e apreensão no meu carro e estive olhando a papelada, fiz uma consulta no SERASA em 04/08/2009 e constava meu nome ativo pelo banco FINASA, agora em 2013 não consta mais nada, o banco tirou meu nome. bom isso quer dizer que meu carro foi leilado e a venda cubriu o valor do contrato??? devo procurar o banco para saber o valor que o carro foi vendido para verificar se tenho algo a receber???

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 22, 2013

      Quer dizer que o prazo de inscrição pode ter ultrapassado o lapso temporal de 5 anos, entretanto a dívida com o banco prescreve em 10 anos, se você receber um processo de cobrança valeria mexer no passado mas agora acredito que não valha o incômodo.

  258. manuelle miranda
    manuelle mirandaago 15, 2013

    Boa noite. Adquiri um carro em 60x. 10 foram pagas e desde dez/12 venho ligando para Cef para um acordo de possibilidade de pagamento. Nao tive retorno. Apenas me diziam sempre que no sistema nao constava nada. Como era financiado pelo panamericano e o mesmo repassou para a cef a informaçao que me davam era que era pra eu esperar o contato da cef que podiam levar semanas, meses, anos. Nesses meses todos mantive contato. Guardei os protocolos de atendimento de todos os meses. Hj dia 15/8 o oficial veio buscar meu carro. Sem nenhuma ligacao do banco, retorno, nada. Nao vou ter como pagar as 14 parcelas em atraso mais o restante das prestaçoes. Como faço? Fico devendo quanto ao banco? Eram 60×444.67 foi paga 10 parcelas. Fico com divida? O que acontece agora? Entro com advogado com os protocolos de atendimento da cef? Obrigada desde ja.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 16, 2013

      Neste seu caso, consulte um advogado porque a depender do que disser, caberá ação contra a CEF, pois ao que indica houve falha na prestação de serviços. Fica a dica de não esperar o pior acontecer para tomar providências, a situação enfrentada seria facilmente resolvida se tivesse consultado um profissional antes disso acontecer. Respondendo a pergunta principal, você ficará com a dívida, a questão agora é saber o quanto ela poderá ser abatida.

  259. Nailson Andrade
    Nailson Andradeago 15, 2013

    O meu medo é não poder ver o carro antes, so pode ver em fotos. Não é uma financeira muito reconhecida tambem.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 16, 2013

      É como a placa de trânsito diz, na dúvida não ultrapasse, não entendo o porque de já não ter recusado a oferta.

  260. Nailson Andrade
    Nailson Andradeago 15, 2013

    Rapaz que trabalha na financeira.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 15, 2013

      Se estiver tudo em contrato, não há problema algum, só evito dar o valor da entrada antes de ver o contrato formalizado.

  261. Nailson Andrade
    Nailson Andradeago 15, 2013

    Ola Boa noite. Me foi oferecido uma van renault master. Ela esta apreendida por atraso nas parcelas. E estao me passando ela com entrada de 15 mil. Mas 60x de 1000. ano 2012. Mas so posso ver fotos da van antes de pagar os 15 mil no prazo de 5 dias.O preço esta abaixo da tabela. Como vc me orienta nesse caso?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 15, 2013

      Quem está oferecendo? A financeira ou o devedor? Se for o devedor eu não recomendo aceitar, se for a financeira não teria problemas, bastaria formalizar o contrato.

  262. Eduarda
    Eduardaago 13, 2013

    Olá Rodrigo, comprei um carro que está financiado em nome de outra pessoa e é Leasing. Temos um contrato particular que registramos em cartório. Já investi um alto valor no veículo e agora falta 11 das 60 parcelas, mas estou sem condições de pagar (tem 3 em atraso), estou sem trabalho e doente. Conversei sobre minha situação com a pessoa que me vendeu o carro e ela disse que entraria com revisão de juros e que era pra eu ficar tranquila porque com certeza tem juros abusivos no contrato e quem sabe até não seria quitado, mas passou 2 meses e ele entrou em contato e disse que não ia entrar com revisão e era pra eu devolver o carro pra ele (e sem me voltar nada do que já paguei). Pra você ter uma ideia, eu tive que dar uma entrada de 8mil e assumir as parcelas restantes e nisso já paguei 27mil e ainda falta 6mil para quitação, sem contar outros valores que cobram no final do financiamento. O carro vale 15mil na FIPE. Nós acabamos brigando e ele não quer mais conversa, disse que prefere perder o carro, porque assim acaba a dívida e não suja o nome dele. Também falou que mesmo que eu pague ele não passará o carro para meu nome. Moramos em estados diferentes. Em caso de busca e apreensão, ele pode dizer que repassou o carro para outra pessoa e dar meu endereço? Podem levar o carro numa blitz? Como resolver esse pepino? Pra mim agora a melhor solução seria reaver parte do meu dinheiro, é possível? Desculpe, são muitas dúvidas, estou aflita!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 13, 2013

      Ele pode dar seu endereço, em uma blitz não tem como eles saberem que está em busca e apreensão e também não é o objetivo da ação policial, entretanto, se o cidadão der queixa de furto aí sim o veículo pode ser preso, para resolver do jeito mais fácil é pegar um empréstimo e quitar o contrato, depois ingressar com uma ação mandamental para fazer com que o juiz obrigue a transferência do veículo para seu nome, querendo reaver o valor só com ação na justiça, pois pelo que parece o cidadão não quer conversa. A única coisa que não fará perder tudo é o contrato que vocês fizeram,

    • Eduarda
      Eduardaago 13, 2013

      Pois é, conversei com um advogado e ele observou que nesse contrato que firmamos, estabelece-se que qualquer problema tem de ser resolvido na comarca “tal” que é onde o cara mora (fica em outro estado e bem longe). O advogado disse que caso eu queira entrar com uma ação, os gastos serão enormes e que muito provavelmente ficará “elas por elas”, ou seja não vale a pena. Quanto a ele me denunciar por furto, eu tenho todos comprovantes de pagamento. Ele finalizou me aconselhando a não pagar mais nada, porque o cara não passará o carro pro meu nome e um processo não vale a pena. Falou que infelizmente agora é usar o carro até ele se acabar. Como disse antes, só tenho medo de perder o veículo e todo meu dinheiro empregado, justamente em um período que estou frágil, doente e sem nenhum tostão. Estou sem grana até para meu sustento, vivendo de ajuda de amigos. Não possuo outro bem, este carro foi a única coisa que conquistei na vida, com muito suor do meu trabalho. Não tem nenhuma lei que me ampare como consumidora?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 13, 2013

      Eu só posso lhe recomendar que busque outra opinião profissional, a minha é completamente diferente desta que você possui mas por razão ética não pode ser repassada por aqui (internet), eu só posso dizer que solução há, não há relação de consumo nesse seu caso e pelo código civil, se você não cumprir a sua obrigação que é pagar as parcelas, não pode exigir a obrigação do anterior possuidor.

  263. Cristian Deivison Silva
    Cristian Deivison Silvaago 08, 2013

    Oi SR. Rodrigo,
    Tive meu Carro apreendido pelo Banco Itau, paguei 5,000 R$ das parcelas em atraso em Juízo,
    e o Banco não dá nenhuma resposta.
    O carro foi apreendido em abril deste ano. O que Devo Fazer SR. Rodrigo, Obrigado.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 08, 2013

      Verifique com seu advogado se falta alguma movimentação por parte do cartório, as vezes pode ser porque não foi expedida citação ou está pendente de despacho do juiz, a melhor resposta nesse caso é ir diretamente na vara civil do processo e questionar o que se passa, ou senão, pergunte ao advogado constituído, é o melhor caminho.

    • Cristian Deivison Silva
      Cristian Deivison Silvaago 09, 2013

      Obrigado,
      No Processo já obteve a conclusão do Despacho, e meu Advogado disse que o Banco não quer dar uma resposta,ai e ele me orientou a esperar por tempo Indeterminado.

      24/07/2013 Petição Juntada
      19/07/2013 Petição Juntada
      aguardando juntada de petição
      30/06/2013 Classe Processual alterada
      28/06/2013 Juntada de Petição
      Juntada da Petição em
      15/05/2013 Data da Publicação SIDAP
      VISTOS. Manifeste-se o autor sobre a contestação e o depósito ( fls. 39/63 ). Int.
      15/05/2013 Despacho Proferido
      VISTOS. Manifeste-se o autor sobre a contestação e o depósito ( fls. 39/63 ). Int. D81990937
      15/05/2013 Retorno do Setor
      Recebido da conclusão
      14/05/2013 Juntada de Contestação
      Juntada de Contestação – protocolo nº 0079323-80 e guia de depósito judicial no valor de R$ 5.000,00 em 14.05.2013.
      07/05/2013 Aguardando Juntada
      Aguardando Juntada
      07/05/2013 Juntada de Mandado
      Juntada do Mandado <POSITIVO
      03/05/2013 Aguardando Juntada
      Aguardando Juntada
      04/04/2013 Retorno do Setor
      Recebido da conclusão em 4.4.13
      04/04/2013 Data da Publicação SIDAP
      Vistos. Comprovada a mora, defiro a liminar, com fundamento no artigo 3º, caput, do Decreto-lei nº 911/69. Cite-se o réu para pagar a integralidade da dívida pendente (valor remanescente do financiamento com encargos), no prazo de 5 (cinco) dias contados do cumprimento da liminar (DL nº 911/69, artigo 3º, § 2º, com a redação da Lei nº 10.931/04), e apresentar defesa, no prazo de 15 (quinze) dias, desde a efetivação da medida, sob pena de presunção de verdade do fato alegado pelo autor, tudo conforme cópia que segue em anexo, nos termos do artigo 285 do Código de Processo Civil. Sem o pagamento, ficam consolidadas, desde logo, a favor do autor, a posse e a propriedade plena do bem (artigo 3º, § 1º, do Decreto-lei nº 911/69), oficiando-se. Servirá o presente, por cópia digitada, como mandado. Cumpra-se na forma e sob as penas da Lei. Intime-se.
      03/04/2013 Despacho Proferido
      Vistos. Comprovada a mora, defiro a liminar, com fundamento no artigo 3º, caput, do Decreto-lei nº 911/69. Cite-se o réu para pagar a integralidade da dívida pendente (valor remanescente do financiamento com encargos), no prazo de 5 (cinco) dias contados do cumprimento da liminar (DL nº 911/69, artigo 3º, § 2º, com a redação da Lei nº 10.931/04), e apresentar defesa, no prazo de 15 (quinze) dias, desde a efetivação da medida, sob pena de presunção de verdade do fato alegado pelo autor, tudo conforme cópia que segue em anexo, nos termos do artigo 285 do Código de Processo Civil. Sem o pagamento, ficam consolidadas, desde logo, a favor do autor, a posse e a propriedade plena do bem (artigo 3º, § 1º, do Decreto-lei nº 911/69), oficiando-se. Servirá o presente, por cópia digitada, como mandado. Cumpra-se na forma e sob as penas da Lei. Intime-se. D81011418
      02/04/2013 Recebimento de Carga
      Recebimento de Carga sob nº 9405067
      01/04/2013 Carga à Vara Interna
      Carga à Vara Interna sob nº 9405067 – Local Origem: 40-Distribuidor(Fórum de Diadema) Local Destino: 30-2ª. Vara Cível(Fórum de Diadema) Data de Envio: 01/04/2013 Data de Recebimento: 02/04/2013 Previsão de Retorno: Sem prev. retorno Vol.: Todos
      27/03/2013 Processo Distribuído
      Processo Distribuído por Sorteio p/ 2ª. Vara Cível

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 10, 2013

      Se o banco ficar inerte o prejuízo maior será dele no final.

    • Cristian Deivison Silva
      Cristian Deivison Silvaago 13, 2013

      Entendi, Obrigado,
      Dr. Rodrigo meu Processo teve andamento,

      Data Movimento
      09/08/2013 Sentença Registrada
      07/08/2013 Conclusos para Sentença
      Tipo de local de destino: Juiz de Direito Especificação do local de destino: Arnaldo Luiz Zasso Valderrama
      31/07/2013 Extinto o Processo sem Resolução do Mérito – Sentença Completa
      Local Físico:
      09/08/2013 10:20 – Recebimento – VEIO DA CONCLUSÃO

      Por Favor Dr. Rodrigo, Gostaria de saber o que significa. Muito Obrigado pela Atenção.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 13, 2013

      Significa que o juiz viu seu processo e extinguiu ele e não julgou a causa, as razões devem ser vistas no processo.

  264. BUSCA E APREENSÃO DO VEICULO
    BUSCA E APREENSÃO DO VEICULOago 08, 2013

    Rodrigo

    Comprei um carro em 60 parcelas paguei 21 parcelas, e agora estou devendo 07 parcelas em atraso. Já verifiquei no site do Tribunal de Justiça e já conta um processo de Busca e Apreensão do veiculo. Liguei para o juridico da financeira e a mesma me vez algumas proposta tipo o saldo em aberto das parcelas atrasadas está em torno de 7000,00 a financeira me da um desconto eu deveria pagar 2000,00 ou a quitação do veiculo no valor de 10.000,00.
    Só que em março de 2013 eu entrei em contato com financeira para devolver o veiculo em entrega amigável a mesma mandou eu aguarda por 15 dias que o setor de qualidade iria entrar em contato para finalizar o processo de entrega.
    Se passou 15 dias eu retornei a ligação e a mesma mandou eu continuar aguardando a ligação do setor.
    O tempo passou e financeira me protestou.
    Hojé eles querem me dar um desconto no veiculo, mas e o protesto eu tenho que pagar as custas, assim e o que eles me informar, eu não tenho a ciência deste protesto só tenho porque paguei para retirar uma ficha do Serasa e onde aparece.
    Eles querem que eu assine um documento onde eu tomo ciência deste protesto.
    E só poderão me dar o desconto mediante que eu assine este documento da ciência deste protesto.
    Gostaria de saber se é viável eu assinar este documento sendo que o valor do protesto e de R$ 32.000,00 estas custas deve ter um valor absurdo para serem pagas.
    O que devo fazer.
    Desde já agradeço sua atenção.
    Márcia Sodré.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 08, 2013

      Se as custas de protesto é o que lhe preocupa, digo que no cartório de títulos a taxa é única, varia de Estado para Estado, dê uma ligada no cartório de títulos e protestos e pergunte qual o valor das custas para baixa de protesto, aqui no PR não é vinculado pelo valor, sendo apenas uma taxa única e a lei diz que aquele que deu razão para o protesto é aquele responsável pelo pagamento da baixa (código civil). No mais eu ficaria atento nesse termo de entrega amigável para ver se há cláusula dizendo que a dívida já não existe mais quando da entrega do veículo.

  265. Juliana
    Julianaago 06, 2013

    Olá Rodrigo,

    Comprei um carro em 60 parcelas, já paguei 12 parcelas e não paguei mais já venceram 9.
    Meu carro foi apreendido, mais eu não estava presente no local para assinar a busca.
    Então me disseram que perante a lei o prazo ainda não está correndo. O banco não aceita negociação, somente a quitação total da dívida.
    Eu gostaria de saber se posso entrar com a purgação e conseguir meu carro de volta.
    Quero ter certeza.
    Quando entro com a purgação eu pago as parcelas e tudo mais só depois que o juiz da a causa como favorecida para mim?
    Existe alguma possibilidade de eu pagar os atrasados e não conseguir o meu carro? Estou com muitas dúvidas, como devo proceder.
    Eu não tenho como pagar tudo agora!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 06, 2013

      A pergunta é pertinente, apesar de não ter sido encontrado no local quando realizada a busca e apreensão, ainda assim existem outras formas de ser citado, como por exemplo a via de edital. Não tem como dar uma resposta precisa sem consultar o processo da busca, mas em princípio, se você entra com um pedido para purgar a mora diante da inércia do cartório em movimentar o processo é possível obter o deferimento para depósito, sobretudo se alegar que o banco dificulta o envio do boleto que é sempre certo neste caso. Ocorre que de posse do veículo a financeira já pode ter vendido ele aí só teria a ação de perdas e danos, antes de fazer qualquer coisa é bom consultar um advogado em sua cidade e ver se ele pode ver o processo diretamente no fórum para lhe dizer o que é mais adequado na sua situação.

    • tiago
      tiagoago 07, 2013

      Ola Rodrigo,
      Comprei um carro no valor de 19.000 mil e dei entrada de 8.000 e financiei 11.000 mil…
      desses 11.000 financiado ficou parcelas 48 fixa de 420,33, porem deixei 3 meses em aberto e venho pagando as demais parcelas correto… hoje consultei e vi que foi emitido a busca do veiculo, tem como recorrer?
      quando solicitei a copia do contrato me encaminharão com alterações tais como assinatura que desconheco e se calcular a parcela não corresponde com o juros efetivo cobrado exposto no contrato

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 07, 2013

      Pode acontecer a busca e apreensão, tente pedir os boletos das parcelas em atraso, do contrário terá que ingressar com uma ção para conseguir o depósito em juízo, inclusive mostrando que outros pagamentos estão regulares. Em relação ao contrato seria uma outra situação passível de revisional, em ambos os casos, deverá constituir um advogado para cuidar da situação que na iminência de ficar sem carro requer atenção especial.

  266. Jefferson Silva
    Jefferson Silvaago 06, 2013

    Dr. Rodrigo,
    Comprei um carro em 60 vezes e paguei 38 parcelas até agora, estava pretendendo entrar com uma ação revisional contra juros abusivos, sendo que meu carro está com busca e apreensão. É possível entrar com esse tipo de ação mesmo com o carro com busca?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 06, 2013

      Sim, é possível, consulte um advogado e exponha a situação da busca e apreensão.

  267. Marcelo Pimentel
    Marcelo Pimentelago 05, 2013

    Oi Rodrigo, estou com o seguinte problema, meu carro financiado está com muitas parcelas atrasadas. O endereço junto a unidade credora é Brasília, eles já fizeram busca e apreensão lá, porém não moro mais lá. Minhas dúvidas são, se eles descobrirem meu novo endereço (em outro estado), poderão solicitar a busca e apreensão neste endereço, mesmo sendo em outra cidade/estado? Além disso, pretendo pagar o valor negociado em breve, porém mais pro final do mês, por isso estou com medo de perder o carro nesse meio tempo. Por isso, gostaria de acompanhar de alguma forma quando vai sair a busca e apreensão aqui (se for sair) para que possa esconder o carro alguns dias até pagar o valor negociado, então eu te pergunto, onde e como eu faço pra saber se já saiu a busca e apreensão do veículo? Existe algum documento que mostra?
    Desde já muito obrigado pela informação.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 05, 2013

      Sim, podem solicitar precatória para cumprir onde mora atualmente. Se você pagar neste meio tempo um acordo com a financeira, ela mesma pedirá a baixa do processo de busca e apreensão. Para saber se saiu busca e apreensão em seu nome é simples, basta consultar no Fórum de sua cidade através do cartório distribuidor se há alguma ação contra você, geralmente é informado por telefone mas consegue tirar um extrato pessoalmente no cartório.

  268. Maria P.
    Maria P.ago 04, 2013

    Boa noite Rodrigo! Atrasei 3 parcelas do financiamento do meu carro e foi expedido e cumprido o mandato de busca e apreensão. Meu advogado nos orientou a pagar as prestações e os encargos dentro dos 5 dias previstos. Foi pago somente as parcelas atrasadas. O advogado da financeira recorreu e queria que fosse pago o restante da dívida e nesse meio tempo, tentei pagar a parcela atual no boleto para demonstrar boa fé e não consegui, pois a moça do banco diz que o carnê está quitado até 2015, sobrando 10 parcelas (as parcelas finais) e que foi dado baixa no dia 10/6 (segunda, o carro foi apreendido no dia 7/6, sexta). Cheguei a conclusão que o carro já foi vendido para terceiros e eles fizeram isso antes do prazo de 5 dias. Eles podem fazer isso? E agora depois de 2 meses o juiz decidiu que não preciso pagar a integralidade da dívida, que estou em dia com as parcelas e que o carro deve ser devolvido ou no caso da financiadora não estar mais em posse do bem, que eles devem me devolver apenas as parcelas que eu paguei desde o começo do contrato e o valor não chega a 6 mil. O carro vale 28 mil e foi financiado 16 mil, pois dei 12 mil de entrada. Está correto o andamento desse processo? Há mais alguma coisa que posso fazer? Pois o valor da entrada eu vou perder integralmente se eu aceitar somente os 6 mil. Obrigada!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 05, 2013

      Antes do prazo não poderia ser vendido, mas de qualquer forma, como você não quitou neste prazo de 5 dias também nada poderá fazer para reaver o veículo. No seu caso como o juiz disse que não precisaria pagar a integralidade da dívida, só lhe resta entrar com ação de perdas e danos contra a financeira porque ela vendeu uma coisa que não poderia ter vendido…

    • Maria P.
      Maria P.ago 05, 2013

      Hoje foi confirmado que o carro foi vendido em leilão por 15 mil e foi depositado em minha conta quase 14 mil. Não entendi esse depósito, pois liguei no banco e a dívida está paga. Isso é comum de acontecer?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsago 06, 2013

      São poucos detalhes para poder falar sobre a origem e motivo do depósito, aguarde mais alguns dias porque se foi depositado errado o banco corrigirá o erro com a reclamação da pessoa que depositou.

  269. Ademir de Mattos
    Ademir de Mattosjul 29, 2013

    Boa noite! Comprei um carro placa de Volta Redonda. Fui no cartório no dia 02/04/2012 e assinei o documento. Marquei a transferencia do veiculo para o dia 30/04/2012, no posto de Volta Redonda. No dia 27/04/2012 acabei batendo com o carro, então remarquei e realizei a transferencia (vistoria) para o dia 03/05/2012. Quando fui realizar a vistoria anual 2013 o DETRAN informou que existia uma restrição judicial e o mesmo informou que era porque tinha um processo de 2011(Execução de Título Extrajudicial – CPC) na 5ª vara Civel de Volta Redonda. Gostaria de uma ajuda. Atenciosamente.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 30, 2013

      Certamente o proprietário anterior do veículo sofreu uma execução e que acabou afetando o bem que está em suas mãos, você deverá constituir um advogado para embargar a execução e tentar demonstrar sua boa-fé na aquisição para levantar a restrição do veículo.

  270. Vitor
    Vitorjul 29, 2013

    olá,
    entrei com ação revisional para rever as parcelas do carro. Obtive a liminar para me manter na posse dele, mas o banco entrou com ação de busca e apreensão, conseguiu pegar o carro mesmo com a liminar. Consegui revogar a liminar, daí o banco entrou com recurso e só demorou mais ainda pra me devolver. Restou que ficou mais de 6 meses com o carro indevidamente.

    Tem como pedir danos morais por isso? o que devo alegar?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 30, 2013

      Tem, inclusive danos materiais se o carro veio com algum problema, tipo bateria, pneus, para saber o que alegar consulte o mesmo advogado da revisional que ele saberá melhor o caminho a ser adotado.

  271. Michele
    Michelejul 29, 2013

    comprei meu carro em 60x, hoje devo 26 parcelas, sendo que dessa 26 parcelas, esta em atraso 9x, e eles querem q eu pago essas 9 parcelas a vista, sendo q eu não tenho pois fiquei esse periodo desempregada, pediram ou p eu quitar essa divida, ou quitar o carro…ou devolver o carro para o banco…terceiros me informarão que depois desse periodo q eu paguei essas 34 parcelas, o banco não pode buscar, é verdade?
    me ajude, pois naum sei o q eu devo fazer

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 30, 2013

      Se devolver o carro para o banco será cobrada da diferença residual do contrato depois, porque não vende a dívida para outro banco e assim quita essa? É a solução mais adequada no seu caso, evidentemente se quiser manter o carro e ter menos dor de cabeça depois…

  272. neilza antunes
    neilza antunesjul 28, 2013

    boa tarde.hje veio um oficial de justiça fazer a busca e apreensão do meu carro,só que ele não prendeu,p que ele enganou de veículo ,mas antes de me procurar ficou denegrindo o meu nome na rua ,dizendo que iria chamar a policia para fazer prisão e outras coisas mais,isso tudo eu estava sem saber de nada pois até então ele não havia me procurado,fiquei muito constrangida quando soube através dos meus amigos,gostaria de saber se é correto ele fazer esse tipo de comentário antes mesmo de me comunicar?aguardo resposta.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 29, 2013

      Não é correto nem ético de um oficial de justiça fazer isso, busque um advogado e exponha a situação, é possível que caiba ações no civil e penal.

  273. Tiago Ribeiro
    Tiago Ribeirojul 25, 2013

    Dr. Rodrigo, alguns anos atrás financiei uma moto, após a sexta parcela não tive mais condições de continuar pagando, consequentemente o banco entrou com busca e apreensão. Por fim dois anos depois o banco fez uma proposta pois fiquei com a divida, notei que no boleto que me enviaram demonstrava que eu estava quitando da sexta até a ultima parcela do financiamento.
    A pergunta é… Se este documento informa que quitei todas as parcelas vencidas, o bem não deveria voltar para minhas mãos?
    Desde já agradeço, por favor responder por email se possível.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 25, 2013

      Não. Após o banco receber o bem na busca e apreensão deve aguardar 5 dias para ver se você quita o contrato, do contrário pode vender o bem. O que me parece é que o banco quer dar uma de espertinho, pois você pagando o débito todo, onde fica a diferença da moto que foi vendida em leilão ou particularmente? O banco poderia devolver no caso da quitação mas isso ele não vai fazer, pois com certeza a moto já está com outro dono, basta consultar o RENAVAN no site do Detran e constatar.

  274. Weberton
    Webertonjul 25, 2013

    Olá, meu carro estava com mandado de busca e apreensão, paguei a dívida, e apos 40 dias eu fui ao fórum tirar uma certidão negativa de tutela e a mesma deu positiva por causa dessa busca e apreensão, o que eu devo fazer para resolver essa pendencia. Passei em em um concurso e preciso ter meu nome limpo na justiça civil. Se puder me responder ficarei grato!!!!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 25, 2013

      Após 5 anos poderá pedir o direito ao esquecimento. Como está recente, acredito que apenas com mandado de segurança em caso de problemas com a banca examinadora. O problema civil a que se refere não é impeditivo para posse em cargo público.

  275. BUSCA E APREENSÃO DO VEICULO
    BUSCA E APREENSÃO DO VEICULOjul 25, 2013

    Dr. O veiculo no qual emprestei o meu nome deu Busca e Apreensão, já expedido o mandado.
    O que devo fazer pois não poderei saldar a divida de nenhuma forma porque para quem eu emprestei o nome para compra o carro está desempregado. E eu o que ganho e pouco apenas para meus sustento.
    O que devo fazer para devolver o veiculo e apenas ter saldo remanescente para pagar quando o veiculo for leiloado, isto e possível. O meu nome depois da devolução sairá do fórum, já que nunca tive meu nome envolvido em nenhum processo judicial.
    Qual a solução para o meu caso.

    Desde já Obrigado
    Márcia Sodré.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 25, 2013

      Seria aguardar a venda do veículo para saber se há existência de alguma pendência. De qualquer forma, uma vez apreendido o carro o processo é dado baixa e não ficará pendências no fórum, apenas entre as partes a depender de quanto o veículo for vendido.

  276. Fabio
    Fabiojul 21, 2013

    Olá, Dr. Rodrigo.
    O meu caso é o seguinte: tenho um carro financiado que está em nome de um parente.
    Devido a problemas de trabalho fiquei sem pagar algumas prestações e o banco entrou com pedido de busca do veiculo. Pois bem, corri atras e consegui levantar a quantia e paguei antes que o mandado fosse cumprido, tendo inclusive o oficial de justiça e o funcionário do banco ido até meu local de trabalho para cumprir o mandado, o que não aconteceu já que só então o banco informou que a dívida já havia sido paga. Constrangimento total mas resolvido. Então, como o mundo dá voltas, novemente tive problemas financeiros e não consegui pagar o financiamento. Novamente o banco solicitou a busca e apreensão e o mandado foi expedido.
    Até o presente momento não conseguiram localizar o veiculo porque mudei de endereço e o carro teve um problema e não está sendo usado, está parado.
    A pergunta é: o que devo fazer?
    O mandado já foi expedido há 8 meses, esse mesmo mandado foi juntado aos autos devido ao oficial não ter localizado o veiculo, foi solicitado um novo mandado e esse novo mandado foi expedido há 2 meses aproximadamente.
    Não sei o que fazer, devo entrar em contato para renegociar o contrato; entregar o carro amigavelmente; aguardar o arquivamento do processo (se é que isso vai acontecer) e negociar com o banco posteriormente.
    Gostaria da sua opinião.
    Obrigado.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 22, 2013

      Deve tentar pagar o atrasado para incidir na mesma situação anteriormente enfrentada. Entre em contato para renegociar, se informar o novo endereço ou local onde trabalha irá auxiliar o oficial de justiça. Se estiver muito além da negociação, tente vender a dívida para outro banco e renegociar as parcelas que fiquem adequadas ao seu padrão atual, entregar o veículo incidirá no caso muitas taxas e honorários advocatícios, o que pode fazer com que nenhum saldo seja positivo, ao entrar em contato com o banco, peça um boleto para quitação para saber o valor total que deve refinanciar com outro banco, se não valer a pena, entregar o bem pode ser o mais adequado e posteriormente aguardar o balanço final do financiamento.

  277. fabio jardim garcia
    fabio jardim garciajul 20, 2013

    Tudo bem Sr. Rodrigo,
    minha situação é a seguinte: Fiz a compra de um carro e o mesmo está no nome da minha tia, a mesma faleceu em fevereiro e quando efetuamos a compra foi feito um seguro caso ela viesse a falecer enquanto eram paga as prestações do carro. Como ela faleceu não foi mas paga as parcelas, comuniquei ao banco o falecimento e mencionei do seguro feito. Eles do banco estão me enrolando, me solicitando um monte documento para ver se vão pagar o seguro e assim quitar toas as prestaçoes do carro, só que ao mesmo tempo estão me ligando e cobrando as parcelas não pagas e assim me informaram que vão entrar com busca e apreensão do veiculo. SE vierem a apreenderem o veiculo o caso do seguro ser pago nao vai se a tempo ( prazo de 5 dias) para quitar a divida. Nesse caso nao sei qual procedimento tomar, quando eles apreenderem e deposi do prazo leiloarem o carro a divida zera? Eu ainda recebo o valor do seguro?! O valor do seguro feito era pago junto com as parcelas do financiamento.
    Fico no agaurdo.

    At.
    Fabio Jardim.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 22, 2013

      Neste caso precisa constituir um advogado para proceder com o inventário de sua tia, neste processo poderá o inventariante solicitar e representar contra o pagamento do seguro e requerer uma liminar para manutenção da posse do carro, depende mesmo é da análise do contrato de seguro realizado e quem são os inventariantes, ocasião que somente o advogado com os documentos em mão poderá melhor orientar.

  278. joao batista rezende
    joao batista rezendejul 19, 2013

    dr as prestaçoes que eu devia seria de 6200,eu disse que iria pagalas para mim ter o carro de volta,mas eles que q eu quite o veiculo,meu carro esta fazeno muita falta,dependo dele para meu trabalho,mim ajuda ai?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 22, 2013

      Depois que sai a busca e apreensão é quase impossível conseguir um acordo.

  279. joao batista rezende
    joao batista rezendejul 19, 2013

    dr tive meu carro preso, 5 prestaçao em atraso,fiz varias proposta de acordo com o banco ,i nao tive resposta nenhua,a as prestaçao somada foram de seis mil e duzentos reais,mas nao quis aceita,tem como eu consegui pegalo?meu prazo terminou hoje,o adv do banco nao entra em acordo algum,ele que q eu quite o carro,mas ainda falta 28000 mil reais,i ai o que faço?
    axo que tem algo a v com um processo que tenho contra eles,processei o banco porque devolveram um xeque meu irregular,foi devolvido por falta de fundo,quando eu tinha valor superior ao cheque do dia,axo que e marcasao,vc pode mim ajudar?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 22, 2013

      Pode ser, mas de qualquer forma, se for inviável financeiramente recuperar o veículo, deve ficar atento por qual valor ele será vendido para fazer o balanço final se haverá crédito ou débito do saldo financiado.

  280. Rodrigo Santos
    Rodrigo Santosjul 19, 2013

    Bom dia Dr Rodrigo,

    financiei um veiculo em 60 x e estou com 3 parcelas em atraso (a primeira com 82 dias), porém no dia 15/07
    minha irma efetuou o pagamento da parcela atual (07/2013), liguei no banco e eles não fazem a inversão dos valores, gostaria de saber se pode dar busca e aprensão.. e se tem um prazo pra que eles deem a busca e apreensao do veiculo…

    m,uito obrigado

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 22, 2013

      Pode dar busca e apreensão sim, tente negociar o pagamento da parcela em atraso porque a cada dia irá aumentar seu valor, não há prazo certo, por lei, um dia de atraso ja permite a busca e apreensão.

    • Rodrigo Santos
      Rodrigo Santosjul 25, 2013

      Rodrigo tenho mais uma duvida, quando a financeira passa o veiculo para busca e apreensao o juiz tem que assinar/ autorizar o mandado? quanto tempo leva para isso acontecer? obrigado mais uma vez

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 25, 2013

      Geralmente de um dia para outro o mandado já está na mão do Oficial de Justiça, certamente que deve estar assinado, salvo se tratar de assinatura eletrônica que é regida por lei própria. Daí o prazo do Oficial cumprir a busca é relativo, pois tem tantos outros para cumprir.

  281. Edson
    Edsonjul 19, 2013

    Bom dia!

    Caso eu comprar um veiculo com busca e apreenção e eu for parado em uma blitts e os policias constatar a restrição,eu corro risco de ser preso junto? ou so perdo o veiculo?

    muito grato.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 22, 2013

      Não corre o risco de ser preso, mas não é uma atitude inteligente adquirir um veículo com busca e apreensão, se o veículo estiver com queixa de furto com certeza terá mais problemas do que apenas ficar a pé.

  282. Émerson
    Émersonjul 19, 2013

    Olá bom dia Rodrigo,

    Parabéns pelas ajudas e esclarecimentos,também gostaria de um esclarecimento tenho um carro que foi financiado atualmente estou com 4 parcelas atrasadas recebi a notificação extra judicial de busca e apreensão,gostaria de saber se o banco tem o direito de retirar o veiculo somente em meu endereço ou em qualquer endereço ou local que o veiculo for encontrado.Por exemplo o contrato que esta no meu nome consta em meu endereço, o carro encontra se no endereço de minha mãe onde recebe correspondências o veiculo pode ser preso na casa dela ou não?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 22, 2013

      A notificação extrajudicial é o primeiro passo para constituir o devedor em mora, fique atento que logo em seguida virá o processo de busca e apreensão. Sim, o oficial pode pegar o carro aonde ele estiver e não apenas em sua residência.

  283. Tiago Maciel
    Tiago Macieljul 19, 2013

    Olá Rodrigo, estava vendo um post no seu site, a respeito de busca e apreensão, e gostaria de tirar uma duvida com o Sr, tive minha moto apreendida no dia 17/07, por uma oficial de justiça acompanhada de reforço policial na minha residência por volta das 6:40 da manhã, alegando no processo não pagamento de um determinado valor. No entanto a moto já encontrasse quitada desde 08/05 do presente ano. Já resgatei até o valor do fundo de reserva. Já entrei em contato com o meu advogado, mas estou em busca de novas orientações. Grato pela atenção

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 22, 2013

      Neste caso deve verificar com seu advogado qual a melhor forma de reparar os danos ocasionados pela financeira.

  284. Charles
    Charlesjul 18, 2013

    Bom dia.
    Tive meu carro apreendido no ano passado (julho), faltando 08 parcelas para conclusão do pagamento do financiamento, meu carro foi levado até Curitiba para um depósito, distante praticamente 800 km de minha cidade, enfim ficou praticamente inviável a busca da minha parte, pois não sei nem em que condições o veículo está depositado. Não tenho mais interesse em reaver o veículo por esse motivo. A dívida pendente era de 08 parcelas de R$ 587,00, e o valor do veículo de mercado é em torno de R$ 23.500. Gostaria de saber como reaver o valor restante, se tiver possibilidade e de retirar meu nome do SPC, visto que o bem (veículo) já foi apreendido.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 22, 2013

      Existe possibilidade de reaver o valor da diferença, bem como retirar o nome do SPC, deverá contratar um advogado para entrar com ação de prestação de contas, informar ao juiz todas as nuances deste caso e requerer a tutela antecipada para retirar seu nome do SPC.

  285. jeferson Dalmolin
    jeferson Dalmolinjul 17, 2013

    Boa tarde.
    Fiquei desempregado e no momento não tenho como pagar a parcela da moto que comprei. A quais recursos posso recorrer? Existe algum seguro pelo fato de ter perdido o emprego?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 22, 2013

      Existe um seguro mas precisa ver no seu contrato se ele foi contratado quando fez o financiamento, geralmente eles cobrem algumas parcelas quando você comprova o desemprego.

  286. emerson
    emersonjul 17, 2013

    bom dia! Rodrigo
    seguinte tenho um caminhao financiado no meu nome mas o proprietario é meu irmão,resumindo ele sofreu um acidente e ficou parado 6 meses atrazou 5 parcelas o fiscal da justiça feio prender o caminhão mas não deu o prazo de 5 dias simplesmente ele veio eprendeu nõa assinei nada levou o caminhão na hora,o banco não quis fazer acordo ou refinanciar as parcelas atrazadas,entrei c/ uma ação contra o banco,qual são as chances de conseguir alguma coisa? de refinanciar a divida e devolver o caminhão?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 17, 2013

      As chances são mínimas. Sugiro que pense em um plano secundário para comprar outro caminhão e trabalhar, pois neste caso terá que arcar com todo o contrato, geralmente quando o banco consegue apreender o veículo judicialmente, é muito difícil conseguir renegociar com eles, preferem vender do que lhe entregar novamente com um novo acordo.

  287. elton
    eltonjul 17, 2013

    Sr. Rodrigo, a partir de quanto (%) pago, não perco mais meu veículo para a financeira?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 17, 2013

      100%. Isso porque o banco fez negócio contigo de mútuo (empréstimo), o veículo apenas é a garantia do pagamento, por isso não existe segurança em relação a % de parcelas pagas.

  288. Marcos
    Marcosjul 16, 2013

    Boa Noite SR. Rodrigo!! bem, o meu carro deu busca e apreensão, vei um oficial de justiça e levou e disse que tinha 5 dias para resolver, bem ligamos para setor de cobranças aonde esta localizado o contrato, eles informaram que ia estudar o caso, isto na quinta feira, guando foi na sexta recebemos um email com uma duplicata com o valor das 5 prestações atrasadas já com seus honorários embutidos, para ser pago até terça feira, pois bem corremos atraz do real, e conseguimos, ligamos para eles dizendo que ia pagarmos o Boleto, e eles disse ok pode pagar que encaminharemos para o banco o pedido de liberação. e ai pagamos estamos com o recibo de pagamento, mas ligamos todos os dias para o escritório deles e disse que vai resolver e nada, fica numa mentirada só, passa pra um passa pra outro e nada, disse que isto não poderia ter acontecido, mas aconteceu, hoje já tem 12 dias de apreensão do veiculo, e não sei o que fazer, queria alguma sugestão sua neste caso, Obrigado desde já. marcos

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 17, 2013

      A questão é com o processo judicial, constitua um advogado e apresente o boleto da novação da dívida que é mais fácil conseguir a liberação por lá do que com o escritório de cobrança, não deixe passar muito tempo porque do contrário esse carro pode ser leiloado.

  289. Genivaldo e maria do carmo
    Genivaldo e maria do carmojul 16, 2013

    Fiz um consórcio de uma moto, atrasei alguns pagamentos e agora a dívida não pode mais ser parcelada, devido já está no judicial e não tenho como pagar a vista, mas ainda não recebi mandado de busca e apreensão, já foi notificado em cartório. Tem alguma medida que eu possa usar antes do mandado de busca e apreensão ser cumprido? Para evitar a apreensão da moto? Tenho condições de fazer o pagamento parcelado desta dívida, porém não aceitam mais negociações. O que fazer? Agradeço desde já!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 17, 2013

      Você pode pedir para que um advogado faça uma ação de consignação em pagamento e requerer ao juiz o depósito de todas as parcelas atrasadas, informe que o banco se nega a enviar o boleto para quitação, seria a parte mais adequada no presente caso porque com a quitação das parcelas com o depósito da consignação poderá obstar o cumprimento da busca e apreensão.

  290. Cleber Martins
    Cleber Martinsjul 15, 2013

    Comprei uma motocicleta em 48 parcelas e com 04 parcelas pagas fui roubado a mão armada, o roubo da mesma aconteceu no ano de 2010, de lá pra cá não paguei nenhuma parcela, já pensei em processar o estado pelo roubo, uma vez que o estado não me promoveu atendimento necessário, pois a guarnição da polícia militar se recusou a fazer ronda para tentar encontrar a motocicleta. o boletim de ocorrência não declarou que a minha esposa estava junto comigo no momento do roubo e as testemunha não foram ouvidas, e nem citadas no processo.
    o que devo fazer pagar todas as parcelas vencidas ou processar o estado. me dê uma luz.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 17, 2013

      Faças os dois. Mas o sucesso da demanda depende das provas que conseguir produzir.

  291. elton
    eltonjul 12, 2013

    olá Sr. Rodrigo, tenho uma moto financiada em 36x, jah paguei 30, porem recentemente, tive um grande prejuizo e existe 3 parcelas em atraso a primeira jah com 70 dias. tenho a intenção de pagar o contrato asssumido com certeza. existe a possibilidade de haver busca e ampreensão com 83% do veiculo pago?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 13, 2013

      Sim, existe e esta possibilidade decorre que você tem um empréstimo bancário, ou seja, o banco lhe deu dinheiro e você, para reduzir os juros do empréstimo, deu a moto como garantia, a moto pode sim ser objeto de busca e apreensão e se isso ocorrer você terá 5 dias para pagar todo o contrato remanescente e as custas e honorários advocatícios. Apenas 6 parcelas em atraso fica muito fácil pegar um CDC no banco e quitar tudo, isso nem vai precisar deixar a moto de garantia.

  292. Denis
    Denisjul 11, 2013

    Olá. Tenho um veículo que financiei em 2010. Em 2011 tive algumas dificuldades financeiras e o banco refinanciou o veiculo, mantendo o numero de parcelas e baixando o valor das parcelas. Agora em 2013 estou novamente passando dificuldades financeiras e não consigo pagar as parcelas do refinanciamento. A empresa que o banco contratou para realizar a cobrança fez uma proposta de R$ 6.800,00 para quitar o veículo. Tentei parcelar este valor, mas eles só fazem em 3 parcelas de R$ 3.333,33 (ou seja, aumenta para R$ 10.000,00). Tentei refinanciar o veículo novamente, mas eles não aceitam(acredito que seja porque hoje tenho o CPF restrito). Tem alguma outra alternativa para este meu caso? O fato de estar com “nome sujo” vai impossibilitar qualquer negociação que não seja a vista?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 13, 2013

      Faça um empréstimo bancário neste valor da quitação, fica menor os juros neste ponto. Ofereça o veículo como garantia ou faça a venda da dívida para outro banco, é a melhor opção para não ter dor de cabeça, nem custos adicionais com eventual busca e apreensão.

  293. Josenilton
    Joseniltonjul 10, 2013

    Boa noite!
    Gostaria antes de tudo lhes parabenizar por esse trabalho, ajuda a esclarecer muitas duvidas principalmente de quem não pode gastar com advogados.
    Eu financiei um veiculo em nome de minha empresa, porém devido a falta de serviços e outras dificuldades enfrentadas não estive mais condições de continuar agando o mesmo, porém na época da compra do veiculo eu havia feito dois consórcios com a mesma instituição financeira que quando as apertaram não pude continuar pagando também, pois bem, foram feitos dois consórcios que somados devem está em um valor aproximado de 13.000,00.
    O carro custou 29.900,00 dei de entrada 8.900,00, sendo financiado 21.000,00 sendo 48 X 742,00, sendo pago apenas 10 prestações ou seja 7.420,00 e no momento estou com 24 prestações em atraso e o banco pediu busca e apreensão mas o carro ainda continua comigo o que devo fazer? Entregar o carro amigavelmente ou ainda me cabe negociar utilizando o valor dos consórcios? Se é que é possível.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 11, 2013

      Até teria como negociar com os valores do consórcio, entretanto, a devolução dos valores do consórcio se dá ou pelo sorteio entre os excluídos ou no final do grupo, em até 60 dias. Certamente em breve receberá a visita desagradável do Oficial de Justiça para recolher o veículo, de qualquer forma você pode tentar um acordo com a financeira e tentar incluir esse passivo que tem pra receber do consórcio para amortizar as parcelas em atraso, mas acredito que é muito difícil de aceitarem a proposta, não custa tentar.

    • Josenilton
      Joseniltonjul 19, 2013

      OK! Muito obrigado!

  294. gisele
    giselejul 10, 2013

    Bom Dia, Rodrigo!

    Rodrigo o caso que está ocorrendo conosco é que meu sogro veio a falecer, ele tinha um CDC de carro, infelizmente sem nenhum seguro, porém, este carro foi feito em 48X parcelas e já foram pagas 22X parcelas, ainda não houve busca para o carro, minha dúvida seria… Será que existe a possibilidade de haver uma busca e ocorrer este caso mencionado por você: “Outra possibilidade é negociar com a instituição financeira a devolução amigável do bem (devidamente formalizado, pretendendo que a entrega amigável quite o contrato assumido), assim poderia evitar as despesas decorrentes do processo judicial e honorários advocatícios.” Afinal não temos condições para pagar e meu sogro se pensar no juros abusivo, ele já tinha pago o valor do bem através destas parcelas pagas. Aguardo sua resposta… É muito importante para nós sua avaliação. E agradeço pelo site, você faz um bem as pessoas que voçê nem imagina. Obrigada!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 11, 2013

      No seu caso vocês não herdam a dívida, o contrato pode ser resolvido, não há que se falar em despesas decorrentes de processo porque o carro está no nome do falecido, caso vocês venham a abrir um inventário (caso o sogro tenha deixado bens) a financeira poderá ingressar como credora e pedir o pagamento das parcelas do contrato, nem revisional do veículo vocês podem fazer nesse caso. Não tem nem como quitar o veículo (até tem), mas quem assinaria a transferência do documento?

  295. Lourdes
    Lourdesjul 09, 2013

    Boa noite! Tenho em meu estacionamento um veículo cujo dono sumiu há um ano portanto não paga a estadia do mesmo. Após diversas pesquisas, descobri que o carro está com busca e apreensão. Caso o oficial de justiça consiga saber que o carro está em meu estacionamento, ele poderá mandar retirar o veículo sem pagar pelo período que esteve estacionado? Tem alguma forma do veículo ficar comigo? Agradeço a atenção.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 11, 2013

      Sim, o veículo vai embora e o prejuízo fica, neste caso, você deve entrar com uma ação de cobrança contra a pessoa que deixou o veículo estacionado. Sugiro comunicar de alguma forma onde está o veículo para que evite qualquer problema futuro. Sim, para ficar com o veículo é só pagar por ele, seja através de acordo com a financeira, seja através do leilão.

  296. Paloma
    Palomajul 09, 2013

    Olá , Gostaria muito da sua ajuda , estou com 4 parcelas atrasadas do meu carro , e a instituição está informando que o carro irá entrar em busca e apreensão , como eu sei que o carro está realmente em busca e apreensão , receberei algum comunicado, e também gostaria de saber se tem direito em entrar com um processo contra o banco sobre juros abusivos do carro . pois fiz em 48 parcelas de 550,00 reais que dobrou o valor do carro , e já até procurei um advogado e eles falaram que o carro tem algumas taxas cobradas indevida , porém é necessário o contrato do carro e faz 2 meses que estou solicitando o contrato do carro e o banco nunca me enviou no meu endereço , sempre que ligo na central deles eles falam que foi enviado , mas até agora não chegou nada,falam que vão solicitar o envou novamente e tenho que aguardar um prazo de 20 dias , dessa forma sem o contrato do carro não consigo entrar com o processo contra a financeira , e não sei o que fazer , diante das circunstancias citadas acima qual a melhor forma de proceder com minha divida que está em atraso.Mas caso for pagar e não tenho condições de pagar o valor que a financeira está pedindo , tem outra saida.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 11, 2013

      Nenhum comunicado irá receber, apenas a surpresa da visita do Oficial de Justiça para pegar o carro, inclusive, se constar no mandado, pode até arrombar o portão (uso de força), para saber sobre a busca e apreensão você deve consultar todo dia no Fórum se há distribuição em seu nome, esta questão do contrato é complicada mesmo, tem que ligar diariamente solicitando e anotando protocolos, isso pode gerar até falha de prestação de serviços passível de danos morais (pelo menos no Paraná já tem até enunciado cível em relação a falha de atendimento decorrente de call center). Melhor forma de resolver é deixar a dívida em dia, nada impede ingressar com a revisional, se está muito oneroso o contrato, pode vender a dívida para outro banco e negociar condições melhores.

  297. Vânia
    Vâniajul 08, 2013

    Olá, gostaria de saber tenho 4 parcelas em atraso, liguei no setor de cobrança e negocie 3 parcelas e ela me disse q o veiculo esta com busca e apreensão, se eu for parada em uma blitz eles levarão o carro, tem como eu reaver o carro se isso acontecer mesmo eu tendo pago o boleto e ainda nao ter caido no sistema deles.E se o carro for apreendido eu tenho q pagar so as parcelas em atraso ou todo o contrato,e se for isso, nao tenho condições de pagar todo o contrato o que faço??
    Obrigada

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 11, 2013

      Não, a blitz não tem por finalidade recuperar veículos com busca e apreensão, ela apenas irá verificar se a documentação está correta. Constar ou não o pagamento no sistema deles já não é problema de quem paga mas sim operacional bancário, basta ter o comprovante com a autenticação do banco (ou lotérica) e já soluciona o problema. Sugiro que dê um jeito de deixar em dia para evitar problemas, pois ainda que das 4 parcelas apenas 3 estarem quitadas, ainda há o débito e não frustra a busca e apreensão.

  298. Vieira
    Vieirajul 07, 2013

    E assim, sei que, quando dá busca e apreensão tem que quitar todas as parcela vencidas ou não, mas nesse caso que a financeira me procurou e firmou um acorda comigo e cumpri devo ter certeza que não seria preciso pagar as não vencidas? pois, acho que se arrependeram desse acordo e estão me enrolando para mandar as custas até dar os 5 dias para resolver? outra pergunta esses 5 dias que tenho para resolver esse problema conta a partir da assinatura do juiz ou do cumprimento do mandado de busca e apreensão? pois hoje vence os 5 dias. Grato!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 11, 2013

      Começa a cumprir os 5 dias depois da sua intimação, exclui-se o primeiro dia, por isso, se pagou no mesmo dia o acordo, é possível frustrar a busca e apreensão, seu advogado deve informar no processo o que ocorreu e pedir a liberação do veículo.

  299. Vieira
    Vieirajul 07, 2013

    comprei um carro no valor de 19.000,00, dei 16.000,00 em dinheiro e financiei 3.500,00 pelo banco pecunia S.A., deixei 5 parcelas atrasarem, deram busca e a preensão no mesmo, no mesmo dia a financeira fez um acordo comigo, peguei as parcelas em atraso que eram 5, e ficaram de mandar as custas dos honorários dos advogados oque não aconteceu ficaram me enrolando, que poderia eu fazer juridicamente?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 11, 2013

      Tente comprovar no processo o pagamento do acordo e requeira a devolução do veículo.

  300. JOÃO
    JOÃOjul 06, 2013

    boa noite.

    TENHO UM FINANCIAMENTO DE UM VEÍCULO EM MEU NOME. PAGUEI ALGUMAS PARCELAS MAS ESTÁ ATUALMENTE COM UM ATRASO DE 19 ( EU DISSE DEZENOVE PARCELAS). NÃO TENHO RESTRIÇÃO EM MEU NOME POR ESSE ATRASO. ISSO É NORMAL?

  301. claudemir
    claudemirjul 02, 2013

    amigo comprei uma moto pelo bv dei 2700 e paguei 14 de 48 ai ja faz mais de anos q meu advogado botou na revisional e disse q nao era p pagar nada ai deixi rolar paguei o valor q ele me pediu ai fas uns 6 dias q deram busca e aprençao levaram minha moto queria saber se a revisional foi primeiro q a busca ai ele levaram tenho chances de reaver poque nos prosseços diz algo em torno de 5 dias e 15 dias tem como eu reaver este veiculo

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 02, 2013

      No Fórum que você reside poderá consultar seu nome no Cartório Distribuidor, lá eles informarão as duas datas que precisa, a da revisional e a da busca. De qualquer forma, comunique seu advogado que fez a revisional sobre a busca e apreensão para ele verificar qual medida deverá adotar para amenizar os problemas.

  302. sonir vanderlei schneider
    sonir vanderlei schneiderjul 02, 2013

    Qual é a possibilidade de reaver as parcelas pagas em um financiamento quando foi feita a busca e apreensão do veículo? Obrigado.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 02, 2013

      Acredito que a possibilidade é zero. Entretanto, você deve ter em mente que após a busca e apreensão a financeira irá vender o veículo em leilão, após isso saberá se você possui crédito ou débito perante àquela instituição, vai depender do prazo de financiamento e das parcelas pagas.

  303. Jhony
    Jhonyjul 02, 2013

    Bom dia,

    Por Gentileza, Eu tenho um financiamento de um moto, fiquei desempregado e acabou que deixei atrasar 7 parcelas a moto esta em busca e apreensão, o oficial de justiça foi fazer a apreensão da moto que esta guardada na casa de um amigo, a apreensão não foi concretizada, gostaria de sabe como resolver isso estou disposto a quitar as parcelas em atraso,gostaria de sabe se tem como isso ser feito ou tenho que quitar o financiamento todo, desde já muito obrigado.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 02, 2013

      Tem como ser feito mas você deve se entender com a financeira. Acredito que após o juiz conceder a liminar eles não negociem mais, sugiro que tente vender a dívida para outro banco, alongando o prazo e assim quitando a dívida anterior. Entretanto, caso consiga renegociar estas parcelas atrasadas com o banco, informe no processo a quitação para que suspendam a busca e apreensão.

  304. VALÉRIA ADRIANA DE LIMA
    VALÉRIA ADRIANA DE LIMAjul 01, 2013

    A UM ANO ATRÁS MEU CARRO FOI LEVADO POR BUSCA E APREENSÃO DEVIDO EU NAÕ CONSEGUIR PAGAR AS PRESTAÇÕES. ARRUMEI UMA ADVOGADA E JA FOI PASSADO PELO FORUM SEM NENHUM ACORDO, GOSTARIA DE SABER SE TEM COMO EU PAGAR A DIVIDA QUE FICOU PENDENTE. NO DIA ERAM 7.000,00, SERÁ QUE CONSIGO UM PARCELAMENTO???

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 02, 2013

      É possível, tudo depende de sua negociação com a financeira. De qualquer forma, tente vender a dívida para outro banco, não se esqueça de que quitando a dívida existente pode conseguir um desconto se ainda tem parcelas a vencer.

  305. Suzi
    Suzijul 01, 2013

    Se o meu veiculo entrar para busca e apreensão e eu não conseguir pagar no prazo de 5 dias, conseguirei tê-lo novamente? Neste caso consigo negociar a divida? Se não conseguir negociar e nem pagar vou ter que pagar as parcelas restantes (12) mesmo sem ter o veiculo?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjul 02, 2013

      Se o banco vender depois dos 5 dias você não consegue ver o veículo novamente, a não ser que você mesmo que compre ele em leilão. Negociar a dívida é bem subjetivo, algumas financeiras negociam, outras não, vai depender da sua proposta, pois eles agora é que estão na vantagem (já lhe tiraram o veículo…). Sim, terá que pagar as parcelas que faltam mas isso depende porque se o veículo for vendido a preço de mercado é bem possível que quite estas 12 parcelas e ainda lhe sobre algum dinheiro.

  306. Marcelo
    Marcelojun 27, 2013

    SR. RODRIGO,

    Boa noite, primeiramente quero parabenizar o senhor pelo belo trabalho e oportunidade de esclarecimento de muitos colegas aqui.
    Como muitos aqui, também venho através do seu site pedir orientação.
    eu adquiri um carro a traveis de um consorcio do bb no ano de 2011, venho pagando sempre todos mês, o consorcio e debitado automaticamente da minha conta e o valor da parcela e de 491.00 reais eu sempre deixo na conta 500.00 reais
    ate ai tudo bem nê,mais mês passado uma Empresa Terceirizada fez a cobrança de 3 parcelas em atraso ate ai eu não entendi nada falei pra eles que ia verifica no banco oque estava acontecendo porque eu estava pagando todo mês certo sem atrasa nada.quando tirei os extrato da minha conta dos mês passado tive uma surpresa o banco estava cobrando mais do que eu devia ele estava cobrado 501.00 no outro mês 504.00 é depois 506.00
    acabou ficando 3 parcelas em atraso de um certo modo eu não tive culpa porque eu estava todo mês depositando,mais aconteceu que de uma forma sem explicação o valor das parcelas estava aumentando
    mesmo assim tentei negocia a divida pois os juros estava auto e a Empresa Terceirizada não quis sede nenhum tipo de desconto e que eu teria que paga tudo avista!
    tentei negocia no bb mais eles não poderão fazer nada porque falarão que a divida estava com a Empresa Terceirizada e que eu tenho que negocia com ela ai fica aquele joguinho de um jogando para um lado e outro jogando para o outro.
    oque devo fazer nessa situação?

    grato pela sua atenção.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 28, 2013

      Tem duas opções, a primeira é entrar com uma ação de consignação em pagamento, mas isto, economicamente ficaria mais caro, entretanto daria uma lição na financeira e na assessoria de cobrança. Alguns Estados, como o Paraná por exemplo, entendem que se o banco nao envia o boleto para pagamento cabe danos morais. A segunda opção é você pagar o valor que pedem e entrar com uma ação contra o banco, já que a autorização para débito era dos R$ 491,00 iniciais, novamente, alguns Estados entendem que é falha na prestação de serviços e caberia além da reparação dos danos materiais a condenação em danos morais.

  307. Cristiane
    Cristianejun 27, 2013

    Olá Rodrigo, preciso de uma luz… Comprei um veículo de R$48.000, porém com a entrada, financiei só R$26.000 (com todas as taxas inclusas), em 60X R$777,05. Paguei 28 parcelas, porém não consegui colocar em dia as demais, pois quando entrava em contato com a financeira eles exigiam pagamento com juros muito altos, depois de 8 parcelas atrasadas a financeira entrou com busca e apreensão e levaram o veículo. Só que na petição inicial o valor devido é de R$46.000,00. Como pode isso, se financiei só R$26.000,00 (e já tinha pago quase a metade do financiamento)??? O que eu faço??? Mesmo que pudesse, teria que pagar o que pedem na inicial para recuperar o veículo???

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 28, 2013

      O valor da causa pode ser impugnação, há uma ação específica para isso e não há custas nem condenação em honorários, serve para corrigir o valor pois refrete nas custas processuais e honorários advocatícios, seu advogado contratado na defesa pode proceder neste sentido da correção. Pagamento deve ser apenas a diferença que faltou, se ainda tem interesse no veículo ou se já não foi vendido, você pode tentar vender a dívida para outro banco e assim ter um prazo melhor e condições para pagamento esticado. Se o veículo foi vendido não caberia pegar ele de volta, assim, neste caso, teria que ver qual foi o valor do veículo aferido em leilão para ver se no final terá que pagar ou receber a diferença desta operação.

  308. luciano
    lucianojun 26, 2013

    ola estou com um processo na justiça de revisional e o juiz me deu a eliminar para nao fazer busca do bem financiado. nao tenho nem uma parcela em atraso ele esta sendo pago em juizo. A financeira pode fazer busca do carro. mesmo eu tendo a eliminar do juiz. estou so aguardando a sentença. ja esta no gabinete do juis. e esta escrito no meu processo conluso para sentença. Ea financeira esta so me ameaçando que vao fazer a busca. e se eles mesmo com a eliminar que nao pode fazer a busca ,levar meu carro oque pode acontecer com a financeira? grato

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 27, 2013

      A financeira pode fazer o pedido de busca e apreensão, neste caso, assim que tomar conhecimento, deverá informar ao juiz que você possui uma liminar que lhe garante a manutenção da posse do veículo, isso deve ser feito imediatamente, há uma possibilidade de mostrar a liminar para o oficial de justiça e frustrar a busca e apreensão. O que pode estar ocorrendo é que o setor de cobrança não tem conhecimento da sua liminar porque são setores diferentes.

  309. mag marques
    mag marquesjun 25, 2013

    faz mais de um ano que eu não pago as parcelas do meu carro o que eu devo fazer?

  310. mag marques
    mag marquesjun 25, 2013

    gostaria de saber se posso renegociar as parcelas que estão em atraso

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 26, 2013

      Sim, pode. Caso a financeira crie obstáculos para isso acontecer, “venda” a dívida para outro banco.

  311. Hemerson
    Hemersonjun 25, 2013

    OLA RODRIGO,

    ESTOU COM MEU CARRO EM BUSCA..RESOLVI ESCONDE-LO ATÉ O FINAL DO CONTRATO,A MINHA INSEGURANÇA É SE VAO OCORRER ALGUMA AÇÃO PENAL CONTRA MIM,DE ROUBO OU ESTELIONATO OU ALGUMA COISA DESTA NATUREZA QUE ME PREJUDIQUE MORALMENTE,E QUAL É O PRAZO QUE ELES FICAM ATRAS DO VEICULO
    OBRIGADO!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 25, 2013

      Ação penal não incidirá no presente caso, entretanto, haverá restrição em seu nome, além do fato de que o processo pode ser convertido em perdas e danos e você ter bens penhorados, além da conta bancária. O veículo nunca será legalizado porque a financeira não dará baixa no gravame dele, o prazo da restrição em seu nome é o prazo legal de 5 anos.

  312. Marcelo Segredo
    Marcelo Segredojun 25, 2013

    Uma amigo meu teve o carro apreendido e alem disso ficou com uma divida enorme e sem o carro, abusrdo os juros praticados no nosso pais

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 25, 2013

      É o que ocorre quando o Governo incentiva o consumo desenfreado.

  313. fernando
    fernandojun 24, 2013

    Boa noite financiei um veiculo em 2009 em 60x de e atualmente estou passando por dificuldade financeira ja paguei 47 parcelas e o saldo devedor gira em torno de 7mil reais mas ja entrei em contato com o banco e eles falaram que não pode fazer nada esse valor com o que eu ja pauei vai dar o valor totar do financiamento. Se eu deixar de pagar é possivel fazer um acordo com o banco sem tem que dar busca e apreenssão

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 25, 2013

      Impossível, se deixar de pagar o banco irá ingressar com a busca e apreensão e a situação ficará pior. Estude a possibilidade de vender a dívida para outro banco, vá até sua financeira atual e questione quanto é para quitar o contrato, vá até outro banco e informe que precisa deste valor para quitação e negocie um novo contrato que possa pagar. Simples.

  314. Aldecir Mancini
    Aldecir Mancinijun 22, 2013

    Bom dia Dr. Gostaria de tirar uma duvida, tive meu carro apreendido ja tem quase dois anos o processo ja ta concluido, e nao tive condicoes de pegar nenhum advogado na epoca, pois o carro era o meio de trabalho, tinha ate pedido o boleto das parcelas ao banco pra pagar so que eles falaram que ia mandar na segunda e na sexta o carro foi apreendido, agora queria saber pois ligo na finasa financiadora e eles dizem que nao tenho contrato la, e me passam o numero de uma Acessoria de cobranca, porem na acessoria dizem que nao tem nada la, como faco agora pra saber o que tenho que pagar, as custas do processos e restante da divida, visto que o carro certamente nao quitou a divida.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 22, 2013

      Se não há contrato em aberto com a financeira e com a assessoria de cobrança, em tese, não tem com o que se preocupar. Lembro que a dívida prescreverá em 5 anos caso não tomem alguma atitude, se nem o banco e nem a cobradora consegue localizar, não tem com o que se preocupar, salvo se existir alguma restrição em SERASA ou SPC em seu nome, aí teria que tomar providências para solicitar exclusão.

  315. RITA
    RITAjun 20, 2013

    BOA NOITE SR.RODRIGO GOSTARIA DE UMA INFORMAÇÃO
    ENTREI NA JUSTIÇA CONTAR A MINHA FINANCEIRA TEM MAIS OU MENOS
    1 ANO E AGORA NO MÊS PASSADO ELA ENTRO COM BUSCA DO CARRO
    OQUE DEVO FAZER ?

    • RITA
      RITAjun 20, 2013

      SIM ESQUECI DE UM DETALHE EU JÁ TENHO PAGA 25 PARCELAS
      QUE DAR UM TOTAL DE 25,000,00 MIL PAGO E O CARRO FOI 27,000,00
      SEM O JURO DELES ?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 20, 2013

      Cada caso é um caso e o advogado que contratou deve estar mais habilitado para responder esta pergunta, pois teve acesso ao contrato e já tem tese defensiva no judiciário.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 20, 2013

      Deve informar seu advogado da possível revisional que ingressou anteriormente para tentar reunir os processos.

  316. MAY
    MAYjun 19, 2013

    ESTOU COM DUAS PARCELAS EM ATRASO COM QUASE 70 DIAS E A COBRADORA DISSE QUE IRÃO ENTRAR COM PEDIDO DE BUSCA E APREENSÃO. CASO EU NÃO CONSIGA PAGAR E MEU VEICULO FOR APREENDIDO, TEREI QUE PAGAR APENAS AS DUAS PARCELAS EM ATRASO OU TERMINAR TODAS AS PARCELAS 18 QUE FALTAM DO VEICULO?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 19, 2013

      Terá que pagar tudo, e inclui nessa despesa custas processuais e honorários advocatícios, tudo isso no prazo de 5 dias após a citação.

  317. Jefferson Leite
    Jefferson Leitejun 19, 2013

    Olá Sr. Rodrigo, antes de tudo que lhe parabenizar e agradecer pela oportunidade. Estou querendo comprar
    um carro na mão de um amigo meu que esta com o carro em BA, além de documentos atrasado no detran. Quero Sá ber se, quando eu comprar na mão dele o que devo fazer. Tem algum meio juridico que possa reverter a situação, ou seja. Entrar com uma ação para pagamento judicial, ou questionar o valor cobrado pela inicial da BA. E no caso de eu durante esse processo posso pagar as dividas do detran e poder usar o carro? Eu posso pedir alguma liminar para dar baixa na BA? Grato pela atenção!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 19, 2013

      Sinceramente, recomendaria fugir deste negócio. Por mais que possa parecer vantajoso, um carro em busca e apreensão sempre traz junto despesas ocultas, você além de ter que quitar, terá que pagar custas e honorários advocatícios do processo, no final a conta é matemática, se valer a pena, faça um acordo antes de fechar o negócio com o amigo. Dívidas do Detran não tem nada relacionado com o processo da financeira, é obrigação daquele que tem posse do veículo, pagando estas dívidas você não se livra da busca, isso só irá acontecer se fizer um acordo com a financeira e este seja homologado pelo juiz.

  318. Eduardo
    Eduardojun 16, 2013

    Tenho uma dúvida….Se eu comprar um veiculo em um leilão oficial da receita federal e o mesmo estar com gravame de uma financeira. A financeira pode recuperar o carro que já esta comigo e paguei para a receita federal ?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 16, 2013

      A Receita deve entregar o veículo livre de ônus, ou seja, sem nenhuma restrição.

  319. Mateus de Pietro Monte
    Mateus de Pietro Montejun 15, 2013

    Bom dia Rodrigo!
    Ontem aconteceu de o oficial de justiça vir realizar a Busca e Apreensão do Veículo de meu pai,
    Mas acontece que as parcelas que estavam atrasadas que originaram a busca e apreensão, já estavam pagas, e mesmo mostrando os comprovantes para o oficial, ele levou o carro,
    ele poderia ter feito isso mesmo? Pois tem mais 2 parcelas atrasadas, mas na liminar dele, informava que a BA era referente as outras 2 que já estavam pagas.

    Desde já grato.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 15, 2013

      Sim, o Oficial de Justiça pode e DEVE fazer isso, pois ele deve cumprir a determinação judicial, já pensou se todo Oficial questionasse as ordens judiciais? Busque um advogado e apresente os comprovantes pedindo a revogação da medida liminar já no próximo dia útil. Já sugiro tentar deixar em dia as outras duas que estão atrasadas.

    • Mateus de Pietro Monte
      Mateus de Pietro Montejun 15, 2013

      Vou orientar meu pai a fazer isso!

      Muito obrigado!

  320. João Carvalho
    João Carvalhojun 14, 2013

    Boa noite dr. entrei com duas ações de revisão de financiamento, a primeira de revisão de taxa no jec e a segunda de revisão de juros na VC após dois meses da distribuição o processo nao andou (solicitei a manutenção do bem), havia duas parcelas vencidas que a BV se recusava a receber o cliente acabou atrasando mais duas, a BV entrou com uma ação de busca apreensão e o juiz concedeu a liminar, e no mesmo dia deu um despacho alegando que não é devido a manutenção da posse do bem. O que o Dr. recomenda fazer ? Estava pensando em propor dois agravos de instrumento um na não concessão da manutenção da posse do bem, e outro pela bv se recusar a receber as parcelas devidas, foram pagas 17 parcelas de 60, (valor do financiamento é de 31.000) a BV requereu 35 mil na busca e apreensão. Qual é a melhor opção para o cliente ? Obrigado

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 14, 2013

      É o caminho do agravo de instrumento, verifique o posicionamento do Tribunal para buscar o resultado esperado. Quando a financeira se recusar a receber é melhor entrar com a consignação em pagamento, ali é bem mais fácil conseguir uma liminar. Verifique se no processo que foi deferida a liminar tem a notificação formal da mora do devedor.

  321. Atais Ribeiro do Nascimento
    Atais Ribeiro do Nascimentojun 11, 2013

    Olá Dr. Rodrigo,
    Tenho uma moto que foi adquirida através de consorcio pelo valor de R$ 8.500,00. Desse valor restam R$ 1.600,00 para quitar a divida. Acontece que as parcelas restantes estão todas vencidas e a administradora do consorcio se recusa a fazer um acordo, exige receber o valor a vista ou nada feito. Gostaria de saber se com 80% do bem pago, pode sair um mandato de busca e apreensão e se eles podem se recusar a fazer um acordo, pois não estou me negando a pagar, só não tenho condições de pagar a vista o restante. Grata pela atenção!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 11, 2013

      Com 99% da dívida paga pode sair busca e apreensão, o que precisa ter em mente é que o consórcio também se presta como um empréstimo, ainda mais quando contemplado e o veículo é a garantia de que será pago. Eu recomendaria fazer um empréstimo e quitar o consórcio, do contrário além do prejuízo de ficar sem a moto, terá que pagar custas processuais e honorários advocatícios.

  322. Bruno
    Brunojun 08, 2013

    Boa noite Rodrigo,

    Gostaria de saber se o carro com emissão de BA tem como ser feito a vistoria e o pagamento do IPVA e se o qualquer blitz pode reter o carro, visto que o mesmo esta com BA emitido…

    Desde já obrigado.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 09, 2013

      Pode ser feito vistoria e pagar o IPVA sem problema algum, blitz policial apenas verifica a regularidade dos documentos, como o licenciamento obrigatório e o seguro DPVAT, a busca e apreensão não tem cadastro em rede nacional como o caso da INFOSEG.

  323. sidnei barbosa
    sidnei barbosajun 08, 2013

    tenho um GOL G4 FINANCIADO EM 60 MESES JÁ PAGUEI 27 PRESTAÇÃO ESTOU COM 4 EM ATRASO O BANCO SEMPRE NEGOCIOU COM MIGO, AGORA BATI O CARO COM PERCA TOTAL E AGORA PROPUS EM PAGAR DUAS ESTE MÊS E AS OUTRAS RESTANTE O MÊS QUE VEM ,ELES QUEREM QUE EU PAGUE TUDO DE UMA VEZ QUE EU FAÇO OBRIGADO

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 09, 2013

      Se não pode pagar, vai fazer o que? O banco precisa entender que a garantia também não existe mais, conversar será a solução até que entrem contra você para cobrar o valor da dívida.

  324. roberto nunes
    roberto nunesjun 07, 2013

    meu amigo esta com a seguinte situação ele comprou um carro que estava com as prestação atrasadas e tava negociando com o banco para quitar as mesma, mais saiu a busca e apreencão do veiculo e a o banco saiu a quitação total do veiculos e ele quitou mais a busca ainda esta no detran o que faço.neste caso.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 07, 2013

      Deve buscar um advogado para pedir a revogação da liminar e o desbloqueio da restrição no Detran.

  325. Ricardo
    Ricardojun 06, 2013

    Boa noite SR. Rodrigo.

    Em 2009 comprei um veiculo financiado, no final do mesmo ano parei de pagar, desde então venho fazendo contato
    com a financeira para tentar um acordo e nada. Pois bem no dia 29 de abril de 2013 ,um oficial de justiça e um advogado, vieram na minha casa e apreenderam o meu carro. No dia seguinte eu estava no escritorio de advocacia que representa o banco, para negociar o meu contrato; consegui um valor de quitação e efetuei o pagamento que o banco pediu, uma semana depois fui retirar o meu carro e simplesmente ele esta depenado, trocaram os pneus, a bateria, o farol, extintor, a tampa de som no porta malas e o carro não liga. E para minha surpresa hoje fiquei sabendo atraves do banco que meu carro foi colocado a venda ontem, liquei para o escritorio e a advogada me informou que não procedi a informação. Me ajuda pois estou me sentindo roubado meu veiculo saiu da minha casa andando e hoje ele não anda.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 07, 2013

      Situação é simples, entre com uma ação de perdas e danos contra o banco, levante o orçamento do conserto do veículo e cobre na justiça, se houve dano moral, este deve ser provado, se houve negligência na entrega do bem, também cabe pedido de reparação, é relativamente simples a situação, só leva tempo para resolver porque o judiciário está abarrotado de processos de toda natureza, busque um advogado, não recomendo ir sozinho ao juizado…

    • Ricardo
      Ricardojun 07, 2013

      Obrigado pela orientação

  326. Lucas Motta
    Lucas Mottajun 05, 2013

    Sr. Rodrigo

    Tenho um peugeot 206 desde 2009 pagamdno, ja renegociei o contrato ano passado, sendo que esse ano atrazei 3 parcelas e recebi uma ligação dizendo que meu carro ja esta em busca e apreensao, o carro nao se encontra mais no endereço de cadastro, se eu nao entregar o veiculo oq acontece?

    Desde ja agradeco

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 05, 2013

      Converte-se o processo em perdas e danos, sairá mais caro para você e na primeira oportunidade que for visto o carro desfilando pela rua será apreendido pelo oficial de justiça.

    • Lucas Motta
      Lucas Mottajun 05, 2013

      Tem risco de prisão ou algo do tipo

    • Tiago Messias
      Tiago Messiasjun 06, 2013

      kucas qtas parecela vc jah pagou? vc passa o carro??

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 07, 2013

      Risco de prisão não tem, só mesmo restrições financeiras.

    • Lucas Motta
      Lucas Mottajun 12, 2013

      Conta salario pode ser bloqueada por causa disso?
      grato

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 12, 2013

      O juiz não sabe quando se trata de conta salário, isto deve ser informado por quem sofrer o bloqueio através de advogado com petição devidamente instruída de documentos. Em alguns Tribunais, no Paraná, por exemplo, pode ser penhorado até o limite de 30% do salário caso não tenha outros bens para penhora.

  327. Marcos Vitor
    Marcos Vitorjun 05, 2013

    SR. RODRIGO,

    Boa noite, primeiramente quero parabelizar o senhor pelo belo trabalho e oportunidade de esclarecimento de muitos colegas aqui.
    Como muitos aqui, tambem venho atraves do seu site pedir orientacao.
    Sou um pequeno empresario, tenho um pequeno caminhao aonde dia apos dia lutava para pagar as prestacoes do caminhao financiado pelo Itau-finame ,alienação fiduciária, e por motivos maiores deixei de pagar as prestacoes, aonde foi efetivado a busca e apreensão do veiculo.
    No dia seguinte a apreensao do mesmo, levantei o valor a qual estava sendo cobrado, que seria os debitos atrasados no documento que o oficial de justica a mim foi apresentado, ao negociar com a empresa de advogados que presta servico ao banco, fui informado que a minha proposta amigavel de liquidar os debitos, nao foi aceito pelo banco, e que eu teria que pagar o valor integral para rever o bem.
    Sendo assim, fica inviavel a quitacao total do bem que esta em 80 mil, aonde ja se foi pago 38 mil.
    Nesse caso, nao vejo outro caminho, a nao ser com assessoria juridica.
    Sendo assim, existe alguma esperanca de reaver o bem, tendo os valores atrasados para a quitacao ou vou ter que pagar a integralidade da dívida, que seria um pesadelo.
    Busco a melhor solucao possivel, ja que e a minha unica ferramenta de trabalho,
    Agradeco muito ao senhor se poder me mostrar uma luz.
    So desejo reaver o bem, poder trabalhar e pagar as minhas contas.
    Desde ja, muito obrigado.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 05, 2013

      A determinação em lei é para que seja efetuado o pagamento do contrato em sua integralidade dentro do prazo de 5 dias da busca e apreensão, em relação à isto não tem o que fazer, como já dito por aqui antes, o negócio do banco é dinheiro e não veículos, então ela se aproveita da situação de busca e apreensão porque em 5 dias poderá vender o bem para quitar o contrato. Como empresário deveria ter feito o leasing, que na devolução do bem quitaria o contrato e não ficaria com a dívida. O que poderia ser feito é um empréstimo com seu banco para quitar o contrato, é uma alternativa, do contrário terá que saber por quant o caminhão foi vendido para ver se tem direito a crédito ou débito remanescente. Não pagar as parcelas é sempre a pior solução, prevendo problemas financeiros, poderia ter feito uma renegociação com a financeira para poder estender o prazo e diminuir as parcelas, mas agora com a posse do bem pela financeira após 5 dias ela não tem obrigação para fazer acordos já que a venda do bem provavelmente quitaria o contrato.

  328. Alessandro Santos
    Alessandro Santosjun 04, 2013

    Sr. Rdrigo,
    Boa tarde ! gostaria de maiores informacoes sobre veiculo ja apreendido.
    Faz 3 dias uteis que o veiculo esta apreendido, e ao negociar o pagamentos dos debitos atrasados a instituicao financeira exige o pagamento integral. sendo que, ja esta em maos os valores a qual o veiculo foi apreendido.
    Nesse caso como proceder de forma legal ja que a forma amigavel foi negado ?
    Grato pela oportunidade de esclarecimento.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 04, 2013

      Uma forma legal de efetuar o pagamento que entende correto é a consignação em pagamento com pedido de antecipação de tutela para impedir a venda do veículo pela financeira, entretanto, é necessário pedir para o juiz deferir o pagamento e você terá que depositar para conseguir uma liminar. Não dá efeito prático algum se não houver ilegalidade no valor solicitado pela financeira. Solução adequada seria buscar novo empréstimo para quitar a dívida deste processo, nada impede que você entre com uma revisional posteriormente se achar que foi muito abusivo o valor cobrado.

  329. Thiago Silva Neves
    Thiago Silva Nevesjun 03, 2013

    Boa tarde Rodrigo, venho aqui solicitar um esclarecimento, tenho um consorcio com 85% de parcelas pagas, porem a 7 meses estou em atraso uma vez que perdi o emprego e por enquanto não consegui me regularizar, o banco esta pedindo o pagamento em atraso a vista para que fique tudo bem, porem, devido ao desemprego ainda não tenho essa condição, por a caso haveria alguma forma de ingressar com uma ação, para assim tentar evitar temporariamente a busca e apreensão, para que eu consiga o respectivo dinheiro???

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 03, 2013

      Considere um pedido de empréstimo para quitar esta dívida alienada, assim, caso fique inadimplente no empréstimo não terá o carro como garantia e evitará nova busca e apreensão, fora que no empréstimo poderá negociar uma parcela que pode pagar neste momento até pensar em quitação antecipada.

  330. Flávio
    Fláviojun 03, 2013

    Bom dia. Tenho um débito de emprestimo pessoa fisica com Bradesco, que ajuizou uma ação de cobrança, e penhorou o meu carro, onde hoje sou fiél depositário… meu carro é financiado pela BV… como falta metade do contrato e isso é maior do que o próprio valor do veiculo hoje, se eu deixo de pagar as parcelas do carro vai ter busca e apreensão… até aí sei que vou continuar devendo a financeira do carro, mas qual o problema legal que posso ter com o Bradesco que penhorou o carro? sei que essa penhora dá ao banco a preferencia do bem quando eu terminasse de pagar, mas se não pago entendo que a preferencia é da financeira do veiculo, correto? Eu simplesmente ficaria devendo o banco e a financeira ou posso ter um problema maior que isso? A situação é que não tenho condição de pagar nem o banco e nem as prestações do carro, não tenho nada no meu nome… eu trabalho registrado, eles podem mexer no meu salario? Obrigado por ajudar a todos sanando nossas duvidas!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsjun 03, 2013

      Acredito que a penhora é para o caso de ser vendido o bem após quitação, geralmente não é pedido gravame de bem alienado justamente por não ser garantia hábil de execução, mas como pediram, caso deixe de pagar e o banco vier a buscar e apreender o veículo poderá responder criminalmente pelo fiel depositário, smj, em relação ao salário, o Tribunal de Justiça do Paraná entende que frustrada a execução em todos os meios possíveis, seria viável a penhora de percentual do salário.

  331. Camila
    Camilamai 29, 2013

    Boa tarde.
    Meu carro foi apreendido ontem…
    Como faço agora?
    Eu nao tenho como pagar…
    Att
    Cintia

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 30, 2013

      Se não tem como pagar não há muito que se fazer a não ser esperar o fim do processo para saber se tem crédito ou débito em seu favor ou desfavor.

  332. DENISE
    DENISEmai 28, 2013

    olá dr. Rodrigo,meu carro está com busca e apreensão,só que eles não tem meu endereço,fizeram uma Petição de Diligência em Novo Endereço,ja está com Mandado Expedido ,desde 12/04/2013,não tem acordo com a financeira de forma alguma,agora eles me ligaram e falaram que se quitasse o carro as prestações sairiam por 651,00 sendo que a real é $1451,79,mas só se for para quitação bem explicado,pq eles não aceitam então esse acordo p/ que eu continue pagando.Tenho um filho especial que faz tratamento na AACD e uso o carro p/ leva-lo mesmo assim eles podem tomar o carro?
    sem mais obrigada

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 28, 2013

      Sim, podem levar o carro, como já respondido em outras oportunidades, o que você fez foi um empréstimo e deu o carro como garantia, tente vender a dívida para outro banco e assim renegociar o prazo e a parcela, é uma alternativa.

  333. Maurício Cunha
    Maurício Cunhamai 28, 2013

    Boa Tarde Rodrigo,

    Estou comprando um carro que está com parcelas em atraso, como faço pra saber se já está com busca e apreensão? se não estiver, como que funciona esse processo do banco solicitar a apreenção? Como fico sabendo que foi distribuido o mandado e quanto tempo demora pra o juiz mandar apreender?
    Muito Obrigado?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 28, 2013

      Sinceramente é um péssimo negócio, mas se ainda quer tentar a sorte, sugiro que ligue no banco e já negocie uma forma de por em dia e transferir para seu nome, se já está em busca e apreensão você saberá dando o nome do cidadão que fez o empréstimo e poderá ver o tamanho do problema que estará adquirindo, e em relação à tempo, no mesmo dia que chega o pedido pro juiz é emitido o mandado de busca e apreensão, vá ao fórum e consulte que fica mais fácil você ver a situação.

  334. Geraldo
    Geraldomai 27, 2013

    Rodrigo, boa noite! Entrei com a revisional em dezembro de 2012 e o advogado disse que eu poderia deixar de pagar as parcelas até o juiz se posicionar. Fiquei sossegado, mas sexta-feira dia 24/05/2013 o oficial de justiça procedeu a busca e apreensão. Quero pagar a dívida pendente, mas a BV financeira diz que só soltará o boleto quando os advogados (contratados pela BV) e eu assinarmos uma petição pedindo a extinção do processo de busca e apreensão tendo em vista a quitação do valor pendente. Mas como os advogados vão assinar uma coisa sendo que eu não paguei? e a BV diz que só dará o boleto depois das assinaturas. Existe a possibilidade de eu fazer esse depósito em juízo e levar o comprovante ao escritório contratado pela BV? Imploro uma resposta sua porque de fato não sei o que fazer e o prazo está correndo.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 27, 2013

      Se você entrou com a revisional, pergunte ao seu advogado se ele requereu a manutenção da posse, veja se foi concedida a medida liminar, se foi feita a busca e apreensão é porque ela foi ajuizada depois do seu processo, isso gera conexão devendo o processo ir para a primeira vara distribuída, é preciso informar ao juiz imediatamente sobre a situação. É possível fazer o acordo de pagamento, é possível também fazer o depósito em juízo mas isto você já deveria ter solicitado no seu processo de revisional, como você tem advogado, deve conversar com ele a melhor forma possível de amenizar esta situação, se perdeu a confiança nele, deve buscar outro patrono.

    • Laurene Reis
      Laurene Reismai 27, 2013

      Amigo, seu advogado não agiu da forma correta, primeiro nunca deveria ter deixado de pagar as parcelas, mesmo se pagasse em juízo a cobrança continuaria, seu nome ainda negativado e o processo de busca e apreensão estaría em andamento. Enfim o banco teria todo direito de reaver o bem, mas nada está perdido. Assine a minuta, desistindo da revisional e solicite desconto na multa e mora 100%. voce pode reaver seu bem desta forma

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 27, 2013

      Só a ressalva de que o pagamento em juízo garantiria a manutenção da posse, depende do que é pedido na inicial de revisional.

  335. Gutemberg
    Gutembergmai 27, 2013

    Sr. Rodrigo, Bom dia!

    Gostaria de uma possível orientação sua. Financiei um veiculo no valor de 22.000,00 em 48 parcelas de 765,00 e as quais até o mês de fevereiro de 2013 vinha conseguindo pagar normalmente, mas tive algumas dificuldades e acabei atrasando 3 parcelas. Tentei e estou tentando fazer um acordo de quitação com o banco oferecendo 5.000,00 “dinheiro conseguido com ajuda de amigos” e o Itau somente aceita 8.290,00 como valor de quitação. Não tenho como continuar pagando as parcelas e também não posso refinanciar e nem ficar pagando outras parcelas, ou seja, preciso quitar o contrato e não posso ficar sem o carro, como devo proceder, procurar uma ajuda judicial? minha preocupação é o banco dar busca e apreensão, pois o banco esta irredutível.

    Antecipadamente, Obrigado!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 27, 2013

      Neste caso você poderia constituir um advogado e fazer uma ação de consignação em pagamento, seria uma alternativa para quitar o contrato com o preço que entende correto, neste caso, deverá apresentar um cálculo para o juiz e pedir autorização para depósito e seguidamente a manutenção de posse por estar discutindo o contrato. Terá os gastos de custas judiciais, salvo justiça gratuita e os honorários do advogado.

  336. Ana Cláudia
    Ana Cláudiamai 27, 2013

    Bom dia, sr. Rodrigo;

    Gostaria de esclarecer uma dúvida, tive um acidente á pouco tempo e o carro deu perda total, daí fiquei sem pagar as parcelas, gerou uma busca e apreensão, mas o oficial não consegui dar prosseguimento a busca, uma vez que eu não resido mais no local, dai entrei em contato com o escritório e pedi a quitação, mas eles falaram um valor muito alto do q tinha em mente, dai passei o endereço certo da minha residência… quero saber se a ação prosseguirá ao se extinguirá com resolução do mérito, e também se fiz em sua opinião a escolha certa ao invés de esconder o veículo.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 27, 2013

      Se o carro deu perda total não há nem o que se falar em frustrar a busca e apreensão, neste caso o processo poderá ser convertido em perdas e danos, a questão ficará no que é devido, já que a sucata pouco vale para vender e abater a dívida.

  337. rodrigo
    rodrigomai 26, 2013

    Olá, comprei um veiculo em um leilão público em 2011, fiz a transferência para meu nome normalmente, b normalmente, mas esse ano ao tentar fazer a vistoria anual, fui surpreendido por uma restrição judicial (ação de busca e apreensão protocolada em 2008 pela financeira), como devo proceder ?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 26, 2013

      Entrar em contato com a financeira e comprovar a compra por leilão, se ela não proceder com a baixa da restrição, deverá constituir um advogado para requerer que o faça, inclusive, penso eu, que neste caso, caberia incidência de danos morais.

  338. Cilene
    Cilenemai 26, 2013

    Boa noite, tenho um familiar com um problema com busca e apreensão de seu veículo e três advogados deram informações divergentes. Ele comprou um carro financiado e pagou mais de 70% do número de parcelas, e está com 6 parcelas em atraso. O carro vale hj no mercado aproximadamente 14.000,00 e foi pago 19.000,00 das prestações. Essa semana ele pesquisando na internet viu que tem busca e apreensão. Bem, um advogado orientou-o a esconder o carro, pois o oficial só iria apenas uma vez cumprir este mandado, que dpois disso iria para o juiz onde o mesmo teria sido citado e, que neste caso iria discutir juros abusivos. Outro orientou-lhe a devolver amigavelmente o bem. O terceiro informou-lhe que pela teoria do adimplemento substancial ele não poderia ter o veículo apreendido, pois o bem já estaria pago pelo valor que ele já efetuou de pagamento, que o que ainda tem são juros, e que estes devem ser pagos através de um acordo, da forma que ele puder pagar, mas que de forma alguma poderia ter o bem apreendido. Agora uma dúvida que tenho, no caso dele esconder o veículo, sendo depositário fiel, não poderá trazer-lhe algum problema na esfera criminal?
    Desde já agradeço a atenção.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 26, 2013

      Se o bem não for encontrado (veículo escondido) após a citação, poderá o banco requerer a conversão da busca e apreensão em perdas e danos, devolver o veículo faltando poucas parcelas é loucura, renegociar é a melhor forma possível de se resolver a situação, frustrando a busca e apreensão a financeira se vê forçada a buscar um acordo, se ela conseguir localizar o veículo, inverte-se a situação.

  339. Andreia
    Andreiamai 25, 2013

    Bom dia Rodrigo!
    Gostaria de sua ajuda! Meu veículo foi apreendido em 16/04/2013 devido a débito de 4 parcelas do financiamento. Imediatamente entrei em contato com a empresa Cobradora do Banco e renegociei a dívida vindo a pagar em boleto no dia 16/05…Até agora estou sem o veículo e sem nenhuma informação do mesmo…A empresa está me enrolando…Gostaria de saber como se dá a entrega do veículo, o que de fato devo pagar para liberação do veículo e pq está demorando tanto para resolver. No mais agradeço!!!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 26, 2013

      Dependendo do caso, se foi apreendido pela via judicial, acho difícil reaver o veículo sem quitar o contrato, pois você renegociou a dívida depois da apreensão.

    • Adriano Carlos Barroso da Fonseca
      Adriano Carlos Barroso da Fonsecamai 26, 2013

      No dia 08 de abril de 2009 tive um siena adquirido em maio de 2008 sujeitado a busca e apreensão, veiculo este financiado pelo banco santander. Não tive como continuar pagando tentei a devolução amigável mas nao foi aceita. O veiculo já foi leiloado e hoje uma empresa terceira vem me cobrando o saldo devedor sem me prestar nenhuma satisfação sobre a transação de leilao me obrigando a pagar o que ficou de divida.
      O que devo fazer?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 26, 2013

      Buscar informações com a financeira responsável pelo empréstimo e não com terceiros, tem também a possibilidade de ajuizar uma demanda contra o banco para prestar informações e assim saber exatamente o que é devido, pode ser que haja, inclusive, crédito, para isto busque um advogado.

    • Laurene Reis
      Laurene Reismai 27, 2013

      Claro que tem como reaver o bem, depois q paga o boleto de atualiação, após 05 dias úteis você pode entrar em contato com assessoria de cobrança, solicitar ao advogado responsável pelo seu caso entrar em contato com o patio que encontra seu bem, e reaver o bem, após assinará o TERMO DE RESTITUIÇÃO.
      Procure a ASSESSORIA que negociou este boleto, pois o valor esta parado na conta deles, e devem repassar o valor se HO para o BANCO

  340. Isabel Cristina
    Isabel Cristinamai 24, 2013

    Bom dia, financiei um carro em leasing e já paguei 17 prestações de 60. Meu marido ficou desempregado a alguns meses e as parcelas se atrasaram ficando 3 em aberto mas sempre estou pagando uma para não interar a terceira.
    Só que ao ligar ontem na financeira fiquei sabendo que o meu carro está com busca e apreensão e me deram o número do advogado deles pra eu ligar. Disseram ainda que tentaram falar comigo e não conseguiram.Eu não recebi nenhuma ligação.
    Ligando pro advogado descobrí que está mesmo com busca e apreensão e se pegarem o meu carro tenho que quitar todas as parcelas. meu carro está em outra cidade pois meu marido está trabalhando fora. devo entregar o veículo?vou conseguir o dinheiro pra quitar as 3 parcelas atrasadas em 30 dias no máximo. posso não entregar o veículo e esperar pra quitar? o escritório já tem ciência disso. tem algum problema eu esconder o mesmo?Se pegarem depois não tenho como reavê-lo e ainda vou perder o meu dinheiro. O que devo fazer?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 24, 2013

      Neste caso, como fez leasing, só terá que quitar se quiser continuar com o carro, pois na modalidade leasing a simples entrega do veículo desonera o devedor das demais parcelas. Se você pagar as parcelas em atraso antes da citação vai frustrar a busca e apreensão, se entregar o carro voluntariamente antes da citação conseguirá se livrar da dívida e do processo de busca e apreensão.

  341. romulo
    romulomai 23, 2013

    Olá eu perdi meu veículo hj por estar com documento aytasado.mas ele está em busca e apreensão. Se eu pagar os ipvas e multa eu consigo tirar do deposito?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 24, 2013

      Sim, você consegue tirar, se o Oficial de Justiça souber onde está localizado o veículo poderá apreendê-lo antes da sua retirada.

  342. eduardo
    eduardomai 23, 2013

    Bom dia,

    Eu passei um carro financiado para outra pessoa, mas o mesmo não passou para o nome dele ele pagou 5 parcelas mas agora já está com 3 atrasadas. Fui atrás dessa pessoa mas ele se mudou e ninguém sabe para onde. O que devo fazer ? Devo fazer um BO ? Como devo registrar esse BO ? Posso pedir o bloqueio do veículo no DETRAN ?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 23, 2013

      Sim, deve comparecer na delegacia de polícia civil e informar a ocorrência, pode pedir o bloqueio sim.

  343. maria
    mariamai 22, 2013

    Olá Rodrigo:

    Faz dois anos que financiei um carro e as prestações não pude mais pagar em virtude de dificuldades financeiras.Sei que entrou em busca e apreensão,mas nunca nenhum oficial veio a minha porta.Apenas uma pessoa apareceu dizendo que algum oficial podia vir,mas até agora nada.Foram 60 prestações.O banco também nunca se pronunciou
    pergunto o que faço.Não fui ao banco porque ainda não me encontro em condições de pagar.Se ligar pra eles ofere
    cendo algum valor acha você que é possivel acordo ainda?

    grata,
    maria

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 22, 2013

      Sim, é possível um acordo ainda, sobretudo porque a liminar de busca não foi efetivada. Este é o momento para renegociar as parcelas atrasadas, mas tome cuidado ao fornecer seu endereço, peça o boleto por email, depois de quitar a entrada não haverá problemas em atualizar seu cadastro na financeira.

  344. anderson roriz
    anderson rorizmai 21, 2013

    estou com 4 prestações atrasadas gostaria de saber se consigo pagar o ipva com o debito em aberto?obrigada!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 21, 2013

      Certo que sim, basta entrar no site do Detran de seu Estado e imprimir a guia de pagamento.

  345. joão paulo
    joão paulomai 21, 2013

    Boa tarde.
    tenho um carro financiado com quatro meses em atrasos.
    a financeira ligou e falei pra buscar o veiculo quais seria o meu custo.
    Só as parcelas em atrasos ou augo mais. grato

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 21, 2013

      Vai depender do acordo que fizer com a financeira, de suas habilidades de negociação sem esquecer de formalizar a entrega.

    • Laurene Reis
      Laurene Reismai 27, 2013

      Algo mais, voce está sofrendo um processo judicial por parte do banco, e as custas judiciais? VOCE TAMBÉM PAGA

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 27, 2013

      Não esquecer honorários advocatícios.

  346. Eliandro
    Eliandromai 20, 2013

    Boa noite Sr. Rodrigo, comprei um carro financiado pela bv paguei mais da metade das parcelas fiquei desempregado e não pude mais pagar, o carro foi para busca e apreensão depois comecei a trabalhar a financeira repassou o debito para a recouvery entrei em contato me fizeram uma proposta aceitei e paguei no dia 16 de novembro de 2011 e o carro ainda continua com a restrição de busca e apreensão no detran. Na justiça o juiz suspendeu o feito por conversçao das partes na semana passada. o que devo fazer, desde já muito obrigado

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 20, 2013

      Requerer ao seu advogado constituído no processo da busca e apreensão que analise se o juiz ordenou a retirada da restrição, do contrário, precisa requerer, e se for o caso de já ter deferido, verificar porque não foi cumprido e pedir multa diária até efetivo cumprimento.

  347. marcelo valente
    marcelo valentemai 17, 2013

    estou viajando ha 10 meses deixei o carro sob responsabilidade do meu irmão, recentemente fiquei sabendo que meu irmão desde minha viagem nao pagou nenhuma prestação estando assim 10 prestações em atraso, estou chegando daqui ha duas semanas e fui informado que o banco nao entrou mais em contato nem comigo e nem com ele desde a terceira prestação. o que ouve para o banco nao entrar mais em contato nem cmigo e nem com ele.
    e assim q eu chegar o que devo fazer, como proceder?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 17, 2013

      Geralmente quando o banco não entra mais em contato é porque está na iminência de sair a busca e apreensão que pode ocorrer a qualquer momento e você ser surpreendido pelo oficial de justiça. Certamente se quer evitar todos estes problemas deve entrar com o banco e pedir pela possibilidade de quitar ou parcelar as prestações em atraso, peça para enviar o boleto no mesmo dia e já efetue o pagamento, pois se a busca e apreensão acontecer você conseguirá reverter pela devolução do veículo no judiciário, haja vista que fez uma novação.

  348. Jessica duran
    Jessica duranmai 17, 2013

    ola, gostaria de saber o que faço? a respeito que financiei uma moto em 48 vezes, eu paguei 12 parcelas, e vendi sem assinar nenhum contrato, mais ele me voltou 1500 reais, e hoje falta 9 parcelas a ser quitada, mas está em atraso 3 parcelas, que a pessoa não pagou.e me ligaram dizendo que a moto vai para busca e apreensão. o que eu faço? posso pegar a moto de volta e eu assumir o resto das parcela? vou ter que voltar algum dinheiro pra ele? como faço pra pegar a moto de volta?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 17, 2013

      Pode negociar a recompra da moto, evidente que neste caso teria que acertar um valor com a pessoa, pois ela pagou diversas parcelas, isto seria em comum acordo, para pegar a moto de volta basta entrar em contato com a pessoa e alertar para o problema da busca e apreensão, se ela não fizer nada, ajude o banco informando onde a moto está quando você for citada na busca e faça o pagamento das 9 parcelas a vista e retire a moto em até 5 dias. Precisará de um advogado. Depois que a pessoa vier atrás querendo a moto denovo, você negocia o valor que gastou, custas, honorários etc.

  349. diego
    diegomai 16, 2013

    Boa noite!
    Quantas parcelas se caracteriza busca?

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 16, 2013

      Não é preciso esperar um número exato de parcelas para caracterizar a busca e apreensão. Basta apenas um dia de atraso e a notificação do devedor de que você se encontra em mora com o pagamento para dar razão em um processo de busca e apreensão. O que as financeiras fazem é aguardar algumas parcelas (em geral 3 a 5 dependendo) porque aí é quase certeza que o inadimplente não acertará as vencidas. Tudo gera um custo e pela financeira estes custos são impróprios para se iniciar uma busca e apreensão em um mês ou dois, até porque demora para deferimento de liminares em algumas localidades do país devido ao grande excesso de processos nos Fóruns.

    • Laurene Reis
      Laurene Reismai 27, 2013

      Busca apreensão somente acima de 90 dias

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 27, 2013

      Depende do padrão das assessorias e do comunicado do banco, alguns aguardam por padrão 3 meses porque presumem a pessoa estar enforcada e não conseguirá pagar, mas isto não quer dizer que seja um padrão, a cobrança judicial pode ocorrer já no primeiro dia de atraso, acontece que isto tem custos para os bancos como despesas da assessoria e as custas judiciais e no final o boleto pode ter atrasado porque o patrão atrasou o salário, daí que o mito de 90 dias nasceu, mas o direito mesmo é a partir do primeiro dia que não se constata o pagamento.

  350. Fernanda
    Fernandamai 14, 2013

    Boa tarde, Sr Rodrigo
    Em agosto de 2012 fiz a entrega amigavel de um carro que comprei e não consegui pagar, hoje recebi uma entimação no valor de R$ 935,00 para pagar as custas do processo, eles podem fazer isto ? Existe a possibilidade de eu recorrer ?
    Obrigado !

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 14, 2013

      Podem sim, que fique claro que as custas judiciais são do Tribunal de Justiça e não tem relação direta com o banco. Uma vez que o Sr. deu causa para a ação, deve arcar com as custas e honorários, e, ao que indica, remanesceu apenas as custas judiciais.

  351. Flávio
    Fláviomai 11, 2013

    Bom dia Dr. Rodrigo,
    Um caso de um carro financiado em 60 meses, e foram pagos 8 parcelas desse financiamento, e com nove parcelas atrasadas e com a busca e apreensão do veículo concedida, o carro foi apreendido. Não existe a possibilidade de quitação do valor total devido do carro por conta da proprietária, já se passou os cinco dias para tal, e com o pedido do advogado para a juntada do processo já se passou o prazo dos 15 dias para peticionar. Andei me informando e parece que só pode purgar a mora quando já se pagou 40% do valor do financiamento, isso é verdade? Por isso não peticionamos. E agora, qual o procedimento que pode ser feito para evitar maiores problemas, digo, existe a possibilidade ainda depois desse tempo todo da Conversão da Apreensão em Entrega Amigável e exigindo a quitação do contrato de financiamento com a financeira? Ou é só esperar o carro ser leiloado e ver se ficou alguma divida com a financeira ou não? Documentos, quitação do carro, nota fiscal da venda do leilão, mudança do nome no documento do antigo para o novo proprietário etc. São muitas dúvidas, mas desde já agradeço pela atenção.

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 11, 2013

      Neste caso restaria saber se da venda do veículo em leilão quitaria o empréstimo, lembrando que o valor aferido em leilão e usado para quitação, deve ocorrer o desconto dos juros do financiamento e não apenas multiplicar as parcelas restantes. Para saber se o veículo foi vendido basta acessar o site do Detran e pesquisar pelo renavam.

  352. Eliane da silva
    Eliane da silvamai 09, 2013

    Minha mãe é uma pessoa inexperiente, até porque é considerada em razão de uma doença grave e crônica, inválida. Uma pessoa que pouco conhecia, vendeu a ela um veículo que eu vim depois constatar no documento que está financiado através de um consórcio que certamente não vinha sendo pago as prestações. Ela pagou a vista e recebeu o recibo do veículo assinado, com firma reconhecida. Certamente deve está em busca e apreensão. O que ela deve fazer. Fico grata pela sua ajuda!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 09, 2013

      Tentar anular o negócio jurídico perante o judiciário, pode também pagar as parcelas em atraso, renegociar com o consórcio ou até mesmo procurar o vendedor para que ele quite os débitos existentes.

  353. LUCIENE DE JESUS BRANDAO
    LUCIENE DE JESUS BRANDAOmai 08, 2013

    BOA TARDE

    VENDI UM CARRO Q ESTA EM MEU NOME,PARA MEU SOBRINHO E ELE SUMIU COM O CARRO.
    TEM 3 PRESTACOES ATRAZADAS E O BANCO ME LIGOU E ME DISSE QUE JA GEROU BUSCA E APREENSAO.
    O QUE FAZER?POSSO DAR QUEIXA NA POLICIA DE ROUBO?O QUE POSSO FAZER?
    DESDE JA OBRIGADA

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 08, 2013

      Registrar um boletim de ocorrência pode ajudar, mas saiba que as prestações são de sua responsabilidade, independentemente do veículo retornar para você ou não.

  354. Lincoln
    Lincolnmai 08, 2013

    Rodrigo, obrigado pela resposta! Eu fiz isso logo após a apreensão do carro, procurei um advogado e entramos com recurso, quero saber se demora para o juiz dar a sentença, visto que as parcelas estão correndo e eu não estou pagando porque não sei se terei meu carro de volta, e se tem possibilidade do juiz me dar ganho de causa. Mais uma vez, agradeço sua atenção!

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 08, 2013

      Não é para demorar, depende do volume de trabalho do juiz na Comarca, se fez isso é grande a chance de recuperar o carro, mas deve pressionar o assessor do juiz para movimentar o processo porque é caso urgente. Agora, não pagar as parcelas é a pior coisa que poderá fazer, pois se o juiz intimar para ver se está em dia com as prestações (pode acontecer ou não), como é que explicará, deixe tudo em dia que é o melhor a ser feito. No mais, só aguardar a decisão.

  355. Lincoln
    Lincolnmai 07, 2013

    Rodrigo, financiei um carro e fiquei devendo 3 prestações mas paguei colocando em dia meu débito, isso foi em 20 de fevereiro de 2013, dia 15 de abril recebi a visita do oficial de justiça que me levou o carro, não estando devendo as parcelas depois de um mês e meio que tinha pago. Tenho como obter meu carro de volta? O que devo fazer???

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 08, 2013

      Neste caso específico, deve procurar um advogado para peticionar ao juiz requerendo a revogação da medida liminar face ao pagamento efetuado ANTES da citação e demonstrar que não há a dívida mencionada, só que se passaram um mês… deveria ter agido logo no dia seguinte.

  356. thiago
    thiagomai 06, 2013

    boa tarde rodrigo queria saber se podemos tirar acessorios do carro como som e rodas???

    • Rodrigo Martins
      Rodrigo Martinsmai 06, 2013

      Depende… Se já estiver apreendido não (ou depende de muita conversa com o depositário fiel), se não foi apreendido e está na iminência de ser, é possível.

  357. Ronaldo
    Ronaldomai 06, 2013

    Ola. financiei um carro em 60 parcelas ,ai nao concegui pagar e vendi pa assumir , ai agora faltam 16parcelas para quitar e o comprador ja deixou duas vencer . o que devo fazer.